Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

A psicanálise e as transformações na concepção da infância nas crônicas e colunas de Clarice Lispector, 1952-1973 / Psychoanalysis and the transformations of childhood in the articles and columns written by Clarice Lispector, 1952-1973

Josiowicz, Alejandra.
Hist. ciênc. saúde-Manguinhos; 27(1): 53-69, jan.-mar. 2020.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1090497
Resumo O artigo estuda o papel da psicologia na transformação dos modos de conceber a infância nas décadas de 1950 a 1970, tendo como foco as colunas e crônicas publicadas em revistas e jornais de ampla circulação por Clarice Lispector entre 1952 e 1973. Delas emerge um novo paradigma que considera os filhos mistérios psicológicos no interior do âmbito doméstico, objeto de investigação por parte da mãe, e que entende a infância como núcleo do psiquismo adulto. Trata-se de um modelo biopsicológico, que combina a preocupação higiênica pela saúde física com uma atenção psicológica à subjetividade infantil, no qual a criança das classes médias emerge como índice do questionamento dos papéis de autoridade familiar e da nova centralidade do indivíduo.
Biblioteca responsável: BR1.1