Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

EFEITOS DE PROMOTORES DE CRESCIMENTO SOBRE O DESEMPENHO DE FRANGOS DE CORTE NO VERÃO

J.V., ROCHA; GUSTINGUSTIN; NEVES, A.C.R.S.; M.S., BORGES; A.G., FREITAS; P.L., SILVA.
Vet. Not.; 12(2)2006.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-711325

Resumo

Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito de diferentes promotores de crescimento utilizados juntamente com prébióticos em comparação com o uso de rações preparadas somente com prébióticos, um produto acidificante e um fitoterápico sobre o desempenho zootécnico de frangos de corte de 1 a 42 dias de idade, no período de verão. O experimento foi realizado em uma granja comercial situada no município de Uberlândia- MG. Foram utilizados 2.400 frangos de corte de linhagem comercial, de ambos os sexos (50% machos e 50% fêmeas), de um dia de idade, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado sendo seis tratamentos com cem aves em cada e com quatro repetições. Os tratamentos foram os seguintes: (T1) dois promotores de crescimento (um antibióticos gram+ e um gram-) e prebiótico (mananoligossacarídeo), (T2) dois promotores de crescimento (um antibióticos gram+ e um gram-) e fitoterápico crescimento + fitoterápico engorda, (T3) controle (sem aditivos), (T4) controle + fitoterápico crescimento + fitoterápico engorda, (T5) ácidos orgânicos e (T6) prebiótico (mananoligossacarídeo) + probiótico. Os frangos foram alimentados com ração à base de milho e soja. Em todos os tratamentos utilizou-se premix para frango de corte, sem adição de promotor de crescimento. Peso corporal, consumo de ração e mortalidade foram acompanhados durante o experimento para avaliação dos índices zo
Biblioteca responsável: BR68.1