Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Pseudocholinesterase serum in murrah bufallo / Teor de pseudocolinesterase no sôro de búfalos da raça murrah

Alves de Souza, José; Zezza Neto, Luiz; B. K. Mueller, Svea; Onofre Martins, Euclydes.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-727744

Resumo

The authors emphasize the importance of knowing the normal values of pseudocholinesterase in serum of buffaloes of the Murrahs race. They point out the necessity of enlarging the knowledge related with the normal biology of this animal species, that has gained prominence in our environment. The authors used 30 animals, adults, female, pure by origin or by cross-breeding, maintained under clinical observation in the inland of São Paulos state. The electrometric method of MICHEL was utilized to determinate the activity of cholinesterase in serum. The results were statistically analyzed, employing a paired t test. The mean value of activity that was found for these animals was pH 0,1232, table I. They verify that the bubalis do not integrate the animal classification suggested by CHARY et al. (1). Finally, they concluded that the bubalis of Murrahs race present pseudocholinesterase activity in serum very similar to the bovines.
Os autores ressaltam a importância do conhecimento de valores séricos normais de pseudocolinesterase em búfalos da raça Murrah. Destacam a necessidade de ampliar os conhecimentos relacionados com a biologia normal dessa espécie animal, cuja exploração zootécnica vem ganhando destaque em nosso meio. Utilizam 30 animais adultos, sexo feminino, puros de origem ou puros por cruza, mantidos sob vigilância clínica, no interior do Estado de São Paulo. Empregam o método eletrométrico de Michel para as determinações da atividade sérica da pseudocolinesterase. Os resultados são submetidos a análise estatística através deum teste t pareado. Encontram como valor médio de atividade para estes animais o valor de delta pH 0,1232 (Tabela I). Constatam que os bubalinos não integram a classificação proposta por Chary e colaboradores (1). Concluem finalmente que os bubalinos de raça Murrah apresentam atividade sérica de pseudocolinesterase bem próxima aos bovinos.
Biblioteca responsável: BR68.1