Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Histologic description of calves abomasum / Descrição histológica da mucosa do abomaso de bezerros

Cristina Modesto, Elisa; Bento Mancio, Antonio; Menin, Elaine; Roberto Cecon, Paulo; Elzo Leal de Barros, Emanoel; Luiz Marinho Castro, Álvaro; Detmann, Edenio.
Acta Sci. Anim. Sci.; 24: 1099-1106, 2002.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-724923

Resumo

The experiment was carried out at Federal University of Viçosa, state of Minas Gerais, Brazil, using forty crossbred calves from Milk Cattle Research National Centre - Embrapa, Coronel Pacheco, Minas Gerais (MG). Its objective is to study the performance of animals on different liquid diets: milk and fermented colostrum, with or without soybean oil, and with or without growth promoter (Zenarol). The animals were slaughtered in sixty days and had all digesting system organs weighted. The abomasum histology was described and quantified in cardiac, pyloric and fund regions, where thickness of the mucous, gland area and thickness of the epithelium were measured. Argirofilis, oxintic and zimogenic cells were also quantified. The fermented colostrum provided similar performance to milk. In histology measurements some treatment alteration was not observed. However, when the fermented colostrum was compared with several treatments, it provided similar relationship as to the abomasum functionality.
O experimento foi realizado na Universidade Federal de Viçosa, com 40 bezerros Holandês x Zebu (HZ), advindos do Centro Nacional de Pesquisa em Gado de Leite - Embrapa, em Coronel Pacheco, Estado de Minas Gerais. Objetivou-se avaliar o desempenho dos bezerros em dietas: com o leite e/ou o colostro fermentado, com adição ou não de óleo de soja, e aplicação ou não de Zeranol, estudando o sistema digestório. Os animais foram abatidos com 60 dias, e avaliadas as características histológicas do abomaso, em regiões distintas: região cárdica, fúndica e pilórica. Foram descritas a mucosa, a área de glândula, o epitélio, as células argirófilas, as células parietais e principais. O colostro fermentado proporcionou desempenhos semelhantes à dieta com leite, proporcionando maior desenvolvimento do estômago não-glandular. Nas medidas histológicas não foram observadas alterações quanto à dieta fornecida. O sucedâneo utilizado (colostro fermentado), quando comparado aos vários tratamentos, proporcionou relações semelhantes quanto à funcionalidade do abomaso.
Biblioteca responsável: BR68.1