Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

In vitro screening for growth inhibition activity on cancer cell lines of northern Chile highlands shrubs

González, Luis Bustos; Simirgiotis, Mario Juan; Parra, Claudio; Alfaro-Lira, Susana; Soto, Emilio; Echiburú-Chau, Carlos.
Ci. Rural; 51(1)2021.
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-760246

Resumo

ABSTRACT: Cancer is still one of the leading causes of death worldwide. Many chemotherapeutics from plants have been tested in cancer, such as vinblastine and paclitaxel. The north of Chile, Arica & Parinacota region, is characterized by its vegetal biodiversity due to its unique geographical and climatological conditions, offering an unexplored and unique source of naturally-derived compounds. The present research has considered a screening of 26 highland herbs using an in vitro growth inhibition model in a panel of six cancer cell lines from different tissues. 5 of the 26 studied ethanolic extracts shows strong activity at least in one cell line when tested at 10 µg mL-1. We present a group of plants worthy to be evaluated as promissory extracts. This work is part of the systematic attempt to find new candidates to be used in cancer therapies.
RESUMO: O câncer ainda é uma das principais causas de morte no mundo. Muitos quimioterápicos de plantas foram testados em câncer, como vinblastina e paclitaxel. O norte do Chile, região de Arica e Parinacota, caracteriza-se por sua biodiversidade vegetal devido às suas condições geográficas e climatológicas únicas, oferecendo uma fonte inexplorada e única de compostos de origem natural. A presente pesquisa considerou uma triagem de 26 ervas das terras altas usando um modelo de inibição de crescimento in vitro em um painel de seis linhas celulares de câncer de diferentes tecidos. Cinco, dos 26 extratos etanólicos estudados, mostram forte atividade pelo menos em uma linhagem celular quando testados a 10 µg mL-1. Apresentamos um grupo de plantas dignas de serem avaliadas como extratos promissórios. Este trabalho faz parte da tentativa sistemática de encontrar novos candidatos para serem usados em terapias contra o câncer.
Biblioteca responsável: BR68.1