Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 109
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. dent. sci ; 23(1): 1-8, 2020. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1049962

RESUMO

Objective: Dental composites developed by using nanotechnology in the field of dentistry are widely used in the treatment of anterior and posterior teeth. This study aimed to investigate the cytotoxic effects of dental composites of different particle size on L929 mouse fibroblast cell line by extract test method in vitro. Material and Methods: Composite samples of 8 x 2 mm diameter were prepared by polymerizing with led light device by using glass mod in a sterile cabinet. Composite samples of which surface areas were calculated according to ISO standards (3 cm2 / ml), were incubated for 24 and 72 hours, at 37 o C. cell viability was assessed by 3-[4,5-dimethylthiazole-2- yl]-2,5-diphenyltetrazolium bromide (MTT) assay and cell death was evaluated by the lactate dehydrogenase (LDH) leakage assay. Results: The 1:1 extracts of the composites at the end of 24 hours (except for nanoceramic composite) showed no toxic effect. When the cell viability results of the 1:1 extracts of the composite samples at the end of 72 hours were statistically analyzed, significant differences were found comparing to the control group (p < 0.05). Conclusion: It was observed that the type and size of the filler were effective on the toxicity of the composites, and the composites containing Bis-GMA, TEGDMA, UDMA and Bis EMA monomers in their organic matrix showed acceptable cell viability (70%) as specified by ISO. However, the composites with PEGDMA and BPA monomers in their organic matrix showed poor cell viability, which is below the acceptable level of 70%, and were found to have a toxic effect. (AU)


Objetivo: As resinas compostas desenvolvidas pela nanotecnologia no campo da odontologia são amplamente utilizadas no tratamento de dentes anteriores e posteriores. Este estudo teve como objetivo investigar os efeitos citotóxicos de resinas compostas de diferentes tamanhos de partículas na linha celular de fibroblastos de camundongos L929 pelo método de teste de extrato in vitro. Material e Métodos: Amostras compostas de 8 x 2 mm de diâmetro foram preparadas por polimerização com dispositivo de luz led usando um molde de vidro em um gabinete estéril. Amostras de resinas cujas áreas de superfície foram calculadas de acordo com os padrões ISO (3 cm2 / ml), foram incubadas por 24 e 72 horas, a 37 o C. A viabilidade celular foi avaliada pelo ensaio de brometo de 3- [4,5-dimetiltiazol-2- il] -2,5-difeniltetrazólio (MTT) e a morte celular foi avaliada pelo ensaio de infiltração de lactato desidrogenase (LDH). Resultados: Os extratos 1: 1 dos compósitos ao final de 24 horas (exceto o composto nanocerâmico) não apresentaram efeito tóxico. Quando os resultados de viabilidade celular dos extratos 1: 1 das amostras compostas ao final de 72 horas foram analisados, estatisticamente, foram encontradas diferenças significativas em relação ao grupo controle (p < 0,05). Conclusão: Observou-se que o tipo e tamanho da carga foram eficazes na toxicidade dos compósitos, e os compósitos contendo os monômeros Bis-GMA, TEGDMA, UDMA e Bis EMA em sua matriz orgânica apresentaram viabilidade celular aceitável (70%) como especificado pela ISO. No entanto, os compósitos com monômeros PEGDMA e BPA em sua matriz orgânica apresentaram baixa viabilidade celular, que está abaixo do nível aceitável de 70%, e foram encontrados como tendo um efeito tóxico. (AU)


Assuntos
Animais , Camundongos , Resinas Compostas/toxicidade , Estética Dentária , Fibroblastos , Técnicas In Vitro , Linhagem Celular , Sobrevivência Celular , Nanopartículas , L-Lactato Desidrogenase/toxicidade
2.
Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr ; 19(1): 4537, 01 Fevereiro 2019. graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-998237

RESUMO

Objective: To analyze the effect of immediate placement of implants with extract from the new bone formation histometically. Material and Methods: In this true-experimental design with randomized post test control group, 9 mongrel dogs weighing 10 to 12 kg were used, which were divided into 3 groups, based on observation time of 14 days, 28 days and 56 days. On the installation of implants (∅3.5x10 mm) sequentially, the former socket extraction of the lower jaw's right second premolar tooth in the study sample injected 10% Aloe vera gel extract and left second left premolar tooth without injection of 10% Aloe vera extract. To compare independent groups use the Mann-Whitney test. All analysis were carried out using SPSS version 20. Results: There was an increase in the number of osteoblast cells in both treatment and control groups, but the value of the treatment group was greater. There were significant differences in the number of osteoblast cells between the treatment and control groups 14 days (p=0.019), 28 days: (p=0.018), and 56 days (p=0.009). There were no significant differences in the number of fibroblast cells between the treatment and control groups (p>0.05). But at observations 28 and 56 days, it was showed a significant difference in the number of fibroblast cells between the treatment and control groups (p=0.353 and p=0.024, respectively). Conclusion: Immediate placement of implants with 10% Aloe vera extract gel on extracted socket increases the number of osteoblasts and suppresses the number of osteoclasts and fibroblasts.


Assuntos
Animais , Cães , Osteoclastos , Células do Tecido Conjuntivo , Implantação Dentária Endo-Óssea , Aloe , Estatísticas não Paramétricas , Fibroblastos , Indonésia , Odontoblastos
3.
Araçatuba; s.n; 2019. 114 p. tab, graf, ilus.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1051133

RESUMO

Este trabalho foi dividido em dois capítulos que objetivou avaliar: 1) o efeito isolado ou combinado do flavonoide epigallocatechin-3-gallate (EGCG) em associação com o peptídeo LL-37 e seu análogo KR-12-a5 sobre a viabilidade celular de fibroblastos e sobre cultura planctônica, biofilme simples, dual-espécies e túbulos dentináios e 2) as interações sinérgicas do EGCG e proantocianidina do oxicoco (A-type cranberry proanthocyanidins, AC-PAC), quando usado em combinação com LL-37 ou KR-12-a5 sobre a viabilidade celular, a capacidade de migração e inibição das citocinas em cultura de fibroblastos (HGF-1), quando estimuladas ou não pelo lipopolissacarídeo de A. actinomycetencomitans (LPS). No capítulo 1, a concentração inibitória mínima (MIC), a concentração bactericida mínima (MBC) e concentração inibitória fracionária (FIC) de EGCG, LL-37 e KR-12-a5 foram determinadas a partir de valores decrescentes dos compostos por meio dos métodos de microdiluição e checkerboard contra Streptococcus mutans, Enterococcus faecalis, Actinomyces israelii e Fusobacterium nucleatum após 24 horas de tratamento. Fibroblastos da linhagem L-929 foram expostos a combinações de EGCG com peptídeos em diferentes concentrações e o metabolismo celular avaliado por ensaios de MTT. Os compostos com melhor efeito antimicrobiano e citotóxico foram avaliados por 24-36h, isoladamente ou em combinação, em biofilmes individuais ou biofilmes de dual-espécies com E. faecalis formados em placas de poliestireno por 48h por meio de contagem bacteriana. Os biofilmes de E. faecalis também foram cultivados em túbulos dentinários por 2 semanas, tratados com EGCG, KR-12-a5 e EGCG + KR-12-a5 e a porcentagem de células mortas foi determinada pela análise de imagens usando Microscopia Confocal. No capítulo 2, a linhagem celular de fibroblastos gengivais humanos primários HGF-1 foi pré-tratada durante 2 h com EGCG ou AC-PAC a 25 e 12,5 µg / mL, LL-37 ou KR-12-a5 a 0,06 e 0,03 µM ou com uma combinação de EGCG + ACPAC; AC-PAC + KR-12-a5; AC-PAC + LL-37; EGCG + KR-12-a5 ou EGCG + LL-37, nas mesmas concentrações. As culturas celulares foram então estimuladas com 50 µg/mL de LPS por 24-48h. A viabilidade celular e migração foram analisadas usando ensaios colorimétricos e fluorescentes, respectivamente. A quantificação de citocinas foi determinada por ensaios multiplex ELISA. Os resultados mostraram que em condições planctônicas, EGCG + KR-12-a5 apresentaram efeito sinérgico ou aditivo contra todas as bactérias testadas, com FIC menor que os valores de MIC obtidos pelos compostos isolados. As combinações de EGCG e peptídeos testados não foram tóxicas para os fibroblastos, uma vez que o crescimento celular foi superior a 70%. Em condições de biofilme simples, EGCG + KR-12-a5 eliminou S. mutans e A. israelii e reduziu E. faecalis e F. nucleatum. Para biofilmes de duas espécies, quando E. faecalis foi combinado com S. mutans, EGCG + KR-12-a5 teve efeito sinérgico eliminando S. mutans e reduzindo estatisticamente as contagens de E. faecalis. Em biofilmes associando E. faecalis e A. israelii ou F. nucleatum, EGCG + KR-12-a5 eliminaram E. faecalis e promoveram redução de A. israelii e F. nucleatum, embora não tenha sido observada diferença estatística entre os compostos. EGCG + KR-12-a5 reduziu mais de 80% dos biofilmes de E. faecalis nos túbulos dentinários. Dentre os grupos experimentais estudados, o EGCG, principalmente a 25 e 12,5 µg/mL estimulou o crescimento de fibroblastos, protegendo-os dos efeitos do LPS. Efeito sinérgico entre EGCG + AC-PAC, EGCG + LL-37 e EGCG + KR-12-a5 no metabolismo celular também foi observado na presença de LPS. Combinações do EGCG com AC-PAC ou KR-12-a5 e AC-PAC com LL-37 foram capazes de aumentar estatisticamente a migração celular. EGCG, AC-PAC, LL-37 e KR-12-a5 promoveram a redução de citocinas individualmente ou em combinação (EGCG + AC-PAC e EGCG + KR12-a5) mais especificamente para IL-6, IL-8, GM- CSF e TNF-α. Conclui-se que a associação de EGCG e KR-12-a5 é citocompatível e promove um efeito sinérgico contra bactérias associadas a infecções endodônticas, sob condições planctônicas e de biofilme. O EGCG, isoladamente ou associado ao AC-PAC e ao KR-12-a5, aumenta a viabilidade e migração celular, bem como a inibição de citocinas por fibroblastos estimulados por LPS. A associação de EGCG com KR-12-a5 poderia ser uma opção de princípio ativo em medicações para fins endodônticos(AU)


This study was divided in two chapters that aimed to evaluate: 1) the effect of flavonoid epigallocatechin-3-gallate (EGCG), cationic peptide LL-37 peptide and its analogue KR12-a5, alone or in combination, on fibroblast cell viability and on bacteria in planktonic and single/dual-species biofilms/dentin tubules; 2) the synergistic interactions of EGCG and cranberry proanthocyanidins (A-type cranberry proanthocyanidins, AC-PAC), when used in combination with LL-37 or KR-12-a5 on cell viability, the ability to induce cell migration and inhibit cytokines in culture of fibroblasts (HGF-1) when stimulated or not by the lipopolysaccharide of A. actinomycetencomitans (LPS). For the chapter 1, Minimum inhibitory concentration (MIC), minimum bactericidal concentration (MBC) and fractional inhibitory concentration (FIC) of EGCG, LL-37 and KR-12-a5 were determined from decreasing values of the compounds by Streptococcus mutans, Enterococcus faecalis, Actinomyces israelii and Fusobacterium nucleatum against microdilution and checkerboard after 24 hours of treatment. L-929 fibroblasts were exposed to combinations of EGCG with peptides at different concentrations and cell metabolism assessed by MTT assays. The compounds if the best antimicrobial and cytotoxic effect were also evaluated for 24-36h, alone or in combination, in 48h singleor dual-species biofilms with E. faecalis formed on polystyrene plates by bacterial counting. E. faecalis biofilms were also cultured in dentin tubules for 2 weeks and treated with EGCG, KR-12-a5 and EGCG + KR-12-a5 to determine the percentage of dead cells by analysis of images using Confocal Microscopy. For the chaper 2, primary human gingival fibroblast HGF-1 cell line was pretreated for 2 h with either EGCG or AC-PAC at 25 and 12.5 µg/mL, LL-37 or KR-12-a5 at 0.03 and 0.06 µM or with a combination of EGCG + AC-PAC; AC-PAC + KR-12-a5; AC-PAC + LL-37; EGCG + KR-12-a5 or EGCG + LL37, at the same concentrations. Cell cultures were then stimulated with 50 µg/mL LPS for 24-48h. Cell viability and migration were analyzed using colorimetric and fluorescent assays, respectively. Quantification of cytokines was determined by multiplex ELISA assays. The results show that in planktonic conditions, EGCG + KR-12- a5 showed a synergistic or additive effect against all the bacteria tested, with FIC lower than the MIC values obtained by the compounds alone. Combinations of EGCG and peptides tested were not toxic to fibroblasts, since cell growth was higher than 70%. Under single biofilm conditions, EGCG + KR-12-a5 eliminated S. mutans and A. israelii and reduced E. faecalis and F. nucleatum. For dual- species biofilms, when E. faecalis was combined with S. mutans, EGCG + KR-12-a5 had a synergistic effect by eliminating S. mutans and statistically reducing E. faecalis counts. In biofilms associated with E. faecalis and A. israelii or F. nucleatum, EGCG + KR-12-a5 eliminated E. faecalis and promoted reduction of A. israelii and F. nucleatum, although no statistical difference was observed between the compounds. EGCG + KR-12-a5 reduced more than 80% of the E. faecalis biofilms in the dentin tubules. Among the experimental groups studied, EGCG, mainly at 25 and 12.5 µg/mL stimulated the growth of fibroblasts, protecting them from the effects of LPS. Synergistic effect between EGCG + AC-PAC, EGCG + LL-37 and EGCG + KR12-a5 on cell metabolism was also observed in the presence of LPS. Combinations of EGCG with AC-PAC or KR-12-a5 and AC-PAC with LL-37 were able to increase statistically cell migration. EGCG, AC-PAC, LL-37 and KR-12-α5 promoted cytokine reduction individually or in combination (EGCG + AC-PAC and EGCG + KR-12-a5) more specifically for IL-6, IL-8, GM-CSF and TNF-α. The association of EGCG and KR-12-a5 was cytocompatible and promoted a synergistic effect against bacteria associated with endodontic infections under planktonic and biofilm conditions. EGCG, alone or in combination with AC-PAC and KR-12-a5, increases cell viability and migration, as well as inhibition of cytokines by LPS-stimulated fibroblasts. The association of EGCG with KR12-a5 could be an option as active principle for medications to be used for endodontic purposes(AU)


Assuntos
Flavonoides , Biofilmes , Peptídeos Catiônicos Antimicrobianos , Citocinas , Fibroblastos
4.
Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr ; 18(1): 4085, 15/01/2018. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-966895

RESUMO

Objective: To compare the potency of fibroblast cells proliferation in 12.5% and 25% Culture Media Conditioned Warton's Jelly (CMCWJ) and Advanced Platelet Rich Fibrin (A-PRF) cultured medium. Material and Methods: Fibroblast cells were divided into five groups: Group I (Control Group): serum-starved fibroblast without any treatment as a negative control; Group II: fibrolast that supplemented in 12.5% CMCWJ medium; Group III: fibrolast that supplemented 12.5% A-PRF medium; Group IV: fibrolast that supplemented 25% CMCWJ medium, and Group V: fibrolast that supplemented 25% A-PRF medium. The fibroblasts proliferation was counted by an automated cell counter. Statistical analysis was performed using One-way ANOVA and Post hoc Tamhane test was conducted to analyze the potential fibroblast proliferation differences in different concentration of CMCWJ and A-PRF group. Results: There were no significant differences in the fibroblast cell proliferation between GI and GIV, GII and GIV, GII and GIII, GII and GV, also GIV and GV. There were significant differences between GI and GII, GI and GIII, GI and GV, also GIII and GIV. Conclusion: The 12.5% CMCWJ group, 12.5% A-PRF group and 25% A-PRF group has excellent potential ability of fibroblast cells proliferation, meanwhile 25% CMCWJ group has the lowest mean potency of fibroblast cells proliferation compared to other groups. The 12.5% A-PRF Group has the highest mean of fibroblast cell proliferation amongst other groups.


Assuntos
Proliferação de Células , Geleia de Wharton/patologia , Fibroblastos/patologia , Fibrina Rica em Plaquetas , Indonésia
5.
Bauru; s.n; 2018. 95 p. ilus, graf, tab.
Tese em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-884465

RESUMO

Current knowledge supports the application of TiF4 varnish to protect against tooth caries and erosion; however, it is indispensable to know its cytotoxic potential and the mechanism involved on it before applying in patients. Therefore, this study aimed to evaluate 1) The cytotoxic effect of titanium tetrafluoride (TiF4) varnish compared with sodium fluoride (NaF) varnish on murine fibroblast (NIH/3T3), varying the fluoride concentration and time of treatment and 2) The percentage of apoptosis and its mechanism (both mitochondrial mediated by the Bcl-2 family- and death receptorpathways) in human gingival fibroblasts (HGF) and murine fibroblasts (NIH/3T3) treated with TiF4 varnish compared to NaF varnish for 6 h. Step 1) NIH/3T3 were exposed to NaF or TiF4 varnishes containing 0.95, 1.95 or 2.45% F, for 6, 12 or 24 h. MTT viability (n=6) and Hoescht/PI stain assays (n=3) as well as the cells morphology (HE, only for 24 h, n=3) and stiffness (AFM, only for 2.45% F, 6 or 12 h) were analyzed. Both varnishes, at 1.90 and 2.45% F, reduced cells viability by similar extent (33-86% at 6 h, 35-93% at 12 h, and 87-98% at 24 h) compared to control, regardless of the type of fluoride. TiF4 and NaF (2.45% F) reduced cell stiffness to a similar extent, but only TiF4 differed from control. Step 2) HGF and NIH/3T3 were exposed to NaF or TiF4 (2.45% F) varnishes for 6 h. Cells were examined by the TUNEL method using fluorescence microscope. The caspases-3, -8 and -9 activities were assessed. The cDNA for cytocrome c, Bax, Bad, Bcl-2, VDAC-1 and Fas-L was amplified by quantitative PCR (qPCR). Bax, Bcl-2 and Fas-L were further detected by western blot. Both fluorides similarly increased the percentage of apoptosis, while they failed in activating caspases-3, -8 and -9 for both types of cells. Bax/Bcl-2 ratio, cytochrome C and VDAC-1 gene expressions were not altered by both fluoride treatments. However, NaF varnish increased the amplification of Fas-L gene for NIH/3T3 and HGF, while TiF4 varnish induced lower Bad/Bcl-2 ratio expression compared to control for NIH/3T3, but not for HGF. No effect of the fluorides was detected in the proteins analysis. TiF4 and NaF have similar cytotoxicity on NIH/3T3, which is dependent on the F concentration and the exposure time. Both fluorides, at the studied conditions, similarly induce a low percentage of apoptosis, with consequent modest activation of Bcl-2 and Fas-L-dependent signaling pathways.(AU)


Conhecimento atual suporta a aplicação de verniz de TiF4 para proteção contra cárie e erosão dentárias; entretanto, é indispensável conhecer o seu potencial citotóxico e o mecanismo envolvido antes de aplicá-lo em pacientes. Portanto, o objetivo deste estudo foi avaliar 1) o efeito citotóxico do verniz de tetrafluoreto de Titânio (TiF4) comparado ao fluoreto de sódio (NaF), em fibroblastos NIH/3T3, variando a concentração de fluoreto e o tempo de tratamento 2) a porcentagem de apoptose e seus mecanismos (ambos mitocondrial mediado pela família Bcl-2 e pelo receptor de morte celular) em fibroblastos gengivais humanos (FGH) e fibroblastos murinos (NIH/3T3) tratados com verniz de TiF4 comparado com verniz de NaF por 6 h. Etapa 1) NIH/3T3 foram expostos a vernizes de NaF e TiF4 contendo 0,95, 1,95 ou 2,45% F, por 6, 12 ou 24 h. Ensaios de viabilidade por MTT (n=6) e Hoechst 33342/iodeto de propídeo (n=3) bem como a morfologia (HE, apenas para 24 h, n = 3) e a rigidez celular (MFA, apenas para 2,45% F, 6 ou 12 h) foram realizados. Ambos os vernizes com 1,90 e 2,45% F reduziram a viabilidade das células de forma semelhante (33-86% em 6 h, 35-93% em 12 h e 87-98% em 24 h) em comparação com o controle, independentemente do tipo de fluoreto. TiF4 e NaF (2,45%) reduziram de forma similar a rigidez celular, mas somente TiF4 diferiu do controle no período de 6 h. Etapa 2) FGH e NIH/3T3 foram tratadas com verniz de NaF ou TiF4 por 6h. As células foram examinadas pelo método de TUNEL, usando microscopia de fluorescência. A atividade das caspases -3, -8 e -9 foram avaliadas. O cDNA para citocromo C, Bax, Bad, Bcl-2, VDAC-1 e Fas-L foi amplificado e quantificado por PCR em tempo real (qPCR). A expressão das proteínas Bax, Bcl-2 e Fas-L foi quantificada por western blot. Ambos os fluoretos aumentaram de forma semelhante a porcentagem de apoptose, enquanto falharam na ativação de caspases-3, -8 e -9 para ambos tipos celulares. A expressão gênica da relação Bax/Bcl-2, do citocromo C e do VDAC-1 não foram alteradas por ambos fluoretos. No entanto, o verniz NaF aumentou a amplificação do gene Fas-L para ambas as células, enquanto que o verniz TiF4 induziu menor expressão da razão Bad/Bcl-2 em comparação com o controle para NIH/3T3, mas não para FGH. Nenhum efeito foi detectado na análise de proteínas. TiF4 e NaF apresentam citotoxicidade similar em NIH/3T3, a qual é dependente da concentração de F e do tempo de exposição. Ambos os fluoretos, nas condições estudadas, induzem uma baixa porcentagem de apoptose, com consequente modesta ativação das vias de sinalização dependentes de Bcl-2 e Fas-L.(AU)


Assuntos
Humanos , Animais , Camundongos , Cariostáticos/farmacologia , Fibroblastos/efeitos dos fármacos , Fluoretos Tópicos/farmacologia , Titânio/farmacologia , Apoptose/efeitos dos fármacos , Western Blotting , Sobrevivência Celular/efeitos dos fármacos , Gengiva/citologia , Marcação In Situ das Extremidades Cortadas , Microscopia de Fluorescência , Células NIH 3T3 , Reação em Cadeia da Polimerase , Reprodutibilidade dos Testes , Fatores de Tempo
6.
São José dos Campos; s.n; 2018. 53 p. il., tab., graf..
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-905220

RESUMO

O objetivo deste estudo foi avaliar in vitro o comportamento biológico celular da N-Acetilcisteína (NAC), diante da estimulação ou não pelo LPS bacteriano. Foram utilizados fibroblastos do ligamento periodontal, que ficaram em contato por 48 horas com as substâncias testadas: NAC, Hidróxido de cálcio p.a. (HC), Lipopolissacarídeo de Escheria Coli (LPS), NAC + LPS e HC + LPS. Para os grupos NAC + LPS, HC + LPS e LPS, as células foram estimuladas com 2µg/mL de LPS por 24 horas, previamente aos tratamentos descritos. Foram realizados os testes biológicos de viabilidade celular (XTT), Espécies Reativas de Oxigênio (ROS), Elisa (para as citocinas IL-6, IL-8, IL-10, IL-1ß e TNF-α) e Micronúcleo (MNT). Os dados foram analisados estatisticamente pela análise descritiva e pelos testes ANOVA e Kruskall Wallis, seguido do teste Dunn (p˂0.05) para os testes de XTT, ROS e MNT, e para o teste Elisa foi realizado cálculo das médias e desvio padrão. Os resultados obtidos mostraram que NAC teve um bom comportamento, frente à agressão provocada pelo LPS, quanto à produção de ROS. HC apresentou maior viabilidade celular que NAC, embora NAC não tenha apresentado citotoxicidade. Em relação à expressão das citocinas, NAC foi capaz de reduzir o potencial inflamatório do LPS quando da análise do TNF- α e IL-1ß. NAC foi capaz de reduzir a genotoxicidade do LPS, como mostrado pelo teste MNT. Concluiu-se que NAC apresentou um comportamento biológico satisfatório, pela viabilidade celular dos fibroblastos, pela redução da geração de ROS e do potencial inflamatório provocado pelo LPS, e por reduzir a sua genotoxicidade (AU)


The purpose of this study was to evaluate in vitro the action of N-Acetylcysteine (NAC) and calcium hydroxide (CH) on biological activity, either without or with LPS stimulation in periodontal ligament fibroblasts (PDLF) cells. PDLF were placed in contact with NAC, CH, NAC + LPS, LPS and CH + LPS for 48 hours. PDLF were stimulated by bacterial LPS for 24 hours in NAC + LPS, LPS and CH + LPS groups, before the substances described above are applied. The LPS and NAC effect on cell viability was measured using a XTT test. Reactive oxygen species (ROS) production was evaluated using ROS/superoxide detection kit. Inflammatory cytokines (IL-6, IL-8, IL-10, IL-1ß and TNF-α) were evaluated by enzyme-linked immunosorbent (ELISA) assay. Genotoxicity was measured using micronucleus test (MNT). The means and standard deviation for all tests were calculated. Data were analyzed statistically by descriptive analysis, ANOVA and Kruskall Wallis tests, followed by Dunn test (p˂.05). CH was superior to NAC on cellular viability, although NAC was not cytotoxic. The results showed that NAC was able to reduce ROS production of LPS. NAC was able to reduce the inflammatory potential of LPS by decreasing the TNF-α and IL-1ß release. NAC was able to reduce the genotoxicity of LPS. It was concluded that NAC showed a satisfactory biological activity, presenting a minimal effect on cell viability of PDLF cells and reducing ROS production and inflammatory potential provoked by LPS, and to decrease its genotoxicity(AU)


Assuntos
Humanos , Fibroblastos , Sobrevivência Celular/imunologia , Lipopolissacarídeos/imunologia , Espécies Reativas de Oxigênio/efeitos adversos
7.
Bauru; s.n; 2017. 103 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-880031

RESUMO

O desenvolvimento de biomateriais com aplicações na área da saúde mostram-se cada vez mais importantes e a procura por novos polímeros com propriedades bioativas, biodegradabilidade, atoxicidade são o foco das principais pesquisas em diferentes aplicações médicas e odontológicas. Os materiais capeadores pulpares evoluíram rapidamente na ultima década, sendo que são disponibilizadas atualmente diversas alternativas para uso clínico odontológico. Este trabalho teve como objetivo o desenvolvimento de um novo produto bioestimulador e capeador dentino/pulpar que poderá ser base para o desenvolvimento e recobrimento de scaffolds para reparo das diferentes estruturas dentárias. O desenvolvimento das bandagens BBio e os resultados obtidos nos testes das propriedades físico-químicas (absorção de água, perda de massa e pH), bem como as análises biológicas da morfologia celular e viabilidade celular com MTT a BBio apresentaram dados favoráveis e desejáveis para sua aplicação clínica. A propriedade de liberação de cálcio foi bastante promissora, sendo esta uma condição que dará a diferenciação positiva da BBio como um produto bioestimulador pulpar. Com esses dados pode-se concluir que a mesma se encontra dentro dos parâmetros desejados para o produto final e com propriedades semelhantes aos produtos existentes no mercado, de qualidade e aprovados pelas agências reguladoras.(AU)


The development of biomaterials with applications in the health area are increasingly important and the search for new polymers with bioactive properties, biodegradability and toxicity are the focus of the main researches in different medical and dental applications. The pulp capping materials evolved rapidly in the last decade, and several alternatives are now available for clinical dental use. This project aimed to develop a new biostimulating and dentin / pulp capping product that could be the basis for the development and recoating of "scaffolds" for repair of different dental structures. The development of the BBio bandages and the results obtained in the physical-chemical properties tests (water absorption, loss of mass and pH), as well as the biological analyzes of the cellular morphology and cell viability with MTT to BBio presented favorable and desirable data for its clinical application. The calcium release property was quite promising, and this is a condition that will give BBio a positive differentiation as a pulp biostimulator product. With this data it can be concluded that it is within the parameters desired for the final product and with properties similar to the products on the market, of quality and approved by the regulatory agencies.(AU)


Assuntos
Humanos , Materiais Biocompatíveis/química , Polpa Dentária/efeitos dos fármacos , Dentina/efeitos dos fármacos , Agentes de Capeamento da Polpa Dentária e Pulpectomia/química , Análise de Variância , Materiais Biocompatíveis/farmacologia , Materiais Biocompatíveis/normas , Sobrevivência Celular , Quitina/química , Quitosana/química , Fibroblastos/efeitos dos fármacos , Teste de Materiais , Microscopia Eletroquímica de Varredura , Agentes de Capeamento da Polpa Dentária e Pulpectomia/farmacologia , Agentes de Capeamento da Polpa Dentária e Pulpectomia/normas , Reprodutibilidade dos Testes , Fatores de Tempo
8.
Braz. dent. sci ; 20(3): 126-131, 2017. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-868115

RESUMO

Objetivo: O objetivo deste estudo foi isolar células do tecido pulpar de dentes decíduos humanos, avaliar a capacidade de proliferação, caracterizá-las e normatizar as técnicas de cultivo e expansão celular destas para a criação de um banco de células. Material e métodos: Dentes decíduos sem cárie e com indicação ortodôntica de para extração foram utilizados como doadores de tecido para a pesquisa. As células foram extraídas de tecidos pulpares, isoladas e cultivadas em condições ideais até alcançarem confluência. Resultados: Após consecutivas passagens, as células cultivadas foram caracterizadas por meio de técnicas de imunofluorescência e congeladas entre a 2ª e a 6ª passagem, criando-se um biorrepositório de células da polpa de dentes decíduos humanos. Conclusão: A criação de bancos de células pulpares de dentes decíduos humanos permite uma aplicação mais ágil nas pesquisas laboratoriais, reduzindo o tempo e o custo da obtenção de novas amostras. Evita necessidade de triagem e obtenção de novos doadores de dentes e tecidos, e permite maior rapidez nas repetições de protocolos de pesquisas. (AU)


Objective: This study aimed to isolate the cells from the dental pulp tissue of human primary teeth, study the capacity of proliferation, characterize the cells and standardize the technique of culture and expansion to create a cell banking. Material and Methods: Primary teeth with no caries and orthodontic reasons were extracted for pulp tissue obtainment. The cells were extracted from the pulp cells, isolated and cultured under ideal conditions until full expansion. Results: After consecutive passages, the cultured cells were characterized using immunofluorescence technique and frozen between the 2nd and 6th passage, thus creating a biorepository of dental pulp cells from human primary teeth. Conclusion: The creation of a cell banking from dental pulp cells from human primary teeth enables the easy application of cells in laboratorial studies, reducing the cost and time for obtaining the samples, avoid the involvement of new subjects and allow a fast reproducibility of the researches. (AU)


Assuntos
Técnicas de Cultura de Células , Criopreservação , Polpa Dentária , Fibroblastos , Dente Decíduo
9.
Braz. dent. sci ; 20(2): 152-158, 2017. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-846454

RESUMO

The fibrous histiocytoma is a soft tissue neoplasm that affects the dermis and the subcutaneous tissue, rarely is found in the oral cavity and perioral regions, and is originated from the proliferation of fibroblasts and histiocytes. The objective of this paper is to report a case of Benign Fibrous Histiocytoma in a 30-year-old male patient, complaining of a painless nodule in the tongue for about six months. With diagnostic clinical hypotheses of Fibrous Hyperplasia, Neurofibroma, Traumatic Neuroma, Fibrous Histiocytoma, Granular Cell Tumor or Ectomesenchymal Chondromyxoid Tumor a excisional biopsy was performed. The histopathological examination revealed a non-encapsulated proliferation of spindle cells with some giant multinucleated cells in the periphery of the lesion. Immunohistochemical reactions were performed, staining only for vimentin in the spindle cells and for CD68 in the multinucleated giant cells. According to these characteristics, the final diagnosis was Benign Fibrous Histiocytoma. The correct diagnosis of spindle shaped cell neoplasia must be performed with the aid of histopathological analysis and immunohistochemistry, mainly because the morphological similarities with other benign and malignant lesions. (AU)


O Histiocitoma Fibroso é uma neoplasia de partes moles que acomete a derme e o tecido subcutâneo, raramente é encontrado na cavidade oral e regiões periorais, e tem origem a partir da proliferação de fibroblastos ou histiócitos. O objetivo deste artigo é relatar um caso de Histiocitoma Fibroso Benigno em um paciente masculino, 30 anos de idade, com um nódulo indolor, bem delimitado, com duração de cerca de seis meses, localizado no dorso anterior da língua. Com as hipóteses clínicas diagnósticas de Hiperplasia Fibrosa, Neurofibroma, Neuroma Traumático, Histiocitoma Fibroso, Tumor de Células Granulares e Tumor Condromixoide Ectomesenquimal uma biópsia foi realizada sob anestesia local e a lesão foi fixada em formol a 10% e enviada para análise histopatológica. O exame histopatológico revelou uma proliferação não-encapsulada de células fusiformes com algumas células gigantes multinucleadas na periferia da lesão. A marcação imunohistoquímica foi positiva para CD68 nas células gigantes multinucleadas e para vimentina nas células fusiformes. O diagnóstico final foi de Histiocitoma Fibroso Benigno. Para um diagnóstico correto, este deve ser feito correlacionando características clínicas, análise histopatológica e imunohistoquímica devido à similaridade microscópica do Histiocitoma Fibroso com outras lesões com aspecto fusocelular, assim como similaridade clínica com outras lesões benignas e malignas.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Fibroblastos , Histiócitos , Histiocitoma Fibroso Benigno
10.
Bauru; s.n; 2017. 81 p. graf.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-880023

RESUMO

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito de diferentes densidades de energia do Laser de Baixa Intensidade na viabilidade e proliferação celular de fibroblastos derivados da polpa de dentes decíduos humanos e na expressão de RNAm para DMP- 1, DSPP, VEGF e FGF-2. Amostras de fibroblastos pulpares da polpa de dentes decíduos humanos foram obtidas de um Biorrepositório. Foram utilizadas células entre a 4ª e a 7ª passagem, irradiadas com Laser de Baixa Intensidade (InGaAlP) de acordo com os seguintes grupos experimentais: Grupo 1: 1,2 J/cm2 - 05 mW - 10s; Grupo 2: 2,5 J/cm2 - 05 mW - 20s; Grupo 3: 3,7 J/cm2 - 05 mW - 30s; Grupo 4: 5,0 J/cm2 - 05 mW - 40s; Grupo 5: 6,2 J/cm2 - 05 mW - 50s; Grupo 6: 2,5 J/cm2 - 10 mW - 10s; Grupo 7: 3,7 J/cm2 - 15 mW - 10s; Grupo 8: 5,0 J/cm2 - 20 mW - 10s; Grupo 9: 6,2 J/cm2 - 25 mW - 10s; Controle Negativo: DMEM 1% SFB ­ não irradiado; Controle Positivo: DMEM 10% SFB ­ não irradiado. As técnicas utilizadas para as análises de viabilidade e proliferação celular foram MTT e CV. A técnica utilizada para avaliação da expressão de RNAm para os alvos DMP-1, DSPP, VEGF e FGF-2 foi RT-PCR. Os resultados foram analisados pelo método ANOVA a dois critérios, seguido pelo teste de Tukey (p<0,05). Para o teste MTT, na comparação intragrupos observou-se que houve diferença estatisticamente significativa entre os períodos 6h, 12h e 24h, diminuindo a viabilidade com o passar do tempo, exceto para o Grupo 1. Na comparação intergrupos, o MTT mostrou menor viabilidade para o controle negativo em comparação com os outros grupos (p<0,05), exceto com grupo 5 (5mW/50 seg). Observou-se que os grupos com maiores potências (10mW, 15mW, 20mW e 25mW), menores tempos de aplicação (10 segundos) e densidades de energia entre 2,5 J/cm2 e 6,2 J/cm2, apresentaram estatisticamente maior viabilidade que o grupo com menor potência (5mW), maior tempo de aplicação (50 segundos) e densidade de energia de 6,2 J/cm2. Para o teste CV não houve diferença intragrupos, mas houve diferença intergrupos entre os controles positivo e negativo. Para a expressão de RNAm por RTPCR, os fatores de crescimento VEGF e FGF-2 foram expressos em grande quantidade no primeiro período experimental, enquanto que DMP-1 e DSPP não foram expressos de maneira significativa. De acordo com os resultados obtidos, frente as diferentes densidades de energia, sugere-se que a terapia a laser de baixa intensidade manteve os fibroblastos viáveis e aumentou a expressão de RNAm para VEGF e FGF-2.(AU)


This study aimed to evaluate the effect of different energy densities of Low Level Laser (LLL) on cell viability and proliferation of fibroblasts from the pulp of human primary teeth (DHPF) and on the RNAm expression of DMP-1, DSPP, VEGF and FGF-2. DHPF were obtained from a biorepository and used at passages 4th to 7th. The cells were irradiated with LLL (InGaAlP) according to the following experimental groups: Group 1: 1.2 J/cm2 - 05 mW - 10s; Group 2: 2.5 J/cm2 - 05 mW - 20s; Group 3: 3.7 J/cm2 - 05 mW - 30s; Group 4: 5.0 J/cm2 - 05 mW - 40s; Group 5: 6.2 J/cm2 - 05 mW - 50s; Group 6: 2.5 J/cm2 - 10 mW - 10s; Group 7: 3,7 J/cm2 - 15 mW - 10s; Group 8: 5.0 J/cm2 - 20 mW - 10s; Group 9: 6.2 J/cm2 - 25 mW - 10s; Negative Control: DMEM 1% SFB ­ not irradiated; Positive Control: DMEM 10% SFB ­ not irradiated. The techniques used to evaluate the cell viability/proliferation were MTT and Crystal Violet (CV) assays. RT-PCR was used to verify the RNAm expression of DMP-1, DSPP, VEGF, and FGF-2. Two-way ANOVA, followed by Tukey test (p<0.05) was used to analyze the results. In the intragroup comparison, MTT assay revealed statistically significant differences among the periods of 6h, 12h, and 24h, with viability reduction as time went by, except for Group 1. In the intergroup comparison, the MTT assay showed that the negative control had statistically lower viability than that of the other groups (p<0.05), except for Group 5 (5mW/50 s). The groups with higher powers (10mW, 15mW, 20mW, and 25mW), shortest application periods (10 s), and energy densities between 2.5 J/cm2 and 6.2 J/cm2 exhibited statistically higher viability than that of the group with small power (5mW), longer application period (50 s), and energy density of 6.2 J/cm2 . CV assay did not show intergroup statistically differences. In the intragroup comparison, CV assay revealed statistically significant differences between positive and negative controls (p<0.05). RT-PCR revealed increased RNAm expression of the growth factors VEGF and FGF-2 at the first experimental period, while DMP-1 and DSPP was not significant. Based on the results and different energy densities used, LLL maintained DHPF viability and increased the RNAm expression of VEGF and FGF-2.(AU)


Assuntos
Humanos , Polpa Dentária/citologia , Proteínas da Matriz Extracelular/análise , Fator 2 de Crescimento de Fibroblastos/análise , Fibroblastos/efeitos da radiação , Terapia com Luz de Baixa Intensidade , Fosfoproteínas/análise , Sialoglicoproteínas/análise , Fator A de Crescimento do Endotélio Vascular/análise , Análise de Variância , Proliferação de Células/efeitos da radiação , Sobrevivência Celular/efeitos da radiação , Proteínas da Matriz Extracelular/efeitos da radiação , Fator 2 de Crescimento de Fibroblastos/efeitos da radiação , Fosfoproteínas/efeitos da radiação , Doses de Radiação , Sialoglicoproteínas/efeitos da radiação , Fatores de Tempo , Dente Decíduo/citologia , Fator A de Crescimento do Endotélio Vascular/efeitos da radiação
11.
Bauru; s.n; 2016. 120 p. tab, ilus, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-881807

RESUMO

O objetivo desse estudo foi realizar a caracterização do cimento resinoso autoadesivo RelyX U200 aditivado de nanotubos de dióxido de titânio (nt-TiO2) em diferentes concentrações (0,3, 0,6, e 0,9% em peso) quanto às suas propriedades físico-químicas, mecânicas e biológica. Duas condições de polimerização foram analisadas: autopolimerizável (grupos: AC, A03, A06 e A09) e dual (grupos: DC, D03, D06 e D09). Para análise do grau de conversão foi utilizada a espectroscopia de infravermelho com transformada de Fourier com registro do espectro nos tempos de 3, 6, 9, 12 e 15 minutos. Os picos das bandas de comprimento de onda de 1638 cm-1 e de 1608 cm-1 foram identificados para cálculo do grau de conversão. Os dados foram submetidos à ANOVA de medidas repetidas seguido de comparações múltiplas de Tukey (=0,05). A análise de sorção e solubilidade foi realizada por meio da confecção de discos de cimento resinoso (10 mm ø × 2 mm) (n=8) monitorados quanto à sua massa depois de ciclos de hidratação/desidratação. A resistência à flexão em 3 pontos e módulo de elasticidade foram mensurados por meio de barras (2 × 2 × 25 mm) de cimento resinoso (n=10) levadas à máquina universal de ensaios. Para análise de Dureza Knoop utilizou-se microdurômetro com carga de 50g /10 segundos. Nos discos de cimento resinoso de 10 mm ø × 2 mm foram realizadas 5 endentações equidistantes 0,5mm e medidas em aumento de 50×. Para resistência de união ao cisalhamento, sobre discos de zircônia sinterizados foi aplicado o cimento resinoso (n=10) nas dimensões de 3 mm ø × 2 mm. Por meio de dispositivo foram levados à máquina universal de ensaios. Os dados encontrados de sorção e solubilidade e de cada propriedade mecânica foram submetidos aos testes ANOVA a dois critérios e de comparações múltiplas de Tukey (=0,05). Exceto para resistência ao cisalhamento que se utilizou o teste de comparação de Fischer (=0,05). Para viabilidade celular (n=8) foi realizado teste de MTT apenas na condição dual. Os grupos estudados foram: DC, D03, D06, D09, CP (controle positivo), CN (controle negativo). Após 24, 48 e 72 horas os níveis de absorbâncias foram analisados por meio de espectrofotometria no leitor de ELISA. Os dados foram submetidos aos testes ANOVA a dois critérios e de comparações múltiplas de Tukey (=0,05). Os resultados mostraram que a adição de nt-TiO2, independente da concentração, aumentou os valores de grau de conversão do cimento resinoso para a condição autopolimerizável e dual em todos os tempos estudados. Já para sorção e solubilidade não houve influência nos resultados da concentração de nanotubos inseridos e da condição de polimerização. Para resistência flexural, a adição de nt-TiO2 nas concentrações de 0,3% (A03) e 0,9% (A09) resultou em dados similares ao controle na condição dual (DC). O valor médio de módulo de elasticidade aumentou com a adição de 0,9% (A09), similar a todos os grupos da condição dual, em que adição de nt-TiO2 não influenciou os resultados. A adição de 0,6% (A06 e D06) e 0,9% (A09 e D09) de nt-TiO2 ao cimento aumentou os valores de dureza quando comparado aos grupos controle (AC e DC). Para resistência de união ao cisalhamento, a concentração de 0,3% de nt-TiO2 (A03 e D03) aumentou os valores quando comparado aos grupos A06, D06, A09 e D09 porém sem diferença para os grupos controle (AC e DC). Para viabilidade celular no período de 24h, os grupos D03, D06 e D09 obtiveram resultado similar ao grupo CP, já o grupo DC apresentou valores de absorbância inferiores ao CP, usado como parâmetro de comparação. Em 48 e 72h, todos os grupos experimentais não demonstraram diferença significativa em comparação ao grupo CP. O grupo CN apresentou diferença para os demais em todos dos tempos estudados. A adição de nt-TiO2 ao cimento resinoso autoadesivo representa uma estratégia promissora para potencializar suas propriedades físico-químicas e mecânicas sem prejuízo das propriedades biológicas.(AU)


The aim of this study was to characterize the self-adhesive resin cement RelyX U200 additive, titanium dioxide nanotubes (nt-TiO2), at different concentrations (0.3%, 0.6%, and 0.9% by weight) and to determine their physicochemical, mechanical and biological properties. Two polymerization conditions were analyzed: self-curing (groups AC, A03, A06 and A09) and dual-curing (groups DC, D03, D06 and D09). To analyze the conversion degree, Fourier transform infrared spectroscopy was used, and the spectrum was recorded at 3, 6, 9, 12 and 15 minutes. The peaks of the wavelength bands, 1638 cm-1 and 1608 cm-1, were identified to calculate the degree of conversion. The data were subjected to a repeated-measures ANOVA followed by a Tukey multiple-comparison test (=0.05). The sorption and solubility analysis was performed by making resin-cement discs (10 mm ø × 2 mm) (n=8) and monitoring their masses after the hydration/dehydration cycles. The 3-point flexural strength and the modulus of elasticity of resin-cement bars (2 × 2 × 25 mm) (n=10) were measured using a universal testing machine. The Knoop microhardness was analyzed with a load of 50 g and a time of 10 seconds. On each resin cement disc, 5 equidistant indentations of 0.5 mm were made, and the measures were increased by 50×. To test bonding shear strength, resin cement was applied to sintered zirconia discs (3 mm ø × 2 mm) (n=10). The bonded discs were then taken to the universal testing machine. Their sorption, solubility and each mechanical property were submitted to a two-way ANOVA and a Tukey multiple-comparison test (=0.05). The shear strength was submitted to a Fischer comparison test (=0.05). To test cell viability (n=8), a MTT assay was performed using only the dual-curing condition. The studied groups were: DC, D03, D06, D09, CP (positive control) and CN (negative control). After 24, 48 and 72 hours, the absorbance levels were analyzed using an ELISA spectrophotometry reader. The data were submitted to a two-way ANOVA and a Tukey multiple-comparison test (=0.05). The results showed that the addition of nt-TiO2, regardless of concentration, increased the conversion degree values for the self-curing resin cement and for the dual-curing at all times studied. The sorption and solubility were not influenced by the concentration of the nanotubes or the polymerization condition. Regarding flexural strength, the addition of the nt-TiO2 in concentrations of either 0.3% (A03) or 0.9% (A09) resulted in data similar to those in the dual-curing control (DC) condition. The average modulus of elasticity increased with the addition of 0.9% nt-TiO2 (A09), and as with all the groups in the dual-curing condition, the addition of nt-TiO2 did not affect the results. The addition of either 0.6% (A06 and D06) or 0.9% (A09 and D09) of nt-TiO2 cement increased hardness values relative to the control groups (AC and DC). The group with a 0.3% concentration of nt-TiO2 (A03 and D03) showed higher bonding shear strength values than several of the groups with higher concentrations (A06, D06 and D09), but the A09 group had no difference relative to either control group (AC or DC). For cell viability in the 24-h period, the D03 D06 and D09 groups achieved a result similar to that of the CP group with significant difference to the DC group that had lower absorbance values. At the benchmarks of 48 and 72 h, and only the CN group showed a significant difference compared to others. The addition of nt-TiO2 is a promising strategy for improving the physical-chemical and mechanical properties without prejudice the biological properties.(AU)


Assuntos
Animais , Camundongos , Nanotubos/química , Polimerização , Cimentos de Resina/química , Autocura de Resinas Dentárias/métodos , Titânio/química , Sobrevivência Celular/efeitos dos fármacos , Células Cultivadas , Ensaio de Imunoadsorção Enzimática , Fibroblastos/efeitos dos fármacos , Testes de Dureza , Teste de Materiais , Propriedades Físicas e Químicas , Reprodutibilidade dos Testes , Cimentos de Resina/farmacologia , Resistência ao Cisalhamento , Espectroscopia de Infravermelho com Transformada de Fourier , Fatores de Tempo , Titânio/farmacologia
12.
Bauru; s.n; 2016. 133 p. tab, ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-881837

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi comparar os efeitos de diferentes densidades de energia e irradiâncias do Laser de Baixa Intensidade (LBI), variando em função do tempo de irradiação e potência, na viabilidade e proliferação de fibroblastos derivados da polpa de dentes decíduos humanos (HPF). HPF foram cultivados em DMEM e usados entre a 4ª e 8ª passagem. Os grupos foram divididos de acordo com diferentes densidades de energia, variando: Tempo de irradiação - Grupo I Ia (1,2 J/cm2 - 5 mW - 10 s), Ib (2,5 J/cm2 - 5 mW - 20 s), Ic (3,7 J/cm2 - 5 mW - 30 s), Id (5,0 J/cm2 - 5 mW - 40 s), e Ie (6,2 J/cm2 - 5 mW - 50 s); ou potência - Grupo II IIa (1,2 J/cm2 - 5 mW - 10 s), IIb (2,5 J/cm2 - 10 mW - 10 s), IIc (3,7 J/cm2 - 15 mW - 10 s), IId (5,0 J/cm2 - 20 mW - 10 s), e IIe (6,2 J/cm2 - 25 mW - 10 s). Células não irradiadas - cultivadas em condições nutricionais regulares - 10% Soro Fetal Bovino (SFB) (If e IIf) e células não irradiadas - cultivadas em déficit nutricional - 1% SFB (Ig e IIg), foram consideradas controles positivos e negativos, respectivamente. A viabilidade e proliferação celular foram avaliadas, repesctivamente, pelas técnicas MTT e Cristal violeta (CV), nos períodos de 24, 48 e 72 horas após a irradiação. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística por ANOVA 2 critérios, seguido pelo teste de Tukey (P<0,05). No ensaio MTT, os controles negativos, Ig e IIg, apresentaram significativamente menor viabilidade em relação aos correspondentes grupos experimentais: IIa e IIb, 24 horas após a irradiação; Ia, Ib, Ie, If e IIf no período de 48 horas; e Ib-If, assim como, IIa-IIf após 72 horas. Nos diferentes períodos de avaliação do ensaio CV, todos os grupos, exceto Ie, IIe e If, exibiram significativamente maior proliferação em comparação aos respectivos controles negativos. Dentro de um mesmo grupo nos diferentes períodos, os grupos If e IIe apresentaram menor viabilidade durante o período de 24 horas em comparação ao período de 72 horas pelo ensaio MTT. Na avaliação intragrupos, o ensaio CV revelou menor proliferação no período de 24 horas em comparação aos períodos de 48 e 72 horas, independente do grupo avaliado. Os diferentes protocolos de irradiação, grupos I e II, não apresentaram diferença estatisticamente significativa na viabilidade e proliferação celular entre densidades de energia iguais com irradiâncias diferentes durante os períodos avaliados. De acordo com os resultados obtidos, as diferentes densidades de energia e irradiâncias propostas não prejudicaram a viabilidade e proliferação de fibroblastos pulpares de dentes decíduos humanos. A variação do protocolo de irradiação LBI, em função do tempo ou da potência, não interferiram nas respostas celulares após a aplicação da mesma densidade de energia com irradiâncias diferentes.(AU)


The aim of this study was to compare the effects of Low-level laser (LLL) with different energy densities and irradiances, varying according to the irradiation time and power, on cell viability and proliferation of pulp fibloblasts from human primary teeth (HPF). HPF were culture in DMEM and used between 4th and 8th passages. Groups were divided according to different energy densities, varying: Time of irradiation Ia (1.2 J/cm2 - 5 mW - 10 s), Ib (2.5 J/cm2 - 5 mW - 20 s), Ic (3.7 J/cm2 - 5 mW - 30 s), Id (5.0 J/cm2 - 5 mW - 40 s), and Ie (6.2 J/cm2 - 5 mW - 50 s); or output power - Grupo II IIa (1.2 J/cm2 - 5 mW - 10 s), IIb (2.5 J/cm2 - 10 mW - 10 s), IIc (3.7 J/cm2 - 15 mW - 10 s), IId (5.0 J/cm2 - 20 mW - 10 s), e IIe (6.2 J/cm2 - 25 mW - 10 s). Non-irradiated cells - grown in regular nutritional conditions - 10% Fetal Bovine Serum (FSB) (If and IIf) and non-irradiated cells - grown in nutritional deficit - 1% FBS (Ig and IIg) were considered positive and negative controls, respectively. Cell viability and proliferation were respectively assessed through MTT and Crystal violet (CV) assays at 24, 48 and 72h after irradiation. Data were submitted to statistical analysis by ANOVA 2 criteria, followed by Tukey test (P<0.05). In the MTT assay, the negative controls, Ig and IIg, showed significantly lower viability in relation to the corresponding groups: IIa and IIb 24 hours after irradiation; Ia, Ib, Ie, If and IIf at 48 hours period; and Ib-If, as IIa-IIf, after 72 hours. At different periods of evaluation of CV assay, all groups, except Ie, IIe and If, exhibited significantly higher proliferation compared to the respective negative controls. Within the same group at different periods, groups If and IIe showed lower viability during 24 hours compared to 72 hours period by MTT assay. In the intragroup evaluation, CV assay revealed lower proliferation at 24 hours compared to 48 and 72 hours periods, regardless of the evaluated group. Different irradiation protocols, groups I and II, showed no statistically significant differences on cell viability and proliferation among equals energy densities with different irradiances at the evaluated periods. According to these findings, different LLL energy densities and irradiances proposed did not impair viability and proliferation of pulp fibloblasts from human primary teeth. The variation of the LLL irradiation protocol, by the time or power, did not interfere in cellular responses after the application of the same energy density with different irradiances.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pré-Escolar , Criança , Polpa Dentária/citologia , Fibroblastos/efeitos da radiação , Lasers de Estado Sólido , Terapia com Luz de Baixa Intensidade/métodos , Doses de Radiação , Análise de Variância , Contagem de Células , Proliferação de Células/efeitos da radiação , Sobrevivência Celular/efeitos da radiação , Células Cultivadas , Polpa Dentária/efeitos da radiação , Violeta Genciana , Reprodutibilidade dos Testes , Fatores de Tempo , Dente Decíduo/citologia
13.
Bauru; s.n; 2016. 95 p. tab, ilus, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-881839

RESUMO

A estomatite protética é uma patologia que acomete muitos usuários de prótese total. Um dos principais fatores da sua etiologia é a fácil adesão de microrganismos, como a Candida albicans, à resina acrílica, principalmente devido às características de superfície facilitadoras deste material. Por esta razão, estuda-se materiais que possam modificar as características de superfície da resina acrílica sem alterar as suas propriedades mecânicas. A investigação das propriedades desses materiais, como a biocompatibilidade e como eles influenciam as células de C. albicans, é de extrema importância para uma futura aplicação clínica. Dessa forma, a proposta desta pesquisa foi avaliar a citotoxicidade sobre fibroblastos gengivais humanos (FGH) e o estresse oxidativo causado em células de C. albicans por 6 produtos (etil-cianoacrilato convencional -ECAc; etil-cianoacrilato em forma de gel formulação a -ECAga; etil-cianoacrilato em forma de gel formulação b -ECAgb; butil-cianoacrilato - BCA; octil-cianoacrilato OCA; selante tissular a base de veneno de cobra-VC;), que quando aplicados na superfície da resina acrílica, modificam suas características de superfície, visando diminuir a formação do biofilme de C. albicans. Espécimes de resina acrílica foram confeccionados e duas camadas de cada produto foram aplicadas nas superfícies. Cada espécime foi deixado em 1, 066 mL de meio de cultura durante 24 horas para extração e utilização do meio condicionado para os dois ensaios. Para a investigação da citotoxicidade, os FGH foram cultivados em placas de 96 poços, meios condicionado de cada grupo foram depositados em cada poço onde permaneceram em contato por 24, 48 e 72 h. Após o processamento para o ensaio de MTT as placas foram analisadas em espectrofotômetro a 500 nm. Foram realizados quatro experimentos independentes em triplicata (n=12). Para a investigação de estresse oxidativo (ERO) causado em C. albicans, biofilme foi desenvolvido em placas de 96 poços durante 24 h. Então, os meios condicionados foram adicionados aos poços e a placa foi mantida em agitadora durante 1 h. Após a retirada dos meios condicionados, foi adicionado a cada poço o reagente CellRox® Deep Red e leituras foram realizadas a cada 30 min durante 3 h em fluorímetro a 640/665nm. Amostras foram coletadas e ensaio de cultura microbiológica foi executado para a realização da normalização dos valores. Foram realizados 3 experimentos independentes em triplicata (n=9). Os resultados obtidos pelo ensaio MTT foram analisados por meio de ANOVA a 2 critérios, seguido pelo teste Tukey para a comparação entre grupos (p<0,05). Para o ensaio ROS, a análise estatística realizada foi ANOVA a 1 critério, seguida, igualmente, por Tukey (p<0,05). Os resultados mostraram que todos os grupos apresentaram certo grau de citotoxicidade quando comparados ao controle, com exceção do VC (ECAc

Denture stomatitis is a disease that affects many denture wearers. One of the main factors of its cause is the easy adhesion of microorganisms, such as Candida albicans, to acrylic resin, mainly due to its permissive surface characteristics. For this reason, materials that can modify surface characteristics of acrylic resin without changing its mechanical properties are being studied. The investigation of these materials features, such as biocompatibility and how they affect Candida albicans, is of utmost importance for future clinical application. Thus, the purpose of this study was to evaluate the cytotoxicity of human gingival fibroblasts (HGF) and oxidative stress in C. albicans cells after contact with 6 experimental products (conventional ethyl-cyanoacrylate -ECAc; ethyl-cyanoacrylate in gel formulation "a" -ECAga; ethyl-cyanoacrylate in gel formulation "b" -ECAgb; butyl- cyanoacrylate - BCA; octyl-cyanoacrylate -OCA; tissue adhesive based on snake venom -VC) applied to the surface of the resin acrylic, modifying its surface characteristics, in order to decrease C. albicans biofilm formation. Acrylic resin specimens were manufactured and two layers of each product were applied to the surfaces. Each specimen was immersed in 1,066 mL of growth media for 24 hours for extraction and the resulting conditioned media were used for both tests. To investigate cytotoxicity, HGF were cultured in 96-well plates and conditioned media from each group were deposited into each well, where they remained in contact for 24, 48 and 72h. After the MTT assay processing, plates were analyzed in a spectrophotometer at 500 nm. Four independent experiments were performed in triplicate (n=12). To investigate oxidative stress (ROS), C. albicans biofilm was developed in 96-well plates for 24 h, conditioned media were added to the wells and the plate was allowed to stir for 1 h. Then, conditioned media were removed and CellRox® Deep Red reagent was added to each well. Readings were performed every 30 min for 3 h in fluorometer at 640/665nm. Samples were collected and microbiological culture test was executed to values normalization. Three independent experiments were performed in triplicate (n=9). Results obtained in MTT assay were analyzed by two-way ANOVA and Tukey's test for comparison between groups (p<0.05). for comparison between groups (p<0.05). For ROS results, one-way ANOVA was performed followed by Tukey test, as well (p<0.05). The results showed that all groups presented different degrees of cytotoxicity when compared to control group, except for VC (ECAc

Assuntos
Humanos , Biofilmes/efeitos dos fármacos , Candida albicans/efeitos dos fármacos , Cianoacrilatos/farmacologia , Fibroblastos/efeitos dos fármacos , Gengiva/citologia , Venenos de Serpentes/farmacologia , Adesivos Teciduais/farmacologia , Resinas Acrílicas/química , Análise de Variância , Sobrevivência Celular/efeitos dos fármacos , Células Cultivadas , Estresse Oxidativo/efeitos dos fármacos , Reprodutibilidade dos Testes , Fatores de Tempo
14.
Bauru; s.n; 2016. 127 p. tab, ilus, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-882111

RESUMO

O Sistema renina-angiotensina (SRA) tem sido relatado como um importante modulador de processos inflamatórios e imunológicos, incluindo a doença periodontal (DP). Estudos sugerem neste sistema um eixo alternativo (ECA-2 /ANG(1-7) /MAS) que atuaria como um contra-regulador de efeitos mediados pelo clássico eixo (ECA /ANGII /AT1). Sabe-se que bactérias periodontopatogênicas, como a Porphyromonas gingivalis (Pg), possuem componentes bioativos de membrana (ex. lipopolissacarídeos-LPS) capazes de induzir uma forte resposta imune no hospedeiro devido à liberação de citocinas nas células, entre elas Interleucina (IL)- 1ß. Neste contexto, fibroblastos são as células mais abundantes nos tecidos periodontais e possuem em sua superfície celular receptores necessários para o reconhecimento da invasão bacteriana, ativando cascatas intracelulares, que levam à produção de citocinas. O objetivo deste estudo foi verificar se os eixos ECA/ ANGII/ AT1 e ECA-2/ ANG(1-7)/ MAS contribuem para a produção e/ ou regulação de citocinas inflamatórias (CI) por fibroblastos de gengiva humana (HGF) e ligamento periodontal humano (HPLF) estimulados por IL-1ß. Após o pré-tratamento com Losartan e Ang (1-7) ou silenciamento mediado por RNA de interferência (RNAi) de AT1, HGF e HPLF foram estimulados por IL-1ß por 3 horas (RNAm) ou 24 horas (proteína). Expressão de RNAm para AT1, MAS, ECA, ECA-2, IL-1ß, TNF-α, IL-6, IL-8, IL-10, TGF-ß, CXCL12, RANK-L e OPG foram avaliados por RT-qPCR e das proteínas IL-6, IL-8, ECA e ECA-2 por ELISA. Foi realizado também Western Blot para detecção de AT1 e ECA nos extratos celulares e dosagem de nitrito no sobrenadante das culturas. Ambos os subtipos de fibroblastos mostraram aumento da expressão de RNAm para AT1, IL-1ß, IL-6, IL-8, TNF-α e OPG, quando estimulados por IL-1ß. No entanto, apenas em HPLF foi observado aumento para MAS, ECA e TGF-ß. Losartan e Ang (1-7) não modularam o transcrito, a secreção de CI e nem a produção de nitrito no sobrenadante das culturas, tanto em HGF como em HPLF. O silenciamento do receptor AT1 reduziu a secreção de IL-6 e IL-8 induzida por IL-1ß em cultura de HGF e HPLF e aumentou a expressão gênica de OPG somente em HGF. Estes resultados sugerem que o silenciamento de AT1, mas não o bloqueio farmacológico deste receptor pelo antagonista Losartan, em HGF e HPLF, pode controlar a produção de IL-6 e IL-8, que por sua vez contribuem para a patogênese periodontal.(AU)


The renin-angiotensin system (RAS) has been reported as an important modulator of inflammatory and immune responses, including periodontal disease (PD). Studies suggest an alternative axis as part of this system (ACE-2 / ANG (1-7) / MAS) that would act as counter-regulatory to the classical axis (ECA / ANGII / AT1). It is known that periodontal bacteria such as Porphyromonas gingivalis (Pg) have bioactive components in their membrane (such as lipopolysaccharide-LPS) capable of inducing a strong immune response in the host due to the release of cytokines in cells, including interleukin (IL) - 1ß. In this regard, fibroblasts are the most abundant cells in periodontal tissues and receptors needed for the recognition of bacterial invasion by activating intracellular cascades that lead to cytokine production. The aim of this study was to determine whether the axes ACE / ANGII / AT1 and ACE-2 / ANG (1-7) / MAS contribute to the production and / or regulation of inflammatory cytokines (IC) by fibroblasts of human gingiva (HGF) and human periodontal ligament (HPLF) stimulated IL-1ß. After pre-treatment with Losartan, Ang (1-7) or silencing mediated by RNA interference (RNAi) of AT1, HGF and HPLF were stimulated by IL-1ß for 3 hours (RNAm) or 24 hours (protein). Expression mRNA for AT1, MAS, ACE, ACE-2, IL-1ß, TNF-α, IL-6, IL-8, IL-10, TGF-ß, CXCL12, RANK-L and OPG was assessed by RT- qPCR and proteins IL-6, IL-8, ACE and ACE-2 by ELISA. Western Blot for the detection of AT1 and ECA and dosage of nitrite was also performed. Experiments stimulated by IL-1ß showed a positive control for gene expression AT1, IL-1ß, IL-6, IL-8, TNF-α and OPG in HGF and HPLF and MAS, ACE and TGF-ß only HPLF. Losartan and Ang (1-7) did not modulate the transcription and secretion of IC and no nitrite production in the culture supernatant of HGF and HPLF. The silencing AT1 reduced IL-6 secretion and IL-8 induced by IL- ß in cultured HGF and HPLF and increased OPG gene expression only HGF. These results suggest that silencing AT1, but not pharmacological blockade of this receptor by Losartan in HPLF and HGF, can control the production of IL-6 and IL-8, which in turn contribute to the pathogenesis of periodontal disease.(AU)


Assuntos
Humanos , Quimiocinas/metabolismo , Citocinas/metabolismo , Fibroblastos/fisiologia , Interleucina-1beta/fisiologia , Sistema Renina-Angiotensina/fisiologia , Análise de Variância , Bloqueadores do Receptor Tipo 1 de Angiotensina II/farmacologia , Angiotensina II/análise , Angiotensina II/fisiologia , Angiotensina I/análise , Angiotensina I/fisiologia , Western Blotting , Células Cultivadas , Quimiocinas/análise , Citocinas/análise , Gengiva/citologia , Losartan/farmacologia , Fragmentos de Peptídeos/análise , Fragmentos de Peptídeos/fisiologia , Peptidil Dipeptidase A/análise , Peptidil Dipeptidase A/fisiologia , Ligamento Periodontal/citologia , Reação em Cadeia da Polimerase , Proteínas Proto-Oncogênicas/análise , Proteínas Proto-Oncogênicas/fisiologia , Receptor Tipo 1 de Angiotensina/análise , Receptor Tipo 1 de Angiotensina/fisiologia
15.
Bauru; s.n; 2016. 100 p. ilus, graf.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-881398

RESUMO

A terapia de fotobiomodulação tem sido vastamente utilizada em cultura de fibroblastos com o objetivo de se verificar seu real efeito na cicatrização de feridas e de se estabelecer os melhores parâmetros de luz. Pacientes com síndrome de Down (SD) possuem alta prevalência da doença periodontal (DP) e importantes alterações imunológicas, as quais podem interferir no processo de cicatrização. O objetivo do presente estudo foi de avaliar os efeitos da utilização de Laser e LED em fibroblastos gengivais de pacientes com e sem SD (FSD e FGH, respectivamente), verificando a viabilidade celular e o processo In vitro de cicatrização de feridas. As células foram cultivadas em placas de 96 poços (1x103 célula/poço) e colocadas em estado de aquiescência (meio DMEM com 1% de soro fetal bovino) 24h antes da irradiação e retomando sua condição inicial de 10% de soro fetal bovino (SFB) instantes antes da aplicação de Laser (AlGaAs - 660nm e AlGaInP - 810nm) e LED (637 ±15nm) com exceção do controle negativo (C-) que continuou com 1% de SFB. Os grupos foram divididos em: C+ (sem irradiação, 10% SFB), C- (sem irradiação, 1% SFB), LIV5 (5 J/cm2 por 3s), LIV8 (8 J/cm2 por 5s), LV5 (5 J/cm2, por 3s), LV8 (8 J/cm2 por 5s), LED3 (0,03 J/cm2 por 3s) e LED5 (0,05J/cm2 por 5s). A potência utilizada foi a mesma tanto para o Laser como para o LED (40mW). A viabilidade celular foi avaliada através dos testes colorimétricos MTT e Cristal Violeta, nos períodos de 24,48,72 e 96h. O teste de cicatrização de feridas In vitro (placas de 24 poços) para avaliação da migração dos fibroblastos, foi nos períodos de 12, 24, 36 e 48h. A análise estatística foi realizada através do teste ANOVA de medidas repetidas complementado pelo teste de Tukey (p<0,05). Os grupos experimentais, em grande parte dos períodos, obtiveram melhor viabilidade celular em relação ao C+, com exceção do grupo LIV8 que apresentou crescimento celular próximo de zero, em todos os períodos. Para FSD os melhores resultados foram com LIV5, LED3 e LED5 (p<0,05), enquanto que para FGH, foi o LV5 (p>0,05). No ensaio de cicatrização de feridas os melhores resultados foram LIV5 para FGH (p<0,05) e todos os tratamentos com exceção do LIV8 para FSD (p<0,05). Os FSD apresentaram maior fechamento da ferida em relação ao FGH nos períodos de 24 e 36h (p<0,05). Como conclusão, a fotobiomodulação por Laser e LED mostrou ser efetiva para viabilidade celular, tanto para o FGH como para o FSD, com exceção do Laser infravermelho de maior densidade de energia e maior tempo de exposição (LIV8). Na migração celular, a fotobiomodulação foi efetiva no maior fechamento da ferida para os FSD. Logo, a terapia de fotobiomodulação por Laser e LED, com os parâmetros adequados, parecer ser um tratamento adjuvante promissor para pacientes com SD.(AU)


The photobiomodulation therapy has been widely used in fibroblast culture in order to verify its effects on wound healing and to establish the best parameters of light. Down's syndrome patients (DS) present high prevalence of periodontal disease (PD) and important immunological changes, which could interfere on the wound healing process. The aim of this study was to evaluate the Laser and LED effects on gingival fibroblasts cultures from patients with or without DS (FSD and FGH, respectively), through cell viability tests and in vitro wound healing test. Cells were grown in 96-well plates (1x103 cells / well) and then, put in a quiescence environment, (DMEM medium with 1% fetal bovine serum) for 24 hours before irradiation. After that an initial condition of 10% fetal bovine serum (FBS) was set before Laser (Red -AlGaAs - 660nm and Infrared - AlGaInP - 810nm) and LED (637 ± 15nm) application, with the exception of the negative control (C-) which still remained with 1% FBS. The groups were divided in: C+ (no irradiation, 10% FBS), C (no irradiation 1% FBS), LIV5 (5J/cm2 for 3s), LIV8 (8 J / cm2 for 5s), LV5 (5J/cm2 for 3s), LV8 (8J/cm2 for 5s), LED3 (0.03J/cm2 for 3 seconds) and LED5 (0,05J / cm2 for 5s). The power output was the same for both Laser and LED (40mW). Cell viability was evaluated through MTT and Crystal Violet colorimetric tests, in periods of 24,48,72 and 96h. The in vitro wound healing assay (24 well plates), measured the fibroblasts migration, during 12, 24, 36 and 48 hours. Statistical analysis was performed using repeated measures ANOVA complemented by Tukeys test (p <0.05). The experimental groups, in most periods, presented higher cell viability compared to C+, except for the LIV8 group that exhibited cell growth near to zero, in all periods. In relation to FSD, the best results were with LIV5, LED 3 and LED 5 (p<0.05), while to FGH, the LV5 presented higher viability (p<0.05). The best results for the wound healing test were LIV5 for FGH (p<0,05) and all groups but LIV8 for FSD (p<0,05). FSD cells presented higher wound closure in relation to FGH at 24 and 36h (p<0,05). In conclusion, the Laser and LED photobiomodulation was effective for cell growth, for both FGH and FSD cells, except for the infrared laser with higher energy density and longer exposure time (LIV8). Photobiomodulation was more effective for wound closure by FSD cells. Therefore, laser and LED photobiomodulation therapy, with appropriate parameters, seems to be a promising adjunctive treatment for patients with DS.(AU)


Assuntos
Humanos , Síndrome de Down/imunologia , Fibroblastos/efeitos da radiação , Gengiva/citologia , Lasers Semicondutores/uso terapêutico , Terapia com Luz de Baixa Intensidade/métodos , Cicatrização/efeitos da radiação , Análise de Variância , Movimento Celular/efeitos da radiação , Proliferação de Células/efeitos da radiação , Sobrevivência Celular/efeitos da radiação , Células Cultivadas , Formazans , Reprodutibilidade dos Testes , Sais de Tetrazólio , Fatores de Tempo
16.
Rio de janeiro; s.n; 2015. 128 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1010093

RESUMO

O objetivo deste estudo foi investigar o efeito degradante da saliva artificial e do ácido lático sobre diferentes cimentos resinosos fotopolimerizáveis e avaliar os efeitos citotóxicos dos extratos da degradação em saliva artificial sobre fibroblastos Balb/c 3T3 de ratos. Os cimentos Variolink II (base), AllCem Veneer e RelyX Veneer foram testados. Para caracterização microestrutural destes materiais, análise termogravimétrica (TGA), cálculo do grau de conversão (GC) e análise da distribuição granulométrica das partículas de carga, foram realizados. O GC foi calculado utilizando-se a espectroscopia infravermelha por transformada de Fourier (FTIR). Dez amostras de cada cimento foram construídas em matriz teflon (0,5 mm x 5 mm) e fotoativadas pelo diodo emissor de luz (LED) Elipar S10 (3M ESPE). Após obtenção dos espectros FTIR iniciais (24h após a fotopolimerização), 5 amostras de cada cimento foram, individualmente, imersas em 10 ml de saliva artificial (pH = 7,0) e outras 5 em 10 ml de solução de ácido lático (pH = 4,0), por 18 dias, a 37°C. Depois, as amostras foram submetidas a novas análises espectroscópicas FTIR, sob as mesmas condições iniciais, e posteriormente, seus espectros foram comparados qualitativamente aos obtidos antes do processo de degradação. A viabilidade celular de fibroblastos 3T3, frente aos possíveis efeitos citotóxicos dos resíduos dos cimentos livres na solução de saliva artificial após 18 dias de degradação, foi testada através da redução do brometo de dimetiltiazol-difeniltetrazólico (MTT). As culturas foram expostas aos extratos salivares por 24h e 72h. Células controle foram expostas à solução de saliva artificial pura. Dados foram submetidos a ANOVA e teste Tukey. Os resultados demonstraram maior conteúdo de partículas de carga significante ao cimento Variolink II (65,86%±0,17; p<0,05) quando comparado aos cimentos RelyX Veneer (62,29%±0,30) e AllCem Veneer (62,15%±37,84); distribuição granulométrica trimodal aos cimentos Variolink II (0,2 ­ 3,3µm) e RelyX Veneer (0,6 ­ 29µm), e monomodal ao AllCem Veneer (1 ­ 4,1µm); maior GC ao cimento AllCem Veneer (71,23%±5,53; p<0,05), enquanto RelyX Veneer (66,00%±6,84) e Variolink II (62,24%±2,45) não diferiram entre si (p=0,1306). A solução de ácido lático contribuiu para maiores alterações sobre o conteúdo inorgânico do cimento Variolink II, porém este material demonstrou maior degradação polimérica após imersão em saliva artificial. O cimento RelyX Veneer degradou tanto em saliva artificial quanto em ácido lático, não havendo diferenças em relação à solução degradante. O cimento AllCem Veneer não revelou degradação química após imersão em ambos os meios testados. Em 24h de exposição, os resíduos do cimento AllCem Veneer garantiram a maior viabilidade celular para fibroblastos 3T3 (90,0±6,3), enquanto os do cimento Variolink II a menor (7,43±0,17). Após 72h de exposição, todos os extratos salivares ofereceram citotoxicidades importantes aos fibroblastos. Concluiu-se que os cimentos resinosos avaliados são passíveis de sofrerem degradação em condições que simulam o ambiente oral. Existiu uma relação direta entre degradação química dos cimentos resinosos e efeitos citotóxicos in vitro a fibroblastos 3T3.


The aim of this study was to evaluate the degradation of different light-activated resin cements after aging in artificial saliva and lactic acid solutions, and the in vitro cytotoxicity of salivary extracts obtained from the resin cements degradation on mouse fibroblast (Balb/c 3T3). The resin cements Variolink II, AllCem Veneer and RelyX Veneer were tested. For microstructure characterization, TGA, degree of conversion (DC) and granulometric distribution of filler particles were employed. The DC was calculated from baseline FTIR spectra obtained from uncured and cured samples of each resin cement. These samples were development on teflon mold (0.5 mm x 5.0 mm) and photoactivated by a LED (Elipar S10; 3M ESPE). After baseline FTIR spectra obtaining, 5 samples of each cement were immersed in 10 ml of artificial saliva (pH = 7.0) and the others 5 samples were immersed in 10 ml of lactic acid solution (pH = 4.0), individually, for 18 days, at 37°C. Then, the samples were submitted to new FTIR analyzes, at the same anterior conditions, and their new spectra were compared with the baselines by qualitative FTIR method. The cell viability of 3T3 fibroblast was evaluated of MTT test. The cells were exposed to salivary extracts for 24 h and 72 h. Control cells were exposed to pure artificial saliva solution. The data were submitted to ANOVA and Tukey's test. The results revealed significant higher mass percentage of filler particles for Variolink II (65.86%±0.17; p<0.05) when compared with RelyX Veneer (62.29%±0.30) and AllCem Veneer (62.15%±37.84); trimodal granulometric distribution for Variolink II (0.2 ­ 3.3 µm) and RelyX Veneer (0.6 ­ 29.0 µm), and monomodal distribution for AllCem Veneer (1.0 ­ 4.1 µm); significant higher baseline DC for AllCem Veneer (71.23%; p<0,05), while RelyX Veneer (66.00%±6.84) and Variolink II (62.24%±2.45) were not different from each other (p=0.1306). The lactic acid solution contributed to higher changes of the inorganic matrix for Variolink II cement. However, this cement revealed more polymeric degradation after aging in artificial saliva when compared with lactic acid solution. RelyX Veneer had chemical degradation in both solutions. AllCem Veneer not showed any chemical degradation after aging in both solutions. Within 24 h of exposure, the chemical wastes of the AllCem Veneer cement guaranteed the higher cell viability to 3T3 fibroblasts (90.0±6.30) and there was no difference with the control group (80.3±8.70). The chemical wastes of the Variolink II cement guaranteed the smaller cell viability at the same time (7.43±0.17). After 72 h of exposure, all salivary extracts, except for control group, caused important cytotoxic effects to 3T3 fibroblasts. Then, the resin cements evaluated in this study can suffer chemical degradation under conditions that simulate the oral environment. There was a direct relationship between chemical degradation and in vitro cytotoxicity.


Assuntos
Animais , Ratos , Saliva Artificial/efeitos adversos , Sobrevivência Celular , Espectroscopia de Infravermelho com Transformada de Fourier , Cimentos de Resina/metabolismo , Fibroblastos , Técnicas In Vitro , Teste de Materiais , Análise de Variância
17.
Rio de Janeiro; s.n; 2015. 68 p. ilus, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867244

RESUMO

O sucesso do tratamento endodôntico depende da cuidadosa realização de todas as suas fases, terminando com uma obturação tridimensional que alcance todo o sistema de canais radiculares. Desta forma, os materiais obturadores, ou as substâncias liberadas, entrarão em contato com os tecidos perirradiculares, o que poderá influenciar a resposta inflamatória e o processo de reparo. A terapia laser de baixa potência (TLBP) tem sido estudada quanto à sua ação anti-inflamatória, favorecendo o reparo. O objetivo deste estudo foi investigar a produção das citocinas IL-1β, IL-6 e IL-8 por fibroblastos de gengiva humana (linhagem FMM1) como resposta à presença dos extratos dos cimentos endodônticos AH Plus, MTA Fillapex e EndoSequence BC Sealer, bem como a eficácia da TLBP, neste modelo. Para isto, extratos destes cimentos, recém-manipulados e após 24 h do endurecimento, foram preparados em meio de cultura DMEM fresco, conforme as normas ISO 10993-12. Inicialmente, a citotoxicidade dos cimentos foi avaliada, após a interação das células com a diluição seriada destes extratos (1:1 a 1:16), por meio do ensaio MTT. Para a análise da produção de citocinas, 106 células por poço foram cultivadas em placas de cultura de 24 poços, para a interação com os extratos dos cimentos, na diluição 1:4. Estabeleceram-se os grupos não irradiado e irradiado. No grupo irradiado, as culturas celulares receberam duas irradiações do laser InGaAlP (660 nm, 30 mW, 5 J/cm2 e área do feixe de 0,028 cm2), com intervalo de 12 h. O grupo não irradiado foi submetido às mesmas condições ambientais que o irradiado. Os sobrenadantes das culturas foram coletados, centrifugados, aliquotados e armazenados congelados, para a posterior análise pelo ensaio de ELISA. Todos os dados obtidos (médias ± erro padrão) foram tratados estatisticamente por ANOVA one-way, complementado pelo teste de Tuckey e ANOVA ...


Endodontic treatment success depends on careful accomplishment of all steps, finishing with a three-dimensional obturation that reachs the entire root canal system. Thus, the obturation materials or the substances that are released will be in contact with perirradicular tissues, which may influence the inflammatory response and the repair process. Low-level laser therapy (LLLT) has been studied about its anti-inflammatory action, improving the repair. The aim of this study was to investigate the production of IL-1β, IL-6 and IL-8 cytokines by human gingival fibroblasts (FMM1 lineage) as a response to the extracts of the endodontic cements AH Plus, MTA Fillapex and EndoSequence BC Sealer, besides the effectiveness of LLLT in this model. For that, freshly mixed and 24 h-set elutes of these sealers were prepared, in fresh DMEM, in accordance with ISO 10993-12. Firstly, cytotoxicity was assessed after cells were treated with cements extracts serial dilution (1:1 to 1:16), by MTT assay. To evaluate the cytokines production, 106 cells per well were cultured at 24-well-plates to interact with the 1:4 dilution of sealers extracts. Non-irradiated and irradiated groups were established. On the irradiated group, the cell culture received two InGaAlP laser irradiation (660 nm, 30 mW, 5 J/cm2, 0.028 cm2 spot size) at 12h-interval. The non-irradiated group was submitted to the same environment conditions of the irradiated group. The culture supernatants were collected, centrifuged, aliquoted and stored frozen to further analyse by ELISA assay. Data obtained (media ± standard error) were treated by ANOVA one-way, complemented by Tuckey’s test and ANOVA two-way, with Bonferroni correction (p< 0.05). The cytotoxicity of AH Plus and EndoSequence BC Sealer was related to time/dose-dependent manner, whilst MTA Fillapex cytotoxicity was showed ...


Assuntos
Humanos , Meios de Cultura , Cimentos Dentários , Endodontia , Fibroblastos , Inflamação/radioterapia , Terapia com Luz de Baixa Intensidade , Materiais Restauradores do Canal Radicular , Obturação do Canal Radicular , Análise de Variância , Brasil , Gengiva
18.
Bauru; s.n; 2015. 129 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867431

RESUMO

O objetivo deste estudo foi avaliar as propriedades químicas, biológicas e antimicrobianas dos solventes endodônticos, Citrol, Eucaliptol, d-Limoneno, Xilol e Endosolv E. Dentre os testes químicos, foram avaliados a microdureza dentinária, onde utilizamos blocos de dentina bovina que foram expostos aos solventes por 2 períodos, 5 e 15 min e submetidos ao teste de microdureza. Outro teste químico foi a capacidade de dissolução dos materiais obturadores pelo teste de imersão nos solventes em 3 períodos, 2, 5 e 15 min. Para essa avaliação foram, confeccionados corpos de prova dos cimentos, AH Plus, Acroseal, Sealer 26, Endofill, MTA Fillapex e RealSeal SE e dos cones de guta-percha estandardizado Dentsply (DP), ProTaper e Resilon. Um terceiro teste, foi realizado para avaliar a capacidade de desobturação dos canais radiculares e o efeito da agitação ultrassônica dos solventes endodônticos após a desobturação. Sessenta incisivos centrais superiores foram divididos em 6 grupos sendo um para cada solvente (n=10) mais um grupo controle (solução fisiológica). Todos dentes foram instrumentados e obturados pela mesma técnica e escaneados no Micro-CT. Os dentes foram então desobturados utilizando ProTaper Retratamento/ProTaper Universal como técnica para todos grupos, associada a um dos solventes e foram escaneados novamente para a avaliação do volume de material remanescente após a desobturação. Cada um dos dentes foi desobturado e preenchido com o mesmo solvente utilizado na desobturação. Cada solvente foi agitado pelo ultrassom por 1 min e novamente foram escaneados e avaliados os volumes restantes dos materiais nos canais radiculares. Na avaliação biológica, utilizamos o teste de citotoxicidade com células de camundongo NIH-3T3 pelo ensaio MTT. As culturas celulares foram plaqueadas e submetidas aos solventes diluídos nas concentrações de 0.5 a 2.5%, e avaliados quanto à viabilidade celular. Por fim o último teste foi o antimicrobiano, avaliado pelo teste de...


The aim of this study was to evaluate the chemical, biological and antimicrobial properties of the Endodontic solvents, Citrol, Eucalyptol, d-Limonene, Xylene and Endosolv E. First chemical properties analysis were evaluated by dentin microhardness, where we used bovine dentin blocks that were exposed to the solvents in 2 periods, 5 and 15 min and subjected to the microhardness test. Second test was to evaluate the ability of endodontic solvents to dissolve root-filling materials by immersion test in, 2, 5 and 15 minutes. Specimens of sealers, AH Plus, Acroseal, Sealer 26, Endofill, MTA Fillapex an RealSeal SE and guttapercha Dentsply (DP), ProTaper and Resilon points were prepared and evaluated in the three periods. Next test was conducted to evaluate the ability of solvents to desobturate root canals filled and analyse the effect of the ultrasonic passive agitation of solvents after canal unfill procedure. Sixty maxillary central incisors were prepared and obturated by same technique and randomly divided into 6 groups, one for each solvent (n=10) and a control group (saline solution). Teeth were scanned in Microcomputed Tomography (Micro-CT), unfilled with ProTaper Retratament/Protaper Universal with one of the solvents and scanned again. The residual root-fillings volumes were analysed and all teeth root canal were filled with the same solvent used in unfilling process and were passive-ultrasonically agitated (PUl) for 1 min. All teeth were scanned again in Micro-CT and data were analysed. Biological properties assessments were evaluated by cytotoxicity test with NIH-3T3 mouse cells by MTT assay. Cell cultures were subjected to diluted solvents at concentrations of 0.5 to 2.5%, and cell viability were analysed. Last evaluation in our study was the antimicrobial test. A total of 60 bovine dentin specimens infected intraorally were exposed for 5 min in direct contact to one of the solvents evaluated. After that, the dentin blocks with biofilms were...


Assuntos
Animais , Bovinos , Camundongos , Anti-Infecciosos/química , Dentina , Materiais Restauradores do Canal Radicular/química , Solventes/química , Cicloexanóis/química , Fibroblastos , Testes de Dureza , Teste de Materiais , Monoterpenos/química , Retratamento , Fatores de Tempo , Tomografia Computadorizada por Raios X , Tratamento do Canal Radicular/métodos
19.
Bauru; s.n; 2015. 143 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-867410

RESUMO

O objetivo deste estudo foi investigar adesão, proliferação, atividade de fosfatase alcalina e de síntese de matriz mineralizada por células derivadas da granulação óssea (células GO-1) e fibroblastos gengivais humanos (FGH-1) em discos de titânio com diferentes tratamentos de superfícies. Discos de titânio comercialmente puro grau IV foram divididos em 4 grupos de acordo com o tratamento de superfície: (1) discos usinados L (controle); (2) discos usinados seguido de jateamento abrasivo (JATO); (3) discos usinados, jateados e tratados por subtração ácida (superfície NeoPoros NP); (4) discos com tratamento superficial para melhora da hidrofilia (superfície Acqua - ACQ). A microtopografia de superfície dos diferentes tipos de disco de titânio foi avaliada por meio de MEV. A composição química dos discos de titânio de superfícies L, JATO, NP e ACQ foi analisada por espectrometria de energia dispersiva de raios-X (EDS). Para determinar a influência dos diferentes tratamentos de superfície sobre a adesão de células de linhagens fibroblásticas gengivais e osteoblásticas, foram cultivadas células GO-1 e FGH-1 sobre os discos de titânio dos diferentes grupos e as células aderidas foram avaliados por meio de microscopia eletrônica de varredura (MEV) após 24h (adesão) e 48 h (proliferação). No ensaio de mineralização os discos de titânio foram corados com vermelho de alizarina para evidenciação dos nódulos de mineralização. Para avaliação da atividade de fosfatase alcalina, as células FGH-1 e GO-1 foram plaqueadas sobre discos de titânio, a atividade da FA foi observada nas células lisadas usando 25 μl da amostra em placa de 96 poços adicionado com 200 μL de fosfato p-nitrofenol (pNPP) e determinada em espectofotômetro. Não houve diferenças entre os grupos para os parâmetros de rugosidade encontrados nas amostras, com exceção do parâmetro Rsk(asimetria), onde diferenças significantes foram observadas do grupo L em relação aos grupos JATO, NP e ACQ (p< 0.05...


The objective of this study was to investigate adhesion, proliferation, alkaline phosphatase activity and matrix synthesis mineralized by cells derived from the bone granulation (GO cells) and human gingival fibroblasts (HGF) in titanium disks with different surface treatment. Titanium discs commercially pure grade IV were used, divided into 4 groups according to the surface treatment: (1) machined discs - L (control); (2) machined discs followed by abrasive blasting (JATO); (3) machined discs, sandblasted and treated by acid subtraction (Neoporos surface - NP); (4) disks with surface treatment to improve the hydrophilic (Acqua surface - ACQ). The surface microtopography of different types of titanium disk was evaluated by SEM. The chemical composition of the surfaces of titanium disks, L, JET, NP and ACQ was analyzed by energy dispersive X-ray spectrometry (EDS). To determine the influence of different surface treatments on the cell adhesion of gingival fibroblast and osteoblast lines were cultured GO-1 and FGH-1 cells on titanium discs of different groups and the adhered cells were assessed by electron microscopy (SEM) after 24 (adherence) and 48 h (proliferation). To test the mineralization titanium disks were stained with alizarin red for disclosure of mineralization nodules. To evaluate the alkaline phosphatase activity, the FGH-1 and GO-1 cells were plated on titanium disks, AP activity was observed in cells lysed using 25 μl of sample in a 96 well plate with 200 μl added phosphate p nitrophenol (pNPP) and determined in spectrophotometer. There were no differences between groups for the roughness parameters found in the samples, except for the parameter Rsk(asimetry) where significant differences were observed in the group L compared to JATO groups, NP and ACQ (p <0.05). The L and NP surface implants had only Ti, JATO surface showed, in addition to titanium, oxygen and the substances aluminum, while the ACQ surface were observed titanium, sodium...


Assuntos
Humanos , Fibroblastos , Proliferação de Células , Tecido de Granulação , Titânio/química , Fosfatase Alcalina , Adesão Celular , Células Cultivadas , Microscopia Eletrônica de Varredura , Osseointegração , Propriedades de Superfície , Fatores de Tempo
20.
Araçatuba; s.n; 2014. 56 p. tab, ilus.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867178

RESUMO

Introdução: A terapia fotodinâmica (TFD) se baseia em um conjunto de processos biológicos, físicos e químicos que ocorre por meio da ativação de um fotossensibilizador (FS) com luz (laser ou LED) para destruir as células alvo. O objetivo deste estudo foi avaliar a citotoxicidade e a resposta tecidual da TFD incluindo a produção de citocinas (IL - 1β e IL - 6). Métodos: 1) Para o teste de citotoxicidade os grupos foram divididos em: hipoclorito de sódio 5%; hipoclorito de sódio 2,5%; clorexidina 2%; solução salina; TFD (curcumina + luz Led azul); e controle (meio de cultura). As soluções foram diluídas em meio de cultura DMEM (1x104 células) e colocadas em placas de 24 poços, com linhagem de fibroblastos de camundongos (L-929). Depois de 6, 24 e 48 horas, o ensaio de MTT foi utilizado para avaliar a viabilidade celular e o ensaio de ELISA foi utilizado para avaliação de citocinas no sobrenadante. 2) Para o teste de resposta tecidual, os grupos foram divididos em: controle (solução salina); hipoclorito de sódio 2,5%; hipoclorito de sódio 5%; clorexidina 2%; TFD (curcumina + luz Led Azul). As soluções foram colocadas em tubos de polietileno e foram implantadas no tecido conjuntivo dorsal de ratos Wistar por 7, 15, 30, 60, e 90 dias. Os tubos com tecido circundante foram removidos e divididos ao meio e uma das metades foi corada com hematoxilina e eosina e a outra metade utilizada para avaliação das citocinas por ELISA. A análise estatística foi realizada utilizando ANOVA, Kruskal Wallis ou teste de Tukey (p < 0,05). Resultados: Quanto ao estudo in vitro, a TFD e a solução salina apresentaram baixa citotoxicidade semelhante ao do grupo controle (p> 0,05), menor que o hipoclorito de sódio (2,5% e 5%) e a clorexidina 2% (p < 0,05) em todos os períodos de tempo. Todas as soluções liberaram citocinas em quantidade similar ao controle (p>0,05). Quanto ao estudo in vivo, todas as soluções provocaram reação inflamatória severa após 7 dias, que diminuiu com o tempo. Não...


Introduction: Photodynamic therapy (PDT) is based on a set of biological, physical and chemical processes that occurs through the activation of a photosensitizer (PS) with light (laser or LED) to destroy target cells. The aim of this study was to evaluate the cytotoxicity and tissue response of PDT including the production of cytokines (IL - 1β and IL – 6). Methods: 1) For the cytotoxicity test groups were divided into: 5% sodium hypochlorite; 2.5% sodium hypochlorite; 2% chlorhexidine; saline; PDT (curcumin + Led blue light); and control (culture medium). The solutions were diluted in DMEM culture medium (1x104 cells) and placed in 24 -well plates with mouse fibroblast line (L929). After 6, 24 and 48 hours, the MTT assay was used to assess cell viability and ELISA assay was used to assess cytokine in the supernatant. 2) To test the tissue response, the groups were divided into: control (saline); 2.5%; sodium hypochlorite, 5% sodium hypochlorite; 2% chlorhexidine; TFD (curcumin + Led blue light). The solutions were placed into polyethylene tubes and implanted in the dorsal tissue of Wistar rats for 7, 15, 30, 60, and 90 days. The tubes were removed with surrounding tissue and divided in half and one half was stained with hematoxylin and eosin and the other half used to assess cytokine by ELISA. Statistical analysis was performed using ANOVA, Kruskal Wallis or Tukey test (p < 0.05). Results: For the in vitro study, PDT and saline showed low cytotoxicity similar to the control group (p > 0.05) , less than sodium hypochlorite (2.5% and 5%) and 2% chlorhexidine (p < 0.05) at all time periods. All solutions released cytokines similar to control (p > 0.05) amount. As for the in vivo study, all solutions caused severe inflammatory reaction after 7 days, which decreased with time. No inflammation was observed at 90 days in the PDT group similar to the control (p > 0.05) . All materials induced release of IL - 6 and IL - 1β but the amount was not statistically...


Assuntos
Animais , Ratos , Técnicas de Cultura de Células , Cavidade Pulpar , Fibroblastos , Interleucina-1beta , Fotoquimioterapia , Ratos Wistar
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA