Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Use of natural antioxidants in in vitro mammalian embryo production / Uso de antioxidantes naturais na produção in vitro de embriões de mamíferos

Santos, Maria Valéria de Oliveira; Borges, Alana Azevedo; Queiroz Neta, Luiza Bento de; Bertini, Luciana Medeiros; Pereira, Alexsandra Fernandes.
Semina Ci. agr.; 39(1): 431-444, jan.-fev. 2018. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-728487

Resumo

In vitro embryo production (IVEP) contributes to the quantitative and qualitative aspects of animal reproduction. Nevertheless, inherent technical factors such as oxidative stress can negatively influence the result and this can impair cell metabolism, thus decreasing the rates of in vitro development, and necessitating the supplementation of culture medium with antioxidants. In this context, compounds of natural origin with this property have been highlighted because of the positive results obtained at different stages of IVEP. Thus, this review aims to present the results obtained by using natural antioxidants to minimize the effects of oxidative stress on gametes and embryos. A variety of natural isolated substances and mixtures (essential oils and extracts) have been studied for supplementation of IVEP media, at stages of in vitro maturation, sperm capacitation, in vitro fertilization, and in vitro development of embryos in different mammalian species. Generally, beneficial effects are observed according to the concentration used, thus demonstrating the potential of several natural antioxidants. Therefore, the main challenges in using these compounds as antioxidants during IVEP include proving their efficiency against free radicals and determining the best concentration at each stage. In addition, understanding the mechanisms of action of such antioxidants is crucial...(AU)
A produção in vitro de embriões (PIVE) contribui para os aspectos quantitativos e qualitativos da reprodução animal. Contudo, fatores inerentes da técnica, como o estresse oxidativo, podem influenciar negativamente o resultado e isso pode prejudicar o metabolismo celular, diminuindo assim as taxas de desenvolvimento in vitro, e exigindo a suplementação do meio de cultivo com antioxidantes. Neste contexto, os compostos de origem natural com essa propriedade têm se destacado devido aos resultados positivos obtidos em diferentes estágios da PIVE. Assim, esta revisão pretende apresentar os resultados obtidos usando antioxidantes naturais para minimizar os efeitos do estresse oxidativo em gametas e embriões. Uma variedade de substâncias isoladas e de misturas naturais (óleos essenciais e extratos) tem sido estudada para a suplementação de meios de PIVE, nas etapas de maturação in vitro, capacitação espermática, fecundação in vitro e desenvolvimento in vitro de embriões em diferentes espécies de mamíferos. Geralmente, os efeitos benéficos são observados de acordo com a concentração utilizada, demostrando assim o potencial positivo de vários antioxidantes naturais. Portanto, os principais desafios para o uso desses compostos como antioxidantes durante a PIVE incluem provar sua eficiência contra os radicais livres e determinar a melhor concentração em cada etapa. Além disso...(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1