Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Proteolytic behavior of isolated Pseudomonas spp. from refrigerated raw milk in different concentrations and storage temperatures / Comportamento proteolítico de Pseudomonas spp. isoladas de leite cru refrigerado em diferentes concentrações e temperaturas de estocagem

Ribeiro, Ana Cristina Pinesso; Bruzaroski, Samera Rafaela; Pereira, Flavia de Almeida Bergonse; Paião, Fernanda Gonzales; Poli-Frederico, Regina Celia; Santos, Joice Sifuentes dos; Santana, Elsa Helena Walter de.
Semina Ci. agr.; 39(1): 419-424, jan.-fev. 2018. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-728505

Resumo

The objective of the work was to evaluate the multiplication capacity and proteolytic activity of different Pseudomonas spp. cell counts inoculated in milk and storaged under different temperature. Strains isolated from refrigerated raw milk (RRM) were confirmed at genus level by Polymerase Chain Reaction (PCR). The Pseudomonas spp. was cultured in cephalothin-sodium fusidate-cetrimide (CFC) agar-base (30?C for 48 h) until it reached 2 log and 6 log CFU mL-1. Three of eight strains confirmed as Pseudomonas spp were inoculated in sterile reconstituted whole milk powder and incubated at 2C, 4C, and 8C for 96 h. Primary proteolysis indices was determined by the Kjeldahl method. When taking into account the effect of storage time in Pseudomonas spp. population, it was found that the initial population (2 log CFU mL-1) showed significant difference in growth rates only from 0 h to 24 h, keeping at the same levels along 96 h. When a higher initial population was incubated (6 log CFU mL-1), it was not observed a significant difference for times tested. Related to the effect of storage time in proteolysis index, it was not observed a significant difference in samples inoculated with 2 and 6 log CFU mL-1 Pseudomonas spp. When we analyzed the influence of storage temperature on the bacterial multiplication, there was a significant difference in the Pseudomonas spp. population...(AU)
O objetivo deste trabalho foi avaliar a capacidade de multiplicação e a atividade proteolítica de diferentes populações de Pseudomonas spp. inoculadas em leite e estocadas em diferentes temperaturas. Cepas isoladas de leite cru refrigerado (LCR) tiveram o gênero confirmado pela Reação em Cadeia da Polimerase (PCR). Pseudomonas spp. foram isoladas em ágar pseudomonas adicionado de cephalothin-sodium fusidate-cetrimide (30?C por 48 h) até atingir as populações de 2 log e 6 log UFC mL-1. Três de oito cepas confirmadas como Pseudomonas spp. foram inoculadas em leite em pó integral reconstituído esterilizado e incubadas a 2C, 4C e 8C por 96 h. O índice de proteólise primária foi determinado pelo método de Kjeldahl. Considerando o efeito do tempo de estocagem na multiplicação de Pseudomonas spp., observou-se que nas baixas populações iniciais (2 log CFU mL-1) houve diferença significativa na multiplicação bacteriana apenas de 0 h para 24 h, mantendo-se estável ao longo das 96 horas de estocagem. Quando uma população inicial mais alta (6 log UFC mL-1) foi estocada, não observou-se diferença significativa entre o tempo zero e os demais testados. Em relação ao efeito do tempo de estocagem no índice de proteólise, não foi encontrada diferença significativa neste índice, nas amostras com inóculo inicial de 2 e 6 log UFC mL-1 de Pseudomonas spp. Quando foi analisado o efeito da...(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1