Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Edaphic entomofauna associated with coconut crops in the eastern Amazon / Entomofauna edáfica associada a lavouras de coqueiro na Amazônia oriental

Carvalho, Lana Leticia Barbosa de; Castro, Heloise de Sousa; Campos, Ingrid Leão; Anhê, Bruno Borella; Jucá, Ana Carolina Cavalcante; Oliveira, Danyllo Amaral de; Lins, Paulo Manoel Pontes; Silva, Gisele Barata da; Batista, Telma Fátima Vieira.
Semina Ci. agr.; 42(05): 2615-2628, set.-out. 2021. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-764884

Resumo

In the Eastern Amazon is the largest continuous coconut crop area in the world. This region is known for its high precipitation levels and an ecosystem of extensive insect biodiversity. It is important to know the local entomofauna and to know whether there is a balance between the different insect groups. This study aimed to understand the influence of seasonality on the dynamics of edaphic insect families, comparing the environment as a whole and in different commercial coconut crop areas and riparian forests in the Eastern Amazon. Forty pitfall traps were installed in the ground at an average distance of 1 m from the coconut stipe. They were filled with 200 ml of an aqueous solution of liquid neutral soap and 70% alcohol. Traps were installed in eight areas: an area of riparian forest (A1) and seven in commercial coconut cropareas (A2 to A8), in the Amazon dry and rainy season. The similarity between the insects was measured using Euclidean distance. The abundance of families in each collection area used qualitative similarity. For family dominance, quantitative similarity was used. Diversity analyses were performed to justify the similarities of the clusters through the Shannon and Simpson Indices. In total, 252,313 individuals, 118 families, and 9 orders were collected. There were many Formicidae in both climatic periods because itis a social insect and has edaphic habits. The families with the most individuals in the collections were Drosophilidae, Staphylinidae, Bostrichidae, Phoridae, Nitidulidae, Scolytidae, Tenebrionidae, Scarabaeidae, Ceratopogomidae, and Platyogastridae. The riparian forest area (A1) showed the greatest diversity and least dominance. The oldest cultivated areas A2 and A3 (7 years) showed the greatest diversity in the dry season. In the rainy season, the most diversified areas were those with the highest land slope (A6 and A7).The most dominant [...].(AU)
Na Amazônia Oriental, está localizado a maior área contínua de plantio de coqueiro do mundo. Essa região é conhecida por ter elevados índices de precipitação e um ecossistema de extensa biodiversidade de insetos. É importante conhecer a entomofauna do local, para saber se há equilíbrio entre os diferentes grupos de insetos. O objetivo deste estudo foi compreender a influência da sazonalidade na dinâmica das famílias de insetos edáficos, comparando o ambiente como um todo e diferentes áreas de plantios comerciais de coqueiro e mata ciliar na Amazônia Oriental. Foram instaladas no solo 40 armadilhas do tipo pitfall a uma distância média de 1 m do estipe, preenchidas com 200 ml com solução aquosa de sabão líquido neutro e álcool 70%, em oito áreas: uma área de mata ciliar (A1) e sete em áreas de lavoura comercial de coqueiro (A2 a A8) nos períodos seco e chuvoso amazônico. A similaridade entre os insetos foi medida através da distância Euclidiana. A abundância de famílias em cada área de coleta, utilizou a similaridade qualitativa. Para dominância de famílias utilizou similaridade quantitativa. Foram realizadas análises de diversidade para justificar as similaridades dos agrupamentos, através do Índice de Shannon e Índice de Simpson. Foram coletados 252.313 indivíduos, 118 famílias e 9 ordens. Houve um grande número de Formicidae em ambos os períodos climáticos, por se tratar de um inseto social e que tem hábitos edáfico. As famílias com maior número nas coletas foram: Drosophilidae, Staphylinidae, Bostrichidae, Phoridae, Nitidulidae, Scolytidae, Tenebrionidae, Scarabaeidae, Ceratopogomidae e Platyogastridae. A área de mata ciliar (A1) apresentou maior diversidade e menor dominância. As áreas cultivadas mais antigas A2 e A3 (7 anos) apresentaram a maior diversidade na estação seca. No período chuvoso, as mais diversificadas foram áreas que apresentaram maior declividade do terreno - A6 e A7. As áreas com maior dominância foram A5 e A8, onde o maior [...].(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1