Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Metabolizable energy for broilers with different genetic growth potentials under a free-range system / Energia metabolizável para frangos de corte com diferentes potenciais genéticos para crescimento criados em sistema de livre acesso ao piquete

Massi, P. A; Lima, C. A. R; Machado, N. J. B; Dilelis, F; Brasil, R. J. M; Corrêa, G. S. S; Curvello, F. A.
B. Indústr. Anim.; 752018. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-738937

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos de diferentes níveis de energia metabolizável (EM) nos parâmetros de desempenho e características de carcaça em frangos de corte de crescimento lento (experimento 1) e crescimento rápido (experimento 2) criados em sistemas de livre acesso ao piquete. Os frangos de corte tinham de 35 a 70 dias de idade no experimento 1 e 28 a 49 dias de idade no experimento 2. Um delineamento experimental inteiramente casualizado foi usado em ambos os experimentos, com cinco tratamentos e quatro repetições, totalizando 20 unidades experimentais com 15 frangos de corte cada. Os tratamentos consistiram em rações com níveis crescentes de energia metabolizável obtido pela adição de óleo de soja na dieta basal em substituição ao ingrediente inerte areia. Os níveis de energia metabolizável estudados no experimento 1 foram 2700, 2800, 2900, 3000 e 3100 kcal/kg e, no experimento 2, foram 2800, 2900, 3000, 3100 e 3200 kcal/kg. No experimento 1, houve uma redução linear (P<0,05) no consumo com o aumento do nível de energia metabolizável e observou-se um efeito quadrático (P<0,05) na conversão alimentar, que foi estimada em 3046 kcal /kg que resultou na melhor conversão alimentar de 2.648. No experimento 2, os níveis de energia metabolizável exerceram um efeito quadrático (P<0,05) no consumo de ração e no consumo de energia metabolizável, com um consumo máximo de ração (3361,27 g) estimado em 2842 kcal EM/kg, e a ingestão máxima de energia foi estimada em 10020 kcal. A conversão alimentar diminuiu linearmente (P<0,05) com o aumento dos níveis estudados. Para melhor conversão alimentar de frangos de corte criados em um sistema de livre acesso ao piquete, os níveis de energia recomendados são os seguintes: 3046 kcal/kg para frangos de crescimento lento de 35 a 70 dias de idade, e 3200 kcal/kg para frangos de corte de crescimento rápido de 28 a 49 dias de idade.(AU)
The objective of this study was to evaluate the effects of different levels of metabolizable energy (ME) on performance parameters and carcass characteristics in slow-growing (experiment 1) and fast-growing (experiment 2) broilers in a free-range system. Were evaluated broilers from 35 to 70 days old in experiment 1 and 28 to 49 days old in experiment 2. A completely randomized experimental design was employed in both experiments, with five treatments and four replicates totaling 20 experimental units containing 15 broilers each. The treatments consisted of rations that had increasing metabolizable energy levels obtained by the substitution of soybean oil in the basal diet for the inert sand ingredient. The metabolizable energy levels studied in experiment 1 were 2700, 2800, 2900, 3000 and 3100 kcal/kg, and in experiment 2, they were 2800, 2900, 3000, 3100 and 3200 kcal/kg. In experiment 1, there was a linear (P<0,05) reduction in consumption with the increase in the metabolizable energy level, and a quadratic effect (P<0,05) on the feed conversion was observed, which was estimated as 3046 kcal/kg the level that resulted in a better feed conversion of 2.648. In experiment 2, the metabolizable energy level exerted a significant quadratic effect (P<0,05) on the feed intake and metabolizable energy consumption, with a maximum feed intake (3361.27 g) estimated for 2842 kcal/kg, and the maximum energy intake was estimated at 10020 kcal. The feed conversion decreased linearly (P<0,05) with there was an increase in the studied levels. For broilers reared in a free-range system, for better feed conversion, the recommended metabolizable energy levels are as follows: for slow-growing broilers from 35 to 70 days of age, 3046 kcal/kg, and 3200 kcal/kg is recommended for fast-growing broilers from 28 to 49 days of age.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1