Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Na trilha de Macunaima: ensaio para uma política pública de lazer

Miranda, Célio Roberto Turino de.
Campinas; s.n; 2004. 325 p.
Tese em Português | BVS Pensamento Social, FIOCRUZ | ID: bps-162
Os estudos sobre o lazer na sociologia e na história ainda são poucos, e normalmente colocados em um campo secundário. Este trabalho tem por foco a cidade de São Paulo e a influência do lazer na formação de um comportamento social, um jeito, uma "maneira de ser" dos moradores da cidade. O período estudado vai da emergência do lazer, no início do século XIX, até a perda do rio Tietê como espaço de recreação e convivência, em 1944. Para trilhar este caminho procuramos desconstruir as idéias de ócio e trabalho tendo por pano de fundo a rapsódia Macunaíma. Desta forma foi possível entender o processo de construção de identidades e de redes de solidariedade em uma vida fora do trabalho, bem como do modo com que os moradores de São Paulo foram se auto- alienando em seu meio. Vivemos numa época em que um número cada vez maior de pessoas talvez nunca experimente um trabalho regular, daí a importância de conhecer esse tempo "livre", ou de lazer. E entre todos os intelectuais brasileiros, foi Mário de Andrade quem melhor desvendou esse processo. No último capítulo, aqui apresentado como anexo, expomos uma série de experiências e tentativas para compor uma política pública de lazer com caráter emancipador e transformador. Esse é o objetivo que perseguimos ao seguir a trilha de Macunaíma.(AU)
Biblioteca responsável: BR1273.1
Localização: BR1273.1; T306.4812098161, M672n