Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Enfermagem

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

O Projeto CuiDando: a qualificação de um projeto de intervenção comunitária / The CuiDando Project: the qualification of a community intervention project

Durães, Luís Carlos Pires.
Viana do Castelo; s.n; 20210000.
Tese em Português | BDENF | ID: biblio-1255159
Reconhecida a sua importância no bem-estar e saúde global das pessoas, bem como o seu impacto transversal na sociedade, a evolução das respostas e serviços na área da saúde mental não tem acompanhado o progresso das políticas públicas neste âmbito, persistindo importantes barreiras ao acesso equitativo a respostas adequadas e de qualidade. Importa, assim, o desenvolvimento de projetos comunitários, voltados para as pessoas com doença mental e para as suas reais necessidades e das suas famílias e cuidadores, capazes de os reconhecer como os agentes principais da sua recuperação e integração social. Neste desígnio, assumiu-se como objetivo principal deste Trabalho de Projeto qualificar, numa lógica participada e colaborativa, uma resposta comunitária de intervenção em saúde mental existente no território de Barcelos o Projeto CuiDando. O Projeto CuiDando é um projeto de intervenção comunitária em saúde mental desenvolvido pela Casa de Saúde S. João de Deus em Barcelos que, com dez anos de trabalho desenvolvido com e para as pessoas com doença mental, e sólidos ganhos em saúde demonstrados ao longo do seu percurso, se apresenta hoje muito orientado para a sua operacionalização no imediato, urgindo criar uma visão estratégia que potencie a sua efetividade e impacto e coloque definitivamente os cidadãos no centro dos seus cuidados, potenciando o seu empowerment e recovery, na prossecução da sua verdadeira integração comunitária. Considerando o planeamento em saúde baseado em metodologias participativas estruturante do desenvolvimento de respostas mais integradas e efetivas em saúde pública, assumiu-se este como pressuposto central do projeto. Assim, centrada nas pessoas com doença mental, seus familiares e cuidadores, a qualificação do Projeto Cuidando pretende contribuir para a valorização da multiplicidade de perspetivas e para a participação ativa e efetiva de todos os envolvidos nos processos de diagnóstico, planeamento, ação e avaliação, rumo à real transformação social. Mais, assume-se neste trabalho o planeamento e pensamento estratégicos como base para uma ação estratégica, capaz de considerar a globalidade da cadeia de causas e consequências, ao longo do tempo, do problema social que o projeto CuiDando se propõe resolver, e por isso contribuir para um processo partilhado, dinâmico e interativo e para uma tomada de decisão verdadeiramente intencional, informada e plural. O presente Relatório, em que culmina o percurso desenvolvido para a obtenção do grau de Mestre e Especialista em Enfermagem Comunitária, espelha, assim, o resultado de um plano de ação e intervenção que seguiu os pressupostos da Metodologia do Planeamento em Saúde, com recurso à revisão bibliográfica, análise de orientações estratégicas e de políticas públicas e institucionais e à facilitação de sessões de trabalho com a equipa do projeto, os seus beneficiários e respetivos familiares e parceiros comunitários, na elaboração, participada e colaborativa, de um Documento de Consenso do Projeto CuiDando, consubstanciado pela co-construção do Plano Estratégico que o norteia. A partir da elaboração participada deste Plano, o CuiDando desenvolveu e concretizou de uma forma mais estruturada e precisa o seu modelo de criação de valor, objetivos, metodologias de atuação e resultados esperados, otimizando-os e reformulando-os, e definiu, assim, uma estratégia de consolidação e crescimento a longo prazo, de comunicação e avaliação de impacto, que permitirá potenciar a sua sustentabilidade e impacto social e económico. Paralelamente, crê-se que o desenvolvimento deste Trabalho contribuirá, também, para o reconhecimento e valorização do desenvolvimento profissional dos Enfermeiros, designadamente dos Enfermeiros habilitados com o Mestrado de Enfermagem Comunitária, no seio das organizações da sociedade civil e da economia social, como parte ativa na construção de soluções colaborativas e sustentadas para desafios sociais e globais na área da saúde.
Biblioteca responsável: PT47.1
Localização: PT47.1