Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

ÓLEO-RESINA DE COPAÍBA E EXTRATO DE BARBATIMÃO NA DIETA DE POEDEIRAS COMERCIAIS INFECTADAS POR Escherichia coli

ALEANE FRANCISCA CORDEIRO BARBOSA.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-200458

Resumo

A realização do presente estudo teve como objetivo avaliar o efeito da suplementação de óleo-resina de copaíba ou extrato de Barbatimão na ração de poedeiras comerciais desafiadas com Escherichia coli. Foram utilizadas 200 poedeiras comerciais da linhagem Isa Brow (64 a 76 semanas de idade) sendo todas as aves inoculadas via intravaginal (0,5 mL de solução salina esterilizada a 0,85% contendo 8,8 x 109UFC/mL de Escherichia coli), alojadas em gaiolas e distribuídas em delineamento em blocos ao acaso (sendo o peso das aves blocado), com quatro tratamentos e cinco repetições de 10 aves. Os tratamentos foram: aves desafiadas recebendo: A ração basal sem aditivos; B ração basal + 30 mg/kg de antibiótico (halquinol); C ração basal + 30 mg/kg de óleo-resina de copaíba; D ração basal + 40 mg/kg de barbatimão. O experimento teve duração de três períodos de 28 dias. Ao final de cada período foi avaliado desempenho, qualidade externa e interna de ovos e pesquisa de Escherichia coli em ovos, e ao final do último período foi realizado pesquisa de Escherichia coli em folículos ovarianos e oviduto, e biometria de ovário e oviduto. Os dados de desempenho, qualidade externa e interna de ovos e biometria, foram submetidos a análise de variância e as médias, quando necessário, comparadas pelo teste de Tukey (5%). Para a pesquisa de Escherichia coli em ovos, folículos e oviduto foi aplicada análise descritiva (frequência absoluta e relativa). A inclusão de 40 mg/kg de ração, do extrato de barbatimão proporcionou pior conversão alimentar em relação ao tratamento controle e prejudicou a produção de ovos em relação ao tratamento com antibiótico. A adição de 30 mg/kg de ração, do óleo-resina de copaíba não influenciou no desempenho produtivo. A utilização do extrato de barbatimão proporcionou ovos mais pesados e pior espessura de casca e qualidade interna (UH) em relação ao tratamento com antibiótico. O peso do ovo, a porcentagem de albúmen e o índice de gema do tratamento com óleo-resina de copaíba se apresentaram melhores que o tratamento com antibiótico. No entanto a inclusão do óleo-resina de copaíba resultou em porcentagem de gema inferior em relação ao tratamento com antibiótico. Houve menor frequência de isolamento de Escherichia coli em amostras de suabes intravaginal do tratamento com copaíba. A inclusão do barbatimão ou da copaíba proporcionou menor frequência de isolamento de E. colinos folículos ovarianos em relação ao tratamento com antibiótico. Houve menor frequência de isolamento de E. coli no oviduto com a adição do extrato de barbatimão em relação ao tratamento com antibiótico. Já o tratamento com óleo-resina de copaíba apresentou maior frequência de isolamento de E. coli no oviduto que os demais tratamentos. A utilização do óleo-resina de copaíba ou extrato de barbatimão resultou em menor frequência de isolamento de Escherichia coli nas amostras de casca, albúmen e gema que o tratamento com antibiótico. Rações contendo óleo-resina de copaíba ou barbatimão promoveram peso de ovário semelhante ao tratamento com antibiótico. O peso do oviduto do tratamento com copaíba foi superior ao tratamento com antibiótico. A inclusão de óleo-resina de copaíba ou extrato de -barbatimão pode ser alternativa ao uso de antibióticos melhoradores de desempenho em dietas de poedeiras comercias.
The present study was performed to evaluate the supplementation of copaiba oleo resin or barbatimão extract in the diet of laying hens challenged with Escherichia coli. A total of 200 Isa Brown laying hens (64-76 weeks old) were used, and all the birds were intravaginally inoculated with 0.5 mL of 0.85% sterile saline solution containing 8.8 x 109 CFU / mL of Escherichia coli. It was adopted the randomized complete block design (birds weight used as block criteria), with four treatments and five replicates of 10 birds. The treatments consisted of: basal diet without additives (control); basal diet + 30 mg / kg of antibiotic (halquinol); basal diet + 30 mg / kg of copaiba oleo resin and basal diet + 40 mg / kg barbatimão extract. The experiment lasted three periods of 28 days. At the end of each period, the performance and the external and internal egg quality were evaluated as the search for the presence of Escherichia coli in eggs; and at the end of the total period, the search for Escherichia coli in ovarian follicles and oviduct. Data were subjected to analysis of variance and means, when necessary, were compared by Tukey test (5%). For the Escherichia coli searching in eggs, follicles and oviduct, it was applied descriptive analysis (absolute and relative frequency). The inclusion of 40 mg / kg diet of barbatimão extract lead to worse feed conversion than the control treatment and decreased egg production compared to antibiotic treatment. The addition of 30 mg / kg diet of copaiba oleo resin did not influence the hens performance. The use of barbatimão extract lead to production of heavier eggs, and worse shell thickness and internal quality (UH) when compared to antibiotic treatment. Egg weight, the albumen percentage and the yolk index in the treatment with copaiba oleo resin were better than those of antibiotic treatment. However, the inclusion of copaiba oleo resin resulted in a lower yolk percentage when compared to antibiotic treatment. There was a lower frequency of isolation of Escherichia coli in intra-vaginal swabs samples from treatment with copaiba. The inclusion of barbatimão or copaiba provided lower frequency of isolation of E. coli in ovarian follicles in relation to antibiotic treatment. There was a lower frequency of isolation of E. coli in the oviduct with the addition of barbatimão extract when compared to antibiotic treatment. The treatment with copaiba oleo resin showed higher frequency of isolation of E. coli in the oviduct than the other treatments. The use of copaiba oleo resin or barbatimão extract resulted in lower frequency of isolation of Escherichia coli in the shell, albumen and yolk samples, in relation to antibiotic treatment. The inclusion of copaiba oleo resin may be an alternative to antibiotics in laying hens commercial diets.
Biblioteca responsável: BR68.1