Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Induced hypothyroidism on the superovulatory response in crossbred beef heifers - DOI: 10.4025/actascianimsci.v28i3.48 / Efeito do hipotireoidismo induzido na resposta superovulatória em novilhas de corte mestiças - DOI: 10.4025/actascianimsci.v28i3.48

Bettini, Carlos Maia; Moraes, Gentil Vanini de; Rigolon, Luiz Paulo; Capovilla, Luiz Carlos Tadeu; Cavalieri, Fabio Luiz Bim; Martins, Elias Nunes.
Acta sci., Anim. sci; 28(3): 315-322, 2006.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-762836

Resumo

This study was aimed at the effect of hypothyroidism induced on the ovarian superovulation response, corpus luteum activity, and the weight gain in crossbred heifers (½ Bos taurosxBos indicus). The data showed that the females weight remained the same (P>0.05) even after the treatment. The levels of T3, T4 e Tsh values were respectively 1.31+0.77, 16.71+0.44 and TSH 10.35+5.74 to treated animals, and 2.08+0.77, 57.46+0.44, 2.08+5.74 to control group (P0.05) considering the number of viable embryos and total number of structures 2.52 and 4.86 for the induced animals, and 2.67 and 5.60 for the control group respectively. Therefore, the results demonstrated that the hypothyroidism did not affect the superovulatory response, the corpus luteum activity, or the weight variation
Estudou-se o efeito do hipotireoidismo induzido sobre a resposta ovariana à superovulação, à atividade do corpo lúteo e ao ganho de peso em novilhas de corte mestiças (½ Bos TaurosxBos Indicus). Nas análises estatísticas realizadas, não foi observada a influência dos tratamentos sobre a variação de peso (P>0,05). Os níveis de T3, T4 e TSH foram, respectivamente, 1,31+0,77, 16,71+0,44 e 10,35+5,74 para o grupo tratado e 2,08+0,77, 57,46+0,44 e 2,08+5,74 para o controle (P0,05). Desse modo, concluiu-se que o hipotireoidismo não afetou a resposta superovulatória, a atividade do corpo lúteo e a variação de peso.
Biblioteca responsável: BR68.1