Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Aspectos patológicos da intoxicação por aceturato de diminazeno em camelídeos sul-americanos / Pathological aspects of diminazene aceturate toxicosis in american camelids

Seixas, Josilene N; Orlando, Débora R; Wouters, Flademir; Wouters, Angelica T. B; Varaschin, Mary S; Raymundo, Djeison L.
Pesqui. vet. bras; 37(12): 1509-1513, dez. 2017. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-743406

Resumo

Aceturato de diminazeno é um fármaco quimioterápico sintético comumente usado na medicina veterinária para o tratamento de doenças causadas por parasitos hematozoários. Entretanto, seu uso pode levar a efeitos colaterais, como alterações neurológicas graves e morte. A criação de camelídeos é uma atividade recente no Brasil, fazendo-se necessário conhecer mais sobre as doenças que acometem essas espécies. De dez camelídeos (seis lhamas e quatro alpacas) da propriedade, seis tiveram sinais clínicos e, destes, apenas uma lhama com manifestações leves recuperou-se. Os sinais clínicos incluíam apatia, andar cambaleante, fraqueza, sialorreia, cabeça baixa e pendida lateralmente, dificuldade em levantar e dispneia, observados a partir de 18 horas após o uso do medicamento. À necropsia e ao exame histopatológico foram observadas alterações de encefalopatia hemorrágica bilateral e simétrica, mais graves em tronco encefálico e tálamo. Este trabalho descreve as principais lesões observadas em um surto de intoxicação por diminazeno em alpacas (Lama pacos) e lhamas (Lama glama) e alerta criadores e veterinários sobre o risco de intoxicação por aceturato de diminazeno em camelídeos sul americanos.(AU)
Diminazene aceturate is a synthetic chemotherapeutic drug commonly used in veterinary medicine for the treatment of diseases caused by hematozoan parasites. However, side effects as severe neurological disorders and death can occur. The raising of american camelids is a recent activity in Brazil, requiring knowledge about diseases that affect these species, in order to avoid misguided conducts. In a herd of ten camelids (six llamas and four alpacas) six showed clinical signs and five died; only a llama with mild signs recovered. The clinical signs included apathy, difficulty to stand up, staggering gait, weakness, down head and drooping the head laterally, dyspnea and drooling of saliva, observed from 18 hours after use of the drug. At necropsy and histopathological examination was found bilateral and symmetrical hemorrhagic encephalopathy, more severe in brainstem and thalamus. This paper describes the main lesions observed in an outbreak of diminazene aceturate poisoning in alpacas (Lama pacos) and llamas (Lama glama) and alert breeders and veterinarians about the risk of poisoning by this drug in american camelids.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1