Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

COMPOSIÇÃO DO LEITE DE CABRAS SAANEN INFECTADAS EXPERIMENTALMENTE COM Staphylococcus aureus E SUBMETIDAS A DOIS PROTOCOLOS DE TRATAMENTO

Peixoto, Rodolfo de Moraes; Araújo, Renata de Moraes Peixoto; Peixoto, Luciana Jatobá e Silva; Rocha, Werônica Souza; Sá, Maria da Conceição Aquino de; Costa, Mateus Matiuzzi da.
Ci. Anim. bras.; 17(3)2016.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-745177

Resumo

Abstract: This study aimed to evaluate the chemical composition of milk after infection and treatment of mastitis caused by Staphylococcus aureus. Ten Saanen goats were used. Experimental infection was performed in 20 mammary glands, forming four groups, each consisting of five mammary glands. One group was treated with commercial antimicrobial and another with natural plant extract-based ointment. The other groups were constituted as control. The values obtained for fat, lactose, protein, total solids, and milk production were analyzed through the experimental moments, comparing them among each other and between experimental groups. Mastitis was diagnosed by milk microbiology after 24 hours of inoculation. The animals showed no changes in the clinical parameters evaluated. For the percentage of fat, protein, and total solids, there was an increase over the experimental moments. However, there was variation among the experimental groups. Given the importance of conventional antimicrobial therapy and the increased use of natural antimicrobials, obtained results showed equality between the two treatment options, especially regarding the maintenance of the main milk components.
Resumo: Neste estudo, objetivou-se avaliar a composição química do leite após a infecção e tratamento da mastite induzida por S. Aureus. Foram utilizadas 10 fêmeas caprinas da raça Saanen. Fez-se a infecção experimental em 20 glândulas mamárias, formando-se quatro grupos experimentais, sendo cada um composto por cinco glândulas mamárias. Um grupo foi tratado com antimicrobiano comercial e outro com pomada à base de extrato natural de planta. Os demais grupos foram constituídos controles. Os valores obtidos para gordura, lactose, proteína, sólidos totais e produção leiteira foram analisados ao longo dos momentos experimentais, comparando-os entre si e entre os grupos experimentais. A mastite foi diagnosticada 24 horas pós inoculação, utilizando-se a lactocultura. Os animais não apresentaram alterações nos parâmetros clínicos avaliados. Para os percentuais de gordura, proteína e sólidos totais, observou-se uma elevação ao longo dos momentos experimentais, sem variação entre os grupos experimentais. Tendo em vista a importância da terapia antimicrobiana convencional e a crescente utilização de antimicrobianos naturais, os resultados obtidos mostram igualdade entre as duas opções terapêuticas, principalmente no aspecto de manutenção dos principais componentes do leite.
Biblioteca responsável: BR68.1