Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Modelo para o aprendizado experimental em cirurgia e microcirurgia vascular: esôfago e traquéia de frango / Experimental model for learning in vascular surgery and microsurgery: esophagus and trachea of chicken

Achar, Rosi Aparecida Nunes; Lozano, Pedro Alexandre Martinez; Achar, Bruna Nunes; Pereira Filho, Gerson Vilhena; Achar, Eduardo.
Acta cir. bras.; 26(2): 101-106, Apr. 2011. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-7792

Resumo

PURPOSE: This paper proposes a model of training surgical skills using vascular anastomosis in an animal model that simulates the size, consistency and resistance arteries and veins, to use it to chicken trachea and esophagus, respectively. METHODS: We used chicken necks where the esophagus and trachea were dissected and after preparation were followed every step of the procedure of vascular anastomosis. The flow of the anastomosis was confirmed by direct observation and testing of filling (empty-and-refill test) immediately after the anastomosis. RESULTS: All samples proved to be viable by the criteria described above. CONCLUSION: For the first time presents an interesting experimental model used to train vascular sutures, because it is endowed with all the necessary requirements for the learning of experimental vascular surgery.(AU)
OBJETIVO: O presente trabalho propõe um modelo de treinamento de habilidades cirúrgicas em anastomoses vasculares utilizando um modelo que simula o calibre, a consistência e a resistência arterial e venosa, utilizando-se para isto a traquéia e esôfago de frango, respectivamente. MÉTODOS: Foram utilizados pescoços de frango, onde foram dissecados esôfago e traquéia e após preparo foram seguidos todos os passos do procedimento da anastomose vascular. O fluxo das anastomoses foi comprovado por observação direta e teste de enchimento imediatamente após as anastomoses. RESULTADOS: Todas as amostras mostraram-se viáveis pelos critérios acima descritos. CONCLUSÃO: Pela primeira vez apresenta-se um modelo experimental interessante que serve para treinar suturas vasculares, pois é dotado de todos os requisitos necessários para o aprendizado da cirurgia vascular experimental.(AU)
Biblioteca responsável: BR1.1
Localização: BR68.1