Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Comparison between human and rat TMJ: anatomic and histopathologic features / Comparação entre a ATM humana e de ratos: achados anatômicos e histopatológicos

Porto, Gabriela Granja; Vasconcelos, Belmiro Cavalcanti do Egito; Andrade, Emanuel Sávio de Souza; Silva-Junior, Valdemiro Amaro.
Acta cir. bras.; 25(3): 290-293, May-June 2010. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-7421

Resumo

PURPOSE: To describe and evaluate normal rat temporomandibular joints from anatomic and histopathologic point of view and make a comparison between this joint in rats and humans. METHODS: Twelve male adult Wistar rats (12 same side joints) were used in this procedure. The following anatomical structures were histologically evaluated in a qualitative fashion: condyle, disc, temporal bone, retrodiscal tissue and synovia. The macroscopical and microscopic study of the human TMJ was based on the current literature. RESULTS: The TMJ is surrounded by a thin capsule, consisting of fibrous tissue, and a synovial lining. The mandibular angle has a prominent shape. The glenoid fossa is flat, with no eminences. Histologically, the TMJ is composed of different tissues that comprise the mandibular head, mandibular fossa and fibrocartilaginous disc. A layer of hyaline cartilage covers the articulating cortical condyle and temporal bone. CONCLUSION:Morphologically and histologically, the articular structure of rats is, on the whole, similar to that of humans. In these animals there is no articular eminence.(AU)
OBJETIVO: Descrever e avaliar a articulação temporomandibular de ratos sob o aspecto anatômico e histológico e realizar uma comparação entre esta articulação e a de humanos. MÉTODOS: Foram utilizados doze ratos adultos Wistar (12 articulações do mesmo lado). As seguintes estruturas anatômicas foram avaliadas de forma qualitativa: côndilo, disco, osso temporal, tecido retrodiscal e sinóvia. O estudo macroscópico e o microscópico da ATM humana foram baseados na literatura atual. RESULTADOS: A ATM é envolvida por uma fina cápsula, formada por tecido fibroso e cobertura sinovial. O ângulo mandibular é proeminente. A fossa glenoide é rasa, sem eminência articular. De acordo com os achados histológicos, a ATM é composta por diferentes tecidos, são eles a cabeça da mandíbula, a fossa mandibular e o disco fibrocartilaginoso. Uma camada de cartilagem hialina recobre a superfície articular do côndilo e do osso temporal. CONCLUSÃO: De acordo com os achados morfométricos e histológicos, a estrutura articular em ratos é, no geral, similar a articulação humana. Exceto que nesses animais não há eminência articular.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1