Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Tendências genéticas para características de crescimento em rebanhos Nelore criados na região do Trópico Úmido do Brasil / Genetic trends for growth traits in Nellore cattle raised in the Humid Tropical region of Brazil

Lira, Thaymisson Santos de; Pereira, Leonardo de Sousa; Lopes, Fernando Brito; Ferreira, Jorge Luis; Lôbo, Raysildo Barbosa; Santos, Geneíldes Cristina de Jesus.
Ci. Anim. bras.; 14(1): 23-31, jan.-mar. 2013. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-764792

Resumo

Foram estimados (co)variâncias, coeficientes de herdabilidade e tendências genéticas, bem como preditas mudanças genéticas para peso aos 120 (P120), 210 (P210), 365(P365), 450 (P450) e 550 (P550) dias de idade em animais da raça Nelore criados na região do Trópico Úmido do Brasil. Foram utilizados 65.876 registros de animais nascidos entre os anos de 1993 a 2010, criados a pasto. Os componentes de (co)variância foram estimados pelo método da máxima verossimilhança restrita e os valores genéticos foram preditos por modelos mistos sob modelo animal. As tendências genéticas foram estimadas pela regressão dos valores genéticos sobre o ano de nascimento dos animais. Os coeficientes de herdabilidade do efeito direto estimados foram de 0,37±0,019; 0,39±0,019; 0,41±0,013; 0,41±0,015 e0,41±0,021 para P120, P210, P365, P450 e P550, respectivamente. As estimativas de herdabilidades maternais para P120 e P210 foram 0,05±0,011 e 0,06±0,011, respectivamente. Os ganhos genéticos diretos médios foram 1,326, 2,014, 2,670,3,056 e 3,128 kg/ano para P120, P210, P365, P450 e P550, respectivamente. As estimativas dos parâmetros e tendência genética indicam a existência de progresso genético para pesos pré e pós-desmame, nos rebanhos da região do Trópico Úmido do Brasil.(AU)
(Co)variances, heritability and genetics change were estimated for weight at 120 (W120),  210 (W210), 365 (W365), 450 (W450) and 550 (W550 ) days of age in Nellore cattle from the Humid Tropical region of Brazil. A total of 65,876 records of animals born between 1993 to 2010 and raised on pasture were used. The (co)variance components were estimated by restricted maximum likelihood, and breeding values were predicted using an individual animal model. The genetic trends were plotted by linear regression of breeding values in the animals' birth year. The heritability coefficients due to direct genetic effect were 0.37±0.019; 0.39±0.019; 0.41±0.013; 0.41±0.015 and 0.41±0.021 The maternal heritability estimates for W120 and W210 were 0.05±0.011 and 0.06±0.011, respectively. The genetic gains were 1.326, 2.014, 2.670, 3.056 and 3.128 kg/year for W120, W210, W365, W450 and W550, respectively. The estimates of genetic parameters and trends indicate the existence of genetic progress in pre- and post-weight traits from herds of Brazil Tropic Humid region.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1