Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Ultrasonographic diagnosis of pyometra in bitches / Diagnóstico ultra-sonográfico de piometra em cadelas

Carlos Prestes, Nereu; Carlos Pinheiro Ferreira, João; Challoub Coelho Lima, Marcos; José Fuck, Egon; Vicente Nascimento Tavares, Carlos; Denise Lopes, Maria; Oba, Eunice.
Braz. j. vet. res. anim. sci; 32(2): 105-108, 1995.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-710828

Resumo

A B-mode ultrasonography (SCANNER 450 (5MHz), Pie Medical, Netherlands) was used either alone or associated with laboratorial and radiographic examinations in 33 bitches with clinical diagnosis of pyometra. The increased uterus appeared as a well defined tubular structure with diameter ranging from 0.5 up to 4.0 cm. The uterine lumen was less echoic than the wall, with evident echoic shinings. There was an accordance between the increasing in the viscosity of the vaginal secretion and the echoigenicity. The ultrasonographic diagnosis was possible in 31 bitches (94%) confirmed by laparotomy and autopsy. The B-mode ultrasonography can be used in the diagnosis of bitches with pyometra.
A ultra-sonografia do tipo B (SCANNER 450 (5MHz), Pie Medical, Holanda) foi utilizada isolada ou em conjunto com exames laboratoriais e radiográficos em 33 cadelas com história clínica compatível com piometra. O útero dilatado apresentou imagem ultrassonográfica de uma estrutura tubular bem definida com diâmetro entre 0,5 e 4,0 cm. O conteúdo luminal uterino apresentou menor ecogenicidade que a parede, com cintilações ecogênicas bem evidentes. Houve concordância entre o aumento da viscosidade da secreção e a intensidade ecogênica. O diagnóstico ultra-sonográfico foi possível em 31 animais (94%), e foi confirmado através de laparotomia ou necrópsia. Concluímos que a ultra-sonografia do tipo B é método eficiente, podendo ser utilizado no diagnóstico da piometra canina.
Biblioteca responsável: BR68.1