Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Calcium levels in commercial laying hen diets in the second period of egg production - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1240 / Níveis de cálcio em rações de poedeiras comerciais no segundo ciclo de postura - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1240

Aparecida Rodrigues, Eliana; Mack Junqueira, Otto; Valerio, Mauricio; de Oliveira Andreotti, Marcelo; Cardoso Cancherini, Luciana; Emygdio de Faria, Douglas; da Silva Filardi, Rosemeire.
Acta Sci. Anim. Sci.; 27(1): 49-54, 2005.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-725018

Resumo

The experiment was carried out to evaluate the effects of calcium levels in commercial laying hen performance in the second period of egg production. 192 laying hens - 68 weeks of age were used. The experimental design was randomly in a 3x2 factorial arrangement: (0.5; 2.0 and 3.5% of calcium during the pause period and 2.0 and 3.6% of calcium during egg laying period). The variables studied were: ration consume production, weight and mass of egg, feed conversion, albumen quality and external quality of eggs. Egg weight, feed conversion and internal quality of the eggs were not influenced by the treatments in the pause period and in the egg production period. The external quality characteristics of the eggs were influenced by the treatments and the best results were obtained with the 2.0% calcium level at the pause period and 3.5% at the egg production period
O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar os níveis de cálcio nas rações de poedeiras comerciais no segundo ciclo de postura. Foram utilizadas 192 poedeiras com 68 semanas de idade. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em arranjo fatorial 3x2 (0,5; 2,0 e 3,5% de cálcio no período de repouso e 2,0 e 3,5% de cálcio no período de postura). As variáveis estudadas foram o consumo de ração, a produção, o peso e a massa de ovos, a conversão alimentar, a qualidade de albúmen e a qualidade externa dos ovos. O peso dos ovos, a conversão alimentar e a qualidade de albúmen não foram influenciados pelos tratamentos fornecidos no período de repouso e no período de postura. As características de qualidade externa dos ovos sofreram influência dos tratamentos, sendo os melhores resultados obtidos com níveis de 2,0% de cálcio no período de repouso e 3,5% de cálcio no período de postura
Biblioteca responsável: BR68.1