Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Evaluation of genotypes of pearl millet for silage in semiarid / Avaliação de genótipos de milheto para silagem no semiárido

Pinho, Ricardo Martins Araujo; Santos, Edson Mauro; Rodrigues, José Avelino Santos; Macedo, Carlos Henrique Oliveira Oliveira; Campos, Fleming Sena; Ramos, João Paulo de Farias; Bezerra, Higor Fábio Carvalho; Pezarro, Alexandre Fernandes.
R. bras. Saúde Prod. Anim.; 14(3): 426-436, July.-Sept.2013. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-715271

Resumo

The objective of this research was to evaluate the forage yield, agronomic characteristics and morphometric plants and losses, fermentation and chemical composition of silages of pearl millet genotypes. To evaluate the agronomic and morphometric characteristics of genotypes it was used the randomized blocks experimental design with five replicates. In the phase of silos evaluation the design has become completely randomized design with four replications. Cultivars tested were Sauna B, CMS 01, ADR 500, BRS 1501 and CMS 03. There was no difference for PFF, DMP and DM. The pearl millet genotypes had a average PMV of 9073 kg/ha in the first cycle and 10.054kg/ha in the regrowth. As to the leaf and stem production there was not difference in both cuts. The concentration of AL ranged from 1.98 to 5.17% for genotypes B and CMS SAUNA 01, respectively. For the crude protein there was a significant effect among genotypes studied, with values ranging from 11.56 to 7.90%. The genotypes studied were equivalent in both the evaluation of the plants and the evaluation of silage, which can be used as an alternative fodder in semiarid regions.(AU)
Objetivou-se com esta pesquisa avaliar o rendimento forrageiro, as características agronômicas e morfométricas das plantas e as perdas, perfil fermentativo e composição bromatológica de silagens de genótipos de milheto. Para avaliação das características agronômicas e morfométricas dos genótipos utilizou-se o delineamento experimental em blocos casualizados, com cinco repetições. Na fase de avaliação dos silos experimentais o delineamento passou a ser inteiramente casualizado, com quatro repetições. Foram testados os cultivares Sauna B, CMS 01, ADR 500, BRS 1501 e CMS 03. Não houve diferença para a PMV, PMS e MS. Os genótipos de milheto apresentaram uma média de PMV de 9.073 kg/ha no primeiro ciclo e de 10.054kg/ha na rebrota. Quanto à lâmina foliar e a produção de colmo não houve diferença em ambos os cortes. Os teores médios de AL variaram de 1,98 a 5,17%, para os genótipos SAUNA B e CMS 01, respectivamente. Para os teores de PB verificou-se efeito significativo entre os genótipos estudados, com valores variando de 11,56 a 7,90%. Os genótipos estudados se equivaleram tanto na avaliação das plantas como na avaliação das silagens, podendo ser utilizados como uma alternativa forrageira em regiões semiáridas.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1