Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Relação temporal de parâmetros fisiológicos, comportamentais e ecológicos na raposa-do-campo (Lycalopex vetulus)

ISIS ZANINI DAS CANDEIAS.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-219664

Resumo

Desde seu surgimento, os organismos convivem com processos rítmicos no ambiente como o ciclo dia e noite, estações do ano, e fases da lua. Neste ambiente essencialmente variável, os animais evoluem restringindo muitas de suas atividades comportamentais a nichos temporais específicos, maximizando o fitness e a sobrevivência. Esse ajuste se dá através dos relógios biológicos, que integram o timing endógeno com as informações ambientais. Embora esses processos temporais sejam determinantes na relação entre os animais e seu meio, a interface entre a cronobiologia e a ecologia ainda é uma fronteira pouco explorada da ciência. É neste território que buscamos trabalhar nesta tese. Monitoramos dez raposas-do-campo (Lycalopex vetulus) no Cerrado do Brasil Central. Trata-se da única espécie de carnívoro endêmica do Cerrado e um dos sete canídeos menos estudados do mundo. Estudamos o comportamento da espécie em diferentes escalas, conciliando dados detalhados de observação de campo com monitoramento espacial por transmissores GPS. Propusemos métodos analíticos que pudessem elucidar como os diferentes parâmetros ecológicos variam ao longo do tempo. Nossos resultados demostraram que a raposa-do-campo é noturna e que concentram comportamentos específicos em determinados horários dentro deste período de atividade. Mostramos também que esta rotina diária de comportamentos sofre alterações ao longo do ano, a depender da fase reprodutiva. Também comprovamos a existência de importantes processos rítmicos em relação ao uso do espaço e às interações sociais da raposa-do-campo. Houve variações significativas ao longo do ano no tamanho da área utilizada, deslocamento dos abrigos, fidelidade a regiões específicas e compartilhamento da área entre o casal. Estas variações foram consistentes, cíclicas, e relacionadas com o ciclo reprodutivo da espécie. Nossos resultados trouxeram insights sobre a importância dos processos rítmicos para estudos de ecologia comportamental, e os avanços metodológicos propostos aqui servirão de base para que estudos futuros sigam explorando esta fronteira do conhecimento.
Temporal relationship of physiological, behavioral, and ecological parameters in the hoary fox (Lycalopex vetulus) Resumo da tese em inglês: Since their emergence, organisms have lived with rhythmic processes in the environment such as the day and night cycle, seasons of the year, and moon phases. In this essentially variable environment, animals evolve by restricting many of their behavioral activities to specific temporal niches, maximizing fitness and survival. This adjustment takes place through biological clocks, which integrate endogenous timing with environmental information. Although these temporal processes are decisive in the relationship between animals and their environment, the interface between chronobiology and ecology is still a little-explored frontier in science. It is in this territory that we worked on this thesis. We monitored ten hoary foxes (Lycalopex vetulus) in the Cerrado of Central Brazil. It is the only carnivore species endemic to the Cerrado and one of the seven least studied canids in the world. We studied the species' behavior at different scales, combining detailed field observation data with spatial monitoring by GPS transmitters. We proposed analytical methods that could elucidate how different ecological parameters vary over time. Our results showed that the hoary fox is nocturnal and concentrates specific behaviors at certain times within this period of activity. We also showed that this daily behavior routine changes throughout the year, depending on the reproductive stage. We also proved the existence of important rhythmic processes concerning the hoary foxs space use and social interactions. Throughout the year, there were significant variations in the size of the used area, shelter displacement, fidelity to specific regions, and couple home range overlap. These variations were consistent, cyclic, and related to the reproductive cycle of the species. Our results brought insights into the importance of rhythmic processes for behavioral ecology studies, and the methodological advances proposed here will serve as a basis for future studies to continue exploring this frontier of knowledge.
Biblioteca responsável: BR68.1