Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Effect of alfafa meal, fish meal and wheat bran on hepatic lipid deposition in Hisex White and Hisex Brown hens / Potencialidade do capim Elefante (Pennisetum purpureum, Schum), cultivares Mineiro e Vruckwona, como planta para ensilagem

Lavezzo, Wagner; Elisa Nogueira Mendes Lavezzo, Otavia; Eduardo Gutierrez, Luiz; Carlos Silveira, Antonio.
Braz. j. vet. res. anim. sci; 25(2): 275-283, 1988.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-727345

Resumo

Forty Hisex Brown (60 weeks old) and forty Hisex White (61 weeks old) hens were fed for six weeks, isocaloric and isonitrogenous diets containing 10% alfafa meal (FA), 10% fish meal (FP), 10% wheat bran (FT) or a corn-soybean meal diet (MS). The birds were divided into eight groups c o n t a i n i n g 10 hens each. Hens fed FA diet showed a significant reduction of liver weight and percent liver lipid when compared to control group (MS). Liver weight and liver lipid (% and mg / 100 g body weight) were significantly reduced for the Hisex Brown layers. Percentage of liver haemorrhage was significantly lower for the birds fed FP diet. Hens fed the FA diet laid significantly less eggs during the experiment than those fed the corn-soy diet (MS). The Hisex Brown hens showed significantly higher values of egg weight and egg production than the Hisex White birds.
Avaliou-se a potencialidade dos cultivares Mineiro e Vruckwona, do capim-Elefante (Pennisetum purpureum, Schum), como plantas para ensilagem. Após o corte aos 75 dias de desenvolvimento, mensurou-se a produção das qramíneas, além do que, antes da ensilagem, elas foram submetidas a quatro tratamentos: emurchecimento ao sol por 8 horas e, adição ao material fresco e picado de 0,5 % de formol (40% formaldeído), 0,5% de ácido fórmico (85%) e 0,2% da solução de "Viher" (70% formol + 26% de ácido fórmico + 4% de água). A produção de matéria verde, do cultivar Vruckwona (97,2 t/ha) suplantou o Mineiro (77,2 t/ha), sendo seus teores de matéria seca, respectivamente de 18,67 % e 16,46%. O emurchecimento foi o único tratamento a elevar o teor de matéria seca para 26,33%, enquanto que os demais o mantiveram, em média de 19,68%. Para o cultivar Vruckwona, os teores de carboidratos solúveis (10,79%), glicose (3,96%), frutose (4, 44%) foram superiores aos valores registrados para o cultivar Mineiro, a saber: 9,32%, 3,08% e 3,35%, respectivamente. Dos tratamentos adotados, o ácido fórmico propiciou o mais elevado poder tampão ao ácido clorídrico (33,82 e. mg. HCL / 100 g MS), enquanto que o dos demais tratamentos foi baixo (17,99 e. mg ).
Biblioteca responsável: BR68.1