Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

1-methylcyclopropene effects on volatile profile and quality of 'Royal Gala' apples produced in Southern Brazil and stored in controlled atmosphere

Rodrigo Thewes, Fabio; Both, Vanderlei; Brackmann, Auri; de Freitas Ferreira, Daniele; Wagner, Roger.
Ci. Rural; 45(12)2015.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-709305

Resumo

ABSTRACT: Apple volatile aroma depends of complex interaction among organic compounds. The aim of the present study was to evaluate the effect of 1-methylcyclopropene (1-MCP) application on volatile profile and quality on 'Royal Gala' apples produced in Southern Brazil and stored under controlled atmosphere condition (CA; 1.0kPa O2+1.2kPa CO2; 0.5±0.1°C; 94±1% relative humidity). Volatile profile was determined after eight month of CA storage plus 7 days of shelf life via solid-phase microextraction (HS-SPME) and analyzed by gas chromatography coupled to mass spectrometer. In the volatile profile were identified 8 esters, 11 alcohols, 6 aldehydes, 6 acids, 2 ketones, 1 ether and 1 terpene. 1-MCP application reduced significantly the main volatile compounds production by 'Royal Gala' apples produced in Southern Brazil. Its application decreases significantly the esters production, especially 2-methyl-butyl acetate and hexyl acetate, compared to 'Royal Gala' apples storage under CA. 1-methylcyclopropene application decrease ethylene production and respiration rate. Apples treated with 1-MCP exhibit higher hexanal and 2(E)-hexenal production.
RESUMO: O aroma de maçãs depende de uma complexa interação entre compostos orgânicos. O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da aplicação de 1-metilciclopropeno (1-MCP) sobre o perfil volátil e a qualidade de maçãs 'Royal Gala' produzidas no Sul do Brasil e armazenadas em atmosfera controlada (AC; 1,0kPa O2+1,2kPa CO2; 0,5±0,1°C; 94±1% umidade relativa). O perfil volátil foi determinado após oito meses de armazenamento mais seis dias de vida de prateleira através de micro extração em fase sólida (HS-SPME) e analisado por cromatografia gasosa acoplado a espectrofotômetro de massa. No perfil volátil, foram identificados 8 ésteres, 11 alcoois, 6 aldeídos, 6 ácidos, 2 cetonas, 1 éter e 1 terpeno. Aplicação de 1-MCP reduziu significativamente os principais compostos voláteis produzidos pela maçã 'Royal Gala'. Sua aplicação reduziu significativamente a produção de ésteres, especialmente 2-metil-butil acetato e hexil acetato, quando comparado à maçã 'Royal Gala' produzidas no Sul do Brasil e armazenada em AC. Aplicação de 1-metilciclopropeno reduziu a produção de etileno e respiração dos frutos. Maçãs tratadas com 1-MCP apresentam maior produção de hexanal e 2(E)-hexenal.
Biblioteca responsável: BR68.1