Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Poluição por fragmentos plásticos flutuantes: abundância, composição e distribuição espacial do séston ao longo da ecoclina estuarina de uma lagoa costeira subtropical

ISABEL BOAVENTURA MONTEIRO.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-218742

Resumo

Estudos sobre os padrões espaciais do séston em ambientes estuarinos são de grande importância para entender como se dá a utilização dos recursos disponíveis e como a ação antrópica pode interferir negativamente no mesmo. No presente estudo, o séston estuarino é representado pelo zooplâncton, ictioplâncton (ovos e larvas de peixes) e fragmentos plásticos flutuantes, que sofrem constantes mudanças devido ao gradiente ambiental estuarino, influenciado por graduais alterações das variáveis abióticas locais. Estudos sobre as comunidades zooplanctônica e ictioplanctônica e os fragmentos plásticos se fazem necessários para a lagoa de Santo Antônio dos Anjos (Laguna/SC), ambiente de grande importância ecológica e socioeconômica na região, que vêm sofrendo grandes impactos ambientais. Nessa região, nenhum estudo foi realizado para levantamento de dados a respeito dessas comunidades e também sobre suas fontes poluidoras. Visto isso, o objetivo desse estudo foi realizar a caracterização da composição e distribuição espacial do séston ao longo da ecoclina estuarina da lagoa Santo Antônio dos Anjos. Nos meses de setembro e novembro de 2016, foram realizadas amostragens em 5 diferentes áreas da lagoa de Santo Antônio dos Anjos (3 réplicas por área): A1 (Águas costeiras), A2 (Canal da barra), A3 (Baixo rio Tubarão), A4 (Área central da lagoa) e A5 (Área interna da lagoa). Este estudo surge como uma iniciativa para descrever a distribuição e a interação desses três componentes do ambiente estuarino local, gerando informações importantes para futuros processos de manejo e gestão ambiental.
Studies on the spatial patterns of seston in estuarine environments are of great importance to understand how the available resources are used, as well as how anthropic action can negatively interfere with them. In the present study, estuarine seston is represented by zooplankton, ichthyoplankton (fish eggs and larvae) and floating plastic fragments, which undergo constant changes due to the estuarine environmental gradient, influenced by gradual changes in local abiotic variables. Studies on zooplankton and ichthyoplankton communities and plastic fragments are necessary for the Santo Antônio dos Anjos lagoon (Laguna/SC), an environment of great ecological and socioeconomic importance in the region, which has suffered great environmental impacts. In this region, no study has been done to collect data about these communities and their pollutant sources. Therefore, the objective of this study was to characterize the composition and spatial distribution of seston along the estuarine ecocline of the Santo Antônio dos Anjos lagoon. In the months of September and November 2016, sampling was carried out in 5 different areas of the Santo Antônio dos Anjos lagoon (3 replicates per area): A1 (Coastal waters), A2 (Bar channel), A3 (Lower Tubarão River), A4 (Central area of the lagoon) and A5 (Internal area of the lagoon). This study emerges as an initiative to describe the distribution and interaction of these three components of the local estuarine environment, generating important information for future environmental management processes.
Biblioteca responsável: BR68.1