Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Evaluation of body growth and myoenteric neurons of Wistar rats after neonatal treatment with monosodium glutamate / Avaliação do crescimento corporal e dos neurônios mioentéricos de ratos Wistar após tratamento neonatal com glutamato monossódico - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v29i1.128

Montserrat Dias Pedrosa Furlan, Maria; Torrezan, Rosana; Fraccaro de Martins, Josy; Rizzato Vismara, Melina; Carlos Souza, Fernando.
Acta Sci. Biol. Sci.; 29(1): 87-94, 2007.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-725826

Resumo

This work aimed at evaluating how the neonatal treatment with monosodium glutamate reflects on body parameters and on myoenteric neurons of Wistar rats. Male rats were injected with monosodium glutamate during the first five postnatal days. Body growth was recorded until the age of 90 days, when the animals were killed. Fasting plasma glucose, caloric density and weight of organs were assayed. Gastric and duodenal whole-mounts stained with NADH diaphorase were observed for neuronal numbers and sizes. Growth, relative weight of organs and testicular caloric density of the injected rats were smaller than those of the controls, while their Lee index and relative fat content were greater. The number of duodenal neurons and the mean size of gastric neurons were smaller in the injected animals. These results are discussed in light of the endocrine, autonomic and behavioral changes stemming from the lesion of the hypothalamic arcuate nucleus by monosodium glutamate.
Avaliação do crescimento corporal e dos neurônios mioentéricos de ratos Wistar após tratamento neonatal com glutamato monossódico. Este trabalho objetivou avaliar como o tratamento neonatal com glutamato monossódico se reflete em parâmetros corporais e nos neurônios mioentéricos de ratos Wistar. Ratos machos foram injetados com glutamato monossódico durante os primeiros 5 dias após o nascimento. O crescimento corporal foi registrado até os 90 dias, quando os animais foram sacrificados. Glicose plasmática de jejum, densidade calórica e peso dos órgãos foram avaliados. Preparados de membrana gástricos e duodenais corados com NADH-diaforase foram observados quanto a número e tamanho dos neurônios. Crescimento, peso relativo dos órgãos e densidade calórica testicular dos ratos injetados foram menores que nos controles, enquanto o índice de Lee e o conteúdo relativo de gordura foram maiores. O número de neurônios duodenais e o tamanho médio dos neurônios gástricos foram menores nos animais injetados. Esses resultados são discutidos à luz das alterações endócrinas, autonômicas e comportamentais resultantes da lesão do núcleo arqueado hipotalâmico pelo glutamato monossódico
Biblioteca responsável: BR68.1