Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

B-mode ultrasonography and gray scale histogram for evaluation of the nuchal ligament in Quarter horse

Santos, Wildemberto A.; Vettorato, Michel C.; Fogaça, Jéssica L.; Mazzante, Nayara M.G.; Oliveira, Fernanda G.; Nogueira, Guilherme P.; Luvizotto, Maria C.R.; Machado, Vânia M.V..
Pesqui. vet. bras; 39(8)2019.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-744294

Resumo

ABSTRACT: The gray scale histogram (GSH) makes it possible to measure the amount and distribution of gray shade frequencies, providing quantitative information on both echogenicity and echotexture of tissues. There is a need to diminish the subjectivity of the ultrasound images of the nuchal ligament (NL). This work proposes to evaluate the NL by ultrasound B-mode GSH images in different ages of Quarter horses. It used 15 healthy Quarter horses, which were classified by age into three different groups: baby (1), sobreano (2) and adult (3). The animals were submitted to chemical restraint for the ultrasound examination. Subsequently, the GSH tool was used in each image for statistical analysis. There was a significant difference between Mean and Mode between groups. Group 1 differed significantly when compared to Group 2 and 3. Group 2 presented superior echogenicity to Group 1 and 3. The height of the NL did not vary considerably between groups. GSH indicated that the echogenicity of NL in Quarter horses varies with age.
RESUMO: O histograma em escala de cinza (HEC) possibilita a mensuração da quantidade e distribuição da frequência de tonalidades de cinza, fornecendo informações quantitativas, tanto sobre a ecogenicidade quanto a ecotextura dos tecidos. Havendo a necessidade de diminuir a subjetividade das imagens ultrassonográficas do ligamento nucal (LN), esse trabalho propôs avaliar o LN por imagens ultrassonograficas modo-B pelo HEC em diferentes idades de cavalos da raça Quarto de Milha. Utilizou 15 cavalos da raça Quarto de Milha saudáveis os quais foram classificados por idade em três grupos diferentes: baby (1), sobreano (2) e adulto (3). Os animais foram submetidos a contenção química para a realização do exame ultrassonográfico. Posteriormente, a ferramenta HEC foi empregada em cada imagem para análise estatística. Houve diferença significativa entre as variáveis Mean e Mode entre os grupos. O Grupo 1 diferenciou significativamente quando comparado ao Grupo 2 e 3. O Grupo 2 apresentou ecogenicidade superior ao Grupo 1 e 3. Quanto à altura do LN não teve variação considerável entre os grupos. O HEC indicou que a ecogenicidade do LN em cavalos Quarto de Milha varia conforme a idade.
Biblioteca responsável: BR68.1