Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Parameters and genetics trends for maturation rate and asymptotic weight in Nellore cattle from Bahia State / Parâmetros e tendência genética da taxa de maturação e peso assintótico de bovinos da raça Nelore no Estado da Bahia

Henrique Mendes Malhado, Carlos; Luiz Souza Carneiro, Paulo; Martins Filho, Raimundo; Gomes Pereira, Derval; Roberto Antunes de Mello Affonso, Paulo; Maria Machado Ribeiro Azevedo, Danielle; César de Souza, Julio.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-711854

Resumo

The goal of the present work was to estimate the heritability values for milk yield (MY), age at first parity (AFP), lactation length (LL) and parturition interval (PI) as well as the genetic correlation between milk production and AFP, LP and PI of female cross-breed buffaloes raised in Brazil. Data from 628 females, from four farms and born between 1980 and 2003, were used. The estimated heritability coefficients were 0.17; 0.41; 0.03 and 0.08 for MP, AFP, PI and LP, respectively. The genetic correlation between MP and DL was high and equal to 0.89. On the other hand, the genetic correlation between MP and PI was equal to -0.25. No genetic association was observed between age at first parturition and milk production at first lactation. The milk production might be used as a useful selection trait for the improvement of lactation period and parturition interval in water buffaloes.
Objetivou-se com este estudo estimar as herdabilidades e a correlação genética entre os parâmetros A (peso assintótico) e k (taxa de maturação), obtidos pelo modelo logístico, e também as tendências genéticas e fenotípicas destes dois parâmetros em bovinos da raça Nelore no Estado da Bahia. Utilizou-se dados de no mínimo oito pesagens obtidas, em intervalos de aproximadamente 90 dias do nascimento aos dois anos de idade, de 6.855 bovinos, provenientes da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). Os coeficientes de herdabilidades para o peso assintótico (0,13) e taxa de maturidade (0,14) evidenciam a possibilidade de ganho genético com a seleção. A correlação genética negativa (-0,44) entre os parâmetros indica que selecionando animais com maior taxa de maturidade, obtém-se animais com menor peso adulto. Apesar da mudança fenotípica significativa nos dois parâmetros, o progresso genético é nulo no parâmetro k, evidenciando que não se tem feito seleção para precocidade.
Biblioteca responsável: BR68.1