Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Growth and productivity of tomato under use of biostimulant and ages of seedling transplantation / Crescimento e produtividade de tomate sob uso de biostimulante e idades de transplante das mudas

Silva, Talles Victor; Melo, Hyrandir Cabral; Campos, Luiz Fernandes Cardoso; Tarazi, Monita Fiori de Abreu; Cunha Junior, Luis Carlos; Nascimento, Abadia dos Reis.
Colloq. agrar.; 17(04): 23-33, jul.-ago 2021. tab, ilus, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-764633

Resumo

The age of the seedlings in the transplant, as well as the use of biostimulants in their production, are factors that can influence the good quality of the seedlings, which is fundamental for the good development of the plant, and can affect the yield of the tomato crop. The objective of this study was to evaluate plant development and fruit yield according to the age of tomato seedlings, during transplantation, whether or not treated with the Stimulate® biostimulant. The hybrid H9553 was used, and the experiment was conducted in a randomized block design, with four replications, and ten plants were evaluated, per plot. The factorial scheme 2 x 6 was adopted, where 2 corresponds to the use or not of Stimulate®, and 6 corresponds to the age of the seedlings, in the transplant. Before transplantation, the height of the seedling, length of the root, stem diameter, number of leaves, fresh and dry mass of the aerial part and the root were evaluated at 20, 30, 40, 50, 60 and 70 days after sowing. At 78 days after transplantation, the length of the main stem, stem diameter, number of fruits per plant, total fruit mass per plant and average fruit mass were evaluated. Seedlings with seventy days show superior results for the morphological characteristics, however, this does not interfere in the yield of the culture. The use of Stimulate®, alone or in interaction with the age of the seedlings, does not influence plant growth or fruit yield.(AU)
A idade das mudas no transplante, bem como o uso de bioestimulantes em sua produção, são fatores que podem influenciar na boa qualidade das mudas, fundamental para o bom desenvolvimento da planta, podendo afetar o rendimento da cultura do tomate. Objetivou-se com este estudo avaliar desenvolvimento da planta e o rendimento de frutos em função da idade das mudas de tomateiro, no transplante, tratadas ou não com o bioestimulante Stimulate®. Foi utilizado o híbrido H9553, e o experimento foi conduzido em delineamento de blocos casualizados, com quatro repetições, e avaliadas dez plantas, por parcela. Foi adotado o esquema fatorial 2 x 6, onde 2 corresponde ao uso ou não de Stimulate®, e 6 corresponde à idade das mudas, no transplante. Antes do transplante avaliou-se a altura da muda, comprimento da raiz, diâmetro do caule, número de folhas, massa fresca e seca da parte aérea e da raiz, aos 20, 30, 40, 50, 60 e 70 dias após a semeadura. Aos 78 dias após o transplante avaliou-se o comprimento da haste principal, diâmetro do caule, número de frutos por planta, massa total dos frutos por planta e massa média dos frutos. Mudas com setenta dias apresentam resultados superiores para as caraterísticas morfológicas, porém, isso não interfere no rendimento da cultura. O uso do Stimulate®, isoladamente ou em interação com a idade das mudas, não influencia no crescimento das plantas ou no rendimento de frutos.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1