Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Silicon as an attenuator of drought stress in plants of Oryza sativa L. treated with dietholate

Cassol, J. C.; Sponchiado, D.; Dornelles, S. H. B.; Tabaldi, L. A.; Barreto, E. P. M.; Pivetta, M.; Lopes, S. J..
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-759757

Resumo

Abstract Silicon (Si) is an element that can improve the growth and development of rice plants in water-deficient environments because it is an enzymatic stimulant, signaling for production of antioxidant compounds. Therefore, the aim of this study was to examine the relationship between water deficiency and the effect of Si on two rice cultivars whose seeds were treated with dietholate. The experimental design was fully randomized with three replicates, and treatments were organized in a 3x2x2x4 factorial arrangement: three water soil conditions (50% and 100% of soil water retention capacity (WRC) and complete submergence in a water blade of 5.0 cm); two cultivars (IRGA 424 RI and Guri INTA CL); two sources of Si (sodium metasilicate and potassium metasilicate); and four rates of Si (0; 4.0; 8.0 and 16 g L-1). Chlorophyll a and b, leaf area and shoot and root dry weight increased at higher rates of Si under the three soil water regimes. There was an increase in superoxide dismutase and guaiacol peroxidase enzyme activity in the cultivars at higher rates of Si, reducing lipid peroxidation caused by water deficiency. Therefore, Si did indeed attenuate water deficiency stress in rice plants emerging from seeds treated with dietholate.
Resumo O silício (Si) é um elemento que pode proporcionar melhor crescimento e desenvolvimento às plantas de arroz cultivadas em ambientes com deficiência hídrica, por ser um estimulador enzimático, promovendo sinalização para produção de compostos antioxidantes. Assim, o objetivo deste trabalho foi estudar a relação entre deficiência hídrica e o efeito do Si em duas cultivares de arroz tratadas com dietholate. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com três repetições e os tratamentos arranjados em esquema fatorial 3x2x2x4, sendo os fatores: três condições hídricas do solo (50%, 100% da capacidade de retenção de água no solo (CRA) e lâmina dágua de 5,0 cm), duas cultivares (IRGA 424 RI e Guri INTA CL), duas fontes de Si (metassilicato de sódio e metassilicato de potássio) e quatro doses de Si (0; 4,0; 8,0 e 16 g L-1). O índice de clorofila a e b, a área foliar e o teor de massa seca da parte aérea e raiz aumentaram com o aumento das doses de Si nas três condições hídricas do solo. Houve um aumento na atividade das enzimas superóxido dismutase e guaiacol peroxidase nas cultivares estudadas à medida que as doses de Si aumentaram, diminuindo a peroxidação de lipídios, causada pela restrição hídrica. Portanto, o Si atenua o estresse por déficit hídrico em plantas de arroz emergentes de sementes tratadas com dietholate.
Biblioteca responsável: BR68.1