Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

A travessia: imigração, saúde e profilaxia internacional (1890-1926) / The crossing: immigration, health and international prophylaxis (1890-1926)

Rebelo, Fernanda.
Rio de Janeiro; s.n; 2010. 325 p. mapas, ilus.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-600536
O objetivo desta pesquisa é investigar as questões sanitárias provocadas pelas viagens realizadas por imigrantes europeus para a América no final do século XIX e início do XX. Consiste na experiência histórica da travessia (a viagem de imigração), os problemas enfrentados durante o trajeto, as condições de saúde dentro dos navios e o encontro dos imigrantes com o Serviço Sanitário do Porto do Rio de Janeiro. Partindo da descrição da chegada ao Brasil de quatro navios com surto epidêmico de alguma das doenças consideradas transmissíveis - a cólera, a peste bubônica e a febre amarela – entre os anos de 1890 a 1926, analisamos as respostas dadas pela saúde pública a este problema, os processos de recepção e inspeção de passageiros e navios no Porto do Rio de Janeiro e as práticas de profilaxia aplicadas. Estas respostas, que tinham um caráter ad hoc no final do século XIX, se transformaram no decorrer do tempo e, na segunda década do século XX, são regidas por pressupostos científicos estabelecidos, convenções internacionais e regulamentos nacionais.
Biblioteca responsável: BR1273.1
Localização: BR1273.1; T614.4, R291t