Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Substituição do milho pelo resíduo de fecularia de mandioca sobre o desempenho, características de carcaça e digestibilidade de bovinos confinados

Dian, Paulo Henrique Moura.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-7098

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho, características de carcaça, digestibilidade aparente e degradabilidade de quatro dietas com diferentes níveis de substituição (0; 12,5; 22,8 e 32,7%) do milho, como fonte de energia, pelo resíduo desidratado de fecularia de mandioca, em bovinos terminados em confinamento. Foram utilizados 32 animais mestiços (½ Nelore x ½ Angus), não castrados, com aproximadamente 18 meses de idade e 380 kg de peso vivo inicial. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com 4 tratamentos e 8 repetições. Foram analisados o ganho médio (GMD), rendimento de carcaça (RC), espessura de gordura de cobertura (EGC), área de olho de lombo (AOL), comprimento de perna (CP), espessura de coxão (EC), ingestão de matéria seca (IMS), ingestão de matéria seca/peso vivo (IMS/PV), conversão alimentar da matéria seca (CAMS), digestibilidade total aparente da matéria seca (DAMS), matéria orgânica (DAMO), proteína bruta (DAPB), energia bruta (DAEB), fibra em detergente ácido (DAFDA) e fibra em detergente neutro (DAFDN) e a degradabilidade da matéria seca (DMS) e proteína bruta (DPB). As rações completas [volumoso (casca de algodão) + concentrado (milho, farelo de soja e resíduo desidratado de fecularia de mandioca)] foram fornecidas pela manhã (8:00 h) e à tarde (16:00 h). Os animais foram mantidos estabulados, em baias de 10 m2, alimentados ad libitum, durante 56 dias. As pesagens foram realizadas pela manhã, com jejum de alimentos sólidos. Para determinação da digestibilidade total aparente, a cinza insolúvel em ácido (CIA) foi usada como indicador interno. Foi realizada coleta de sobras e fezes de todos os animais durante cinco dias, juntamente com o experimento de desempenho. Ao final do período experimental os animais foram abatidos para determinação das características de carcaça. Para determinação da degradabilidade de MS e PB foram utilizados três bovinos, machos, castrados, da raça holandesa, fistulados e portadores de cânulas ruminais, com peso médio de 400 kg. Não houve efeito da substituição do milho pelo resíduo desidratado de fecularia de mandioca (P>0,05) sobre o GMD, RC, CAMS, EGC, AOL, CP e EC. No entanto, a IMS e IMS/PV apresentaram uma redução linear com aumento dos níveis de substituição do milho pelo resíduo desidratado de fecularia de mandioca. Os coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, EB, FDN e FDA não variaram entre as rações experimentais. A degradabilidade efetiva da MS apresentou aumento linear em função do nível de substituição do milho pelo resíduo desidratado de fecularia de mandioca, independente da taxa de passagem: 2; 5 ou 8%/h. Para a degradabilidade efetiva da PB, não houve efeito (P>0,05) entre as dietas avaliadas, para as taxas de passagem a 2; 5 ou 8%/h
Biblioteca responsável: BR68.1