Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Sistema de ventilação com nebulização no frigorífico sobre o microclima do veículo transportador, respostas fisiológicas e comportamentais de suínos.

THUANNY LUCIA PEREIRA.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-215039

Resumo

Objetivou-se avaliar a efetividade da ventilação forçada associada à nebulização sobre as respostas comportamentais e fisiológicas de suínos mantidos dentro do veículo transportador antes do descarregamento na indústria frigorífica. Durante 6 semanas de transporte, 2 veículos pot-belly (PB) transportaram 191 suínos cada até a mesma planta frigorífica. Na chegada, ambos veículos permaneceram estacionados por 30 minutos antes da descarga. Um dos veículos PB foi posicionado ao lado do sistema de ventilação e nebulização (PBVM), enquanto o outro PB não teve acesso ao sistema de resfriamento (PBC). O tratamento (PBVM) consistiu em 10 minutos de ventilação (Espera 1); seguido de 10 minutos de ventilação e nebulização (Espera 2) e 10 minutos finais de ventilação (Espera 3). A temperatura do ar (T) e a umidade relativa (RH) foram monitorados. A frequência de suínos deitados e a frequência de acesso ao bebedouro foram calculadas. Temperaturas do trato gastrointestinal (GTT), lactato sanguíneo, hematócrito, creatina quinase e concentrações de cortisol foram avaliados. Durante a Espera 1, a ventilação forçada reduziu a temperatura do ar e o índice de temperatura e umidade no tratamento PBVM. Na Espera 3, a temperatura e o índice de temperatura e umidade foram menores (P < 0.001) no tratamento PBVM comparado ao PBC, contudo a umidade relativa do ar foi maior (P < 0.001). Suínos oriundos do compartimento 4 do PBVM apresentaram maior atividade durante o tempo de Espera 2 e 3, e reduzido tempo de latência para se deitar na baia do frigorífico (P < 0.05). Redução no GTT dos suínos oriundos do PBC foi observada após 1 hora de período de descanso comparada ao PBVM. O percentual de hematócrito tendeu a ser maior nos suínos PBC comparado ao PBVM. O sistema de ventilação e nebulização utilizado na indústria frigorifica antes do descarregamento melhora de forma eficiente as condições internas térmicas do caminhão e consequentemente o conforto térmico dos suínos mantidos no veículo transportador, com redução na temperatura dentro dos compartimento e baixo nível de desidratação no abate.
The aim of this study was to evaluate the effectiveness of water misting with forced ventilation on a stationary trailer on internal vehicle ambient conditions, behavioral and physiological response of market pigs. During 6 weekly shipments, two identical tri-axle pot-belly (PB) trailers transported 191 pigs each (126 ± 5 kg BW) to the same slaughter plant. On arrival, both trailers were kept stationary in the yard for 30 min before unloading. One PB trailer was pulled over along a fan-misters bank (PBVM), while the other PB trailer had no access to this cooling system (PBC). The PBVM treatment consisted in 10 min of fan-assisted ventilation (wait 1) followed by 10 min of ventilation and water misting (wait 2) and final 10 min of ventilation (wait 3). The air temperature (T) and relative humidity (RH) were monitored. The frequency of lying pigs, the latency to rest and the frequency of drinking bouts were calculated. Gastrointestinal tract temperature (GTT) and exsanguination blood lactate, hematocrit, creatine kinase and cortisol concentrations were assessed. In wait 1, the application of the fan-assisted ventilation resulted in lower (P < 0.05) T and THI in the PBVM. In wait 3, T and THI were still lower (P < 0.001) in PBVM compared to PBC, but the RH was higher (P < 0.001). Pigs from compartment 4 of PBVM had a greater (P < 0.001) activity during waits 2 and 3, and a reduced latency to lie down in the lairage pen compared to the same compartment in the PBC (P < 0.05). A higher (P < 0.05) GTT drop was recorded until 1 h after lairage in pigs located in PBC compared to those transported in PBVM. At slaughter, hematocrit tended to be higher (P = 0.08) in blood of PBC pigs compared to PBVM. The fan-misters bank used on the PBVM vehicle sitting at the slaughter plant before unloading efficiently improves internal trailer thermal conditions and consequently thermal comfort of pigs kept in a stationary trailer, with reduced temperature within the compartments and lower dehydration condition at slaughter.
Biblioteca responsável: BR68.1