Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Association of sugar cane bagasse, forage cactus and urea with different supplements in diets of Holstein heifers - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i2.1229 / Associação do bagaço de cana-de-açúcar, palma forrageira e uréia com diferentes suplementos em dietas para novilhas da raça holandesa - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i2.1229

Costa Carvalho, Mauriceia; de Andrade Ferreira, Marcelo; Valéria de Araújo Cavalcanti, Carmem; Evandro de Lima, Luis; Maria da Silva, Fabiana; Florentino Miranda, Karine; Sherlanea Chaves Véras, Antonia; de Azevedo, Marcilio; da Conceição Feitosa Vieira, Valéria.
Acta Sci. Anim. Sci.; 27(2): 247-252, 2005.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-724960

Resumo

This work was carried out to study the effect of supplementation with wheat meal, soybean meal and cracked corn (1 kg/heifer/day), on the performance of Holstein heifers fed with forage cactus (69.8%), sugar cane bagasse (27.6%) and urea (2.6%) based diets. Twelve heifers, with an initial live weight of 224 kg were used. The supplements did not affect intakes of dry matter (kg/day and % of LW) organic matter, neutral detergent fiber (kg/day and % of LW), total carbohydrates and non fiber carbohydrates (7.79 kg/d; 3.30%; 7.27 kg/d; 3.34 kg/d; 1,41%; 6.15 kg/d and 2.81 kg/d, respectively). The heifers that received soybean meal as supplement, showed larger intake of crude protein, total digestible nutrient and average daily weight gain (1.31, 4.56 and 1,17 kg/day, respectively). The average daily gain were 0,71 and 0,24 kg/day for heifers supplemented with wheat meal and cracked corn, respectively
Objetivou-se, com este trabalho, avaliar o efeito da suplementação com farelo de trigo, farelo de soja ou milho moído (1 kg/novilha/dia), sobre o desempenho de novilhas da raça Holandesa alimentadas com rações contendo palma forrageira (69,8%), bagaço de cana (27,6%) e uréia (2,6%). Foram utilizadas 12 novilhas com peso inicial de 224 kg. Os consumos de matéria seca e fibra em detergente neutro (kg/dia e % do peso vivo), matéria orgânica, carboidratos totais e carboidratos-não-fibrosos não foram alterados pelo suplemento (7,79 kg/dia; 3,30%; 3,34 kg/dia; 1,41%; 7,27 kg/dia; 6,15 kg/dia e 2,81 kg/dia, respectivamente). As novilhas que receberam farelo de soja apresentaram maiores consumos de proteína bruta e NDT além de maior ganho de peso (1,31, 4,56, e 1,17 kg/dia, respectivamente). O ganho de peso das novilhas suplementadas com farelo de trigo e milho moído foi de 0,71 e 0,24 kg/dia, respectivamente
Biblioteca responsável: BR68.1