Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Additional effect of coated sodium butyrate 30% in the piglets feeding during the nursery phase / Efeito adicional do butirato de sódio 30% revestido na alimentação de leitões durante a fase de creche

Oliveira, Newton Tavares Escocard de; Carvalho, Paulo Levi de Oliveira; Genova, Jansller Luiz; Caxias Junior, Osíris Antunes de; Cristofori, Eliseu Carlos; Silveira, Fábio Henrique Rodrigues; Santana, Ana Lúcia Almeida.
Semina Ci. agr.; 39(6): 2771-2782, nov.-dez. 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-738684

Resumo

In this study, the objective was to assess the growth performance, rectal microbiological profile, serum and immunological standards, and incidence of diarrhoea in piglets in the nursery phase fed diets with and without the addition of coated sodium butyrate 30% (SB). A total of 80 crossbred piglets (40 entire males and 40 females), with an average initial body weight of 9.47 ± 1.03 kg, were distributed in a randomised block design, with four treatments repeated twice in the two blocks and five piglets of the same gender per experimental unit. The treatments comprised a combination of two feeds, formulated based on corn and soybean meal with and without 0.1% SB inclusion as an additional product, and both genders, fed from of the pre-starter I diet. SB did not affect (p > 0.05) the growth performance and rectal microbiological profile of the piglets, but efficiently (p = 0.05) controlled the incidence of diarrhoea. The average values of the characteristics measured in the blood of the piglets were within the normal physiological parameters of the species. The inclusion of SB in commercial feed did not alter the growth performance and rectal microbiological profile of nursery piglets under low sanitary challenge conditions. However, the organic acid efficiently reduced gastrointestinal disorders that cause diarrhoea, with diarrhoea incidence rates of 2.68 and 4.46% for piglets fed with and without the inclusion of the additional organic acid, respectively.(AU)
Neste estudo, o objetivo foi o de avaliar o desempenho zootécnico, o perfil microbiológico retal, padrões imunológicos e no soro, e a incidência de diarreia em leitões na fase de creche alimentados com dietas adicionadas ou não do butirato de sódio 30% revestido (BS). Um total de 80 leitões mestiços (40 machos inteiros e 40 fêmeas), com um peso corporal médio inicial de 9,47 ± 1,03 kg, distribuídos em um delineamento experimental de blocos casualizados, com quatro tratamentos repetidos duas vezes nos dois blocos e cinco suínos de mesmo sexo por unidade experimental. Os tratamentos foram constituídos pela combinação de duas rações formuladas à base de milho e farelo de soja, com e sem inclusão de 0,1% de BS como produto adicional, e dois sexos, alimentados a partir da dieta pré-inicial I. Não houve efeito (p > 0,05) do BS no desempenho zootécnico e no perfil microbiológico retal dos leitões, mas houve eficiência do BS (p = 0,05) no controle da incidência de diarreia. Os valores médios das características mensuradas no sangue dos leitões estão dentro dos parâmetros fisiológicos normais da espécie. A inclusão de BS em rações comerciais não altera o desempenho zootécnico e o perfil microbiológico retal de leitões na fase de creche sob condições de baixo desafio sanitário. Entretanto, o ácido orgânico é eficiente na redução de distúrbios gastrointestinais causadores de diarreia, com proporções de incidência de diarreia de 2,68% e 4,46% para leitões alimentados com e sem inclusão do ácido orgânico adicional, respectivamente.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1