Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Phenology of Guarea macrophylla Vahl (Meliaceae) in subtropical riparian forest in southern Brazil / Fenologia de Guarea macrophylla Vahl (Meliaceae) em mata ciliar subtropical no sul do Brasil

Müller, A; Schmitt, J. L.
Braz. J. Biol.; 78(2): 187-194, maio-ago. 2018. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-735315

Resumo

Climate is one of the main factors that affect plant behavior. The phenology of Guarea macrophylla Vahl, which is a small tree used for reforestation of degraded areas, was monitored for 18 months in a riparian forest at the Schmidt Stream, Campo Bom, in the state of Rio Grande do Sul, southern Brazil. Vegetative (leaf fall and leaf flushing) and reproductive events were observed, with the latter divided into flowering (flower buds and anthesis) and fruiting (unripe, ripening and ripe fruit). Phenological events were related to temperature, photoperiod and precipitation and their seasonality was verified by circular statistical analysis. Vegetative phenophases were continuous; they were not related to climate factors and presented low intensity, emphasizing the perennial aspect of the species. Flowering occurred during spring and summer. Both flower buds and anthesis were related to temperature and photoperiod. Fruiting was constant and went through all stages of development. Unripe fruits developed during the months with the lowest photoperiod and ripen more intensely in winter, on colder days. Ripe fruit became available for dispersal in spring, in times of longer photoperiod and higher temperatures. Except for leaf fall, all other phenological events showed seasonality in their manifestation. The one-month difference between the onsets of the flowering phases observed in this study indicated that local climate changes induced the early occurrence of this phenophase.(AU)
O clima é um dos principais fatores que condicionam o comportamento das plantas. A fenologia de Guarea macrophylla Vahl, arvoreta utilizada no reflorestamento de áreas degradadas, foi acompanhada durante 18 meses, em mata ciliar do arroio Schmidt, Campo Bom, RS, Brasil. Foram observados os eventos vegetativos (queda foliar e brotamento) e reprodutivos, separados em floração (botão floral e antese) e frutificação (frutos imaturos, maturando e maduros). Os eventos fenológicos foram relacionados à temperatura, ao fotoperíodo e à precipitação e a sua sazonalidade foi verificada por meio da análise estatística circular. As fenofases vegetativas foram contínuas, não se relacionaram com os fatores climáticos e apresentaram baixa intensidade, ressaltando a característica perene da espécie. A floração ocorreu durante a primavera e o verão e tanto botão floral quanto antese relacionaram-se com temperatura e fotoperíodo. A frutificação foi constante e passou por todos os estádios de desenvolvimento. Os frutos imaturos desenvolveram-se em meses com o menor fotoperíodo e maturaram mais intensamente no inverno, em dias de menor temperatura. Os frutos maduros tornaram-se disponíveis para os dispersores na primavera, em períodos com maior fotoperíodo e temperatura. Com exceção da queda foliar, todos os outros eventos fenológicos apresentaram sazonalidade em sua manifestação. O adiantamento de um mês entre as florações observadas no presente estudo indicou que as alterações climáticas locais de temperatura induziram a ocorrência antecipada dessa fenofase.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1