Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Riscos ocupacionais na oncologia veterinária: avaliação do conhecimento de médicos veterinários brasileiros sobre a administração e manipulação de fármacos antineoplásicos / Occupation hazard in veterinary oncology: evaluation of the knowledge of brazilian veterinarians about administration and manipulation of antineoplastic drugs

Pucci, M. B; Fracácio, C. P; Jark, P. C.
Ars Vet.; 34(1): 39-45, 2018. mapas, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-735275

Resumo

Apesar de a quimioterapia ser uma modalidade terapêutica muito comum no tratamento de pacientes com câncer, os riscos de manipulação de fármacos antineoplásicos ainda são desconhecidos por muitos médicos veterinários que a utilizam de forma inapropriada, desconhecendo seu potencial mutagênico, teratogênico e carcinogênico promovendo riscos à própria saúde. O objetivo do estudo foi avaliar o conhecimento de médicos veterinários brasileiros, sobre os riscos ocupacionais de manipulação e formas corretas de administração de fármacos antineoplásicos na rotina oncológica. Foram entrevistados 442 médicos veterinários das cinco regiões brasileiras e os mesmos responderam questões de múltipla escolha a respeito das práticas adotadas durante a aplicação e manipulação de quimioterapia na rotina clínica. Os resultados desse estudo demonstram que os médicos veterinários brasileiros possuem conhecimento parcial sobre as condutas a serem realizadas durante a administração e manipulação de quimioterápicos além de muitos profissionais desconhecerem os riscos ocupacionais inerentes a esses fármacos colocando em risco a própria saúde, assim como a dos tutores e seus animais.(AU)
Although chemotherapy is a very common therapeutic modality in the treatment of cancer patients, the risks of manipulation of antineoplastic drugs are still unknown by many veterinary who use it inappropriately, ignoring itsmutagenic, teratogenic and carcinogenic potential, promoting risks to its own heath. The objective of the study was toevaluate the knowledge of Brazilian veterinarians about the occupational risks of manipulation and correct forms ofadministration of chemotherapy in the oncological routine. A total of 442 veterinarians from five Brazilian regions were interviewed and answered multiple choice questions regarding the practices adopted during the application and manipulation of chemotherapy in the clinical practice. The results of this study demonstrate that Brazilian veterinarians have partial knowledge about the conducts to be performed during the administration and manipulation of chemotherapeutic agents, and many professionals are unaware of the occupational risks inherent to these drugs andthese actions can compromise the own health as well as that of the owners and animals.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1