Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

(Comparative studies on the growth of Oreochromis (Osteichthyes, Cichlidae) in monosex. I Morfometric relationships and condition factor) / ESTUDO COMPARATIVO DO CRESCIMENTO DE Oreochromis (OSTEICHTHYES, CICHLIDAE) EM CULTIVOS MONOSSEXO. I RELAÇÕES MORFOMÉTRICAS E FATOR DE CONDIÇÃO

S.R.MAINARDES PINTO, Cleide; de PAIVA, Patrícia; Roberto VERANI, José.
B. Inst. Pesca; 13(2): 21-27, 1986.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-760732

Resumo

The purpose of this study was the morphometric characterization of Orechromis niloticus and male hybrid ( O. hornorum X O. niloticus) in monosex culture and the analysis of condition factor variation. Fries were stoked in five ponds of 100 m2 each one in the stoking rate of two fish per square meter. Twenty five percent of the total fish of each pond were monthly sampled and the biometric features were recorded. The standard length and body height showed linear relationship with the total length, and the fishes showed a proportional development of the morphometric features from fingerling to adult stages. lt was observed that the males of O. niloticus showed weight greater than that of females and these than hybrids. The variation of the condition factor was quite similar among the different fish cultures.
O trabalho teve como objetivo a análise das relações morfométricas e da variação do fator de condição de Oreochromis niloticus e de machos híbridos (machos de O. hornorum x fêmeas de O. niloticus) em cultivos monossexo. Os peixes foram estocados em tanques de 100 m2, na densidade de 2 indivíduos/m2. Mensalmente, foram coletadas amostras de 25% da população de cada tanque para a obtenção dos dados biométricos. O comprimento padrão, o comprimento da cabeça e a altura do corpo mostraram-se direta e linearmente relacionados com o comprimento total. Constatou-se que para um determinado comprimento os machos de O. niloticus apresentaram peso ligeiramente superior ao das fêmeas e estas, ao dos machos híbridos. Os valores médios do fator de condição variaram de 0,0198 a 0,0233 para híbridos, de 0,0145 a 0,0170 para fêmeas e de 0,0130 a 0,0178 para machos de O. niloticus, apresentando uma similaridade na distribuição destes valores para todos os cultivos.
Biblioteca responsável: BR68.1