Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Efeito do soro fetal bovino e do etossulfato de fenazina sobre o acúmulo lipídico, apoptose e resposta à vitrificação em embriões bovinos produzidos in vitro

Sudano, Mateus Jose.
Botucatu; s.n; 02/12/2010. 129 p.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-3448

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar a suplementação de diferentes concentrações de soro fetal bovino (SFB) e do etossulfato de fenazina (PES), no meio de cultivo durante a produção in vitro (PIV) de embriões bovinos. Em um experimento fatorial 4x3, quatro concentrações de SFB (0%, 2,5%, 5% e 10%), e três períodos de exposição ao PES (Controle, a partir do 60 horas ? PES D2,5, e a partir 96 horas ? PES D4, de cultivo) foram avaliados sobre o desenvolvimento, acúmulo lipídico, criotolerância, e apoptose celular de embriões frescos e aquecidos. Tomando a fertilização in vitro como referência (D0), no D7 uma amostra dos embriões foi submetida a coloração de Sudan Black B (quantificação do conteúdo lipídico, n=15-60), e a técnica de TUNEL (apoptose, n=15-134). Os demais embriões (n=2647) foram vitrificados, para posterior aquecimento e re-cultivo em SOFaa a 10% de SFB por 12 horas. Passado este período, os embriões aquecidos foram avaliados quanto a re-expansão da blastocele e submetidos a técnica de TUNEL. Para a análise estatística, foi realizada ANOVA seguida do teste de Tukey, ou Kruskal-Wallis seguido do teste de Dunn. Para análise da correlação foi utilizado o teste de correlação linear de Pearson. Foi adotado o nível de significância de 5%. A elevação da suplementação do SFB no meio de cultivo embrionário aumentou (P<0,05) o número de gotas lipídicas citoplasmáticas pequenas, médias e grandes. Além disso, esta elevação do SFB reduziu (P<0,05) a taxa de re-expansão dos embriões vitrificados e aumentou (P<0,05) a taxa de apoptose dos embriões frescos e aquecidos. A adição do PES ao meio de cultivo a partir do D2,5 e a partir do D4 reduziram (P<0,05) o acúmulo lipídico nos embriões bovinos PIV. O uso do PES a partir do D2,5 prejudicou (P<0,05) o desenvolvimento embrionário e não favoreceu (P>0,05) a criotolerância...
The objective of this study was to evaluate the effect of four FCS concentrations and the use of phenazine ethosulfate (PES) in the culture media during in vitro production (IVP) of bovine embryos. In a 4x3 factorial experimental design, four FCS concentrations (0%, 2,5%, 5% and 10%), and three PES exposure periods (control, after 60 hours - PES D2,5, and after 96 hours - PES D4, of embryo culture) were evaluated by embryo development, lipid accumulation, cryotolerance, and fresh and warmed apoptosis. Taking the in vitro fertilization as reference (D0), a sample of D7 embryos was submitted to Sudan Black B stain (lipid content, n=15-60), and to TUNEL reaction (apoptosis, n=15-134). The remaining embryos (n=2647) were vitrified / warmed and re-cultured in SOFaa with 10% of FCS for 12 hours. After this period, re-expansion and warmed apoptosis rate were determined. For statistical analysis, data were tested using ANOVA followed by Tukey´s test, or Kruskal-Wallis followed by Dunn´s test. For correlation analysis Pearson correlation test was used. It was adopted the significance level of 5%. The raise of FCS concentration increased (P<0.05) the number of small, medium and large cytoplasmic lipid droplets. Moreover, this raise of FCS reduced (P<0.05) the re-expansion rate and increased (P<0.05) the fresh and warmed apoptosis rate. The addition of PES in the culture media from D2,5 and D4 reduced (P<0.05) the lipid accumulation. The use of PES from D2,5 affected (P<0.05) embryo development and did not improve (P>0.05) cryotolerance. However, the PES treatment that started at D4 did not affect (P>0.05) embryo development and increased (P<0.05) embryo survival after vitrification. The increase of lipid accumulation had a strong and a moderate correlation with fresh and warmed apoptosis, respectively. However, the fresh apoptosis rate had a very strong correlation with the warmed apoptosis...
Biblioteca responsável: BR68.1