Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Nodules with calcium deposit in bullfrog (Rana catesbeiana Shaw, 1802) tadpole and imago / NÓDULOS COM DEPÓSITO DE CÁLCIO EM GIRINOS E IMAGOS DE RÃ TOURO (Rana catesbeiana SHAW, 1802)

BALDASSI, Lúcia; HIPOLITO, Márcio; CALIL, Ercília Maria Borgheresi; MACRUZ, Romeu.
B. Inst. Pesca; 22(2): 121-127, 1995.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-760785

Resumo

It is described the occurrence of nodule in tadpole and imago of bullfrog Rana catesbeiana in São Paulo State, Brazil. Initially it was observed a great mortality of tadpole in metamorphosis phases and after that the mortality was also observed in imago and young frogs. For tadpoles this pathology was noted in subcutaneous tissue of on the tail and posterior portion of head. The nodules were round, with 2,0 3.0 mm of diameter with a dense content The histopathological examination showed a calcium deposit inside the nodulation without abscess characteristic because of the lack of inflammatory cells. The bacteriological examination of the same material revealed the presence of Streptococcus spp; Corynebacterium spp; Citrobacter freundii and Aeromonas hydrophila. The search of alcohol-acid-resistant rods was negative. The principal hypothesis formulated for this occurrence was by metabolic cause, subsequently an infective process      
É relatada a ocorrência de nódulos subcutâneos em girinos e imagos de rã touro, Rana catesbeiana, no Estado de São Paulo, Brasil. Inicialmente foi observada alta mortalidade de girinos nas primeiras fases da metamorfose e posteriormente em imagos e rãs jovens. Os girinos apresentavam formações nodulares subcutâneas na cauda e na porção inferior da cabeça e as rãs jovens, o mesmo tipo de formação na cabeça. Os nódulos eram esféricos, amarelados, capsulados, únicos ou agrupados, medindo de 2 a 3 mm de diâmetro e com conteúdo denso. O exame histopatológico evidenciou na formação nodular um grande depósito de sais de cálcio. Não se observou comprometimento do tecido muscular periférico e não se caracterizou a constituição de abcessos, face à ausência de células inflamatórias. O exame bacteriológico do conteúdo nodular e do fígado revelou a presença de Streptococcus spp; Corynebacterium spp, Citrobacter freundii e Aeromonas hydrophila. A pesquisa de bacilos álcool-ácido resistentes foi negativa. É aventada origem metabólica irritativa, consequente a um processo infeccioso.    
Biblioteca responsável: BR68.1