Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

PRÓPOLIS NA DIETA  DE PAPAGAIOS-VERDADEIROS (AMAZONA AESTIVA AESTIVA): DIGESTIBILIDADE DE MINERAIS

CINTHIA RIO BRANCO DA SILVA.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-207205

Resumo

O objetivo do estudo foi avaliar o efeito da própolis na digestibilidade de minerais da dieta de papagaios-verdadeiros (Amazona aestiva). Para isto, 10 aves adultas (5 machos e 5 fêmeas) foram distribuídas aleatoriamente em gaiolas individuais, com livre acesso à água e 40g diárias de ração comercial (Papagaio Mix Biotron®) contendo ou não própolis (0,5% m/m). O projeto foi dividido em duas etapas semelhantes de nove semanas cada, com delineamento crossover. Nas duas primeiras semanas, foram fornecidas ração controle para todas as aves (0% própolis) e nas sete semanas seguintes, as aves foram separadas em dois grupos (Controle: 0,0% própolis; Própolis: 0,5% própolis). Durante a sétima semana de tratamento, forneceu-se ração marcada com óxido de crômio (1%) e do quarto ao sétimo dia foram coletadas fezes e sobras de ração. Análises bromatológicas das rações (matéria seca, proteína, energia e cinzas), assim como consumo de matéria seca (CMS), proteína (CP) e energia (CE) foram realizadas. O coeficiente de digestibilidade aparente (CDA) dos seguintes minerais foram analisados em espectrometria: cálcio (Ca), fósforo (P), ferro (Fe), magnésio (Mg), sódio (Na), potássio (K), zinco (Zn), manganês (Mn), níquel (Ni) e cobre (Cu). Foi aplicado teste-t para avaliação do consumo (P< 0,05) e ANOVA para análise bromatológicas e CDA dos minerais, além da correlação de Pearson entre os CDA das rações controle e própolis. Os níveis de MS das rações com própolis foram superiores aos da ração controle. As aves que consumiram ração própolis apresentaram CDA superiores para Mg, Fe e Ni. Foram constatadas menores correlações nos CDA dos minerais das aves que receberam ração própolis. Não houve diferença no peso, CMS, CP, CE ou na porcentagem de cinzas. Concluiu-se que os papagaios que consumiram ração contendo própolis demonstraram melhores índices de CDA, possivelmente pela redução na interação entre os minerais e alteração da flora intestinal pela própolis.
The aim of the study was to evaluate the effect of propolis on the digestibility of minerals of the diet of Blue-fronted amazon (Amazona aestiva). For this, 10 adult birds (5 males and 5 females) were randomly distributed in individual cages with free access to water and 40 g of commercial feed (Parrot Mix - Biotron ®) containing or not propolis (0.5% m /m). The project was divided into two similar periods of nine weeks each, with a crossover design. In the first two weeks, control rations were provided to all birds (0% propolis) and in the following seven weeks, the birds were separated into two groups (Control: 0.0% propolis; Propolis: 0.5% propolis). During the seventh week of treatment, ration was marked with chromium oxide (1%) and from the fourth to the seventh day, faeces and leftover rations were collected. The dry matter, protein, energy and ash rations as well as consuption of dry matter (DMC), protein (PC) and energy (EC) were analyzed. The apparent digestibility coefficient (ADC) of the following minerals was analyzed by spectroscopy: calcium (Ca), phosphorus (P), iron (Fe), magnesium (Mg), sodium (Na), potassium (K), zinc (Zn), manganese (Mn), nickel (Ni) and copper (Cu). A t-test was used to evaluate the consumption and ANOVA for bromatological and CDA analyzes of the minerals, as well as the Pearson correlation between the CDA of the control and propolis rations (P <0.05). The DM levels of the rations with propolis were higher than those of the control ration. The birds that consumed propolis feed presented higher CDA for Mg, Fe and Ni. There were lower correlations in the CDA of the minerals of the birds that received propolis ration. There was no difference in weight, DMC, PC, EC or ashes percentage. It was concluded that parrots consuming propolis-containing ration showed better CDA rates, possibly due to the reduction in the interaction between minerals and the alteration of the intestinal flora by propolis.
Biblioteca responsável: BR68.1