Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 143
Filtrar
1.
Rev. Odontol. Araçatuba (Impr.) ; 40(3): 9-13, set.-dez. 2019. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1102184

RESUMO

O traumatismo dentário acontece de maneira frequente, tendo maior prevalência em incisivos centrais, podendo ocorrer de várias formas, acometendo o tecido duro e o tecido de sustentação do dente. A severidade do trauma pode ocasionar um processo degenerativo ou uma lesão irreversível até a mortificação da polpa, por isso deve-se observar o estágio de desenvolvimento do dente para correta terapêutica diante de uma rizogênese completa ou incompleta. A necrose pulpar em um dente com ápice incompleto paralisa o seu processo de desenvolvimento o que torna necessário a realização da apicificação. O objetivo desse presente trabalho é relatar um caso clínico de traumatismo em um dente com rizogênese incompleta e a conduta terapêutica instituída para promover a apicificação do mesmo. Entretanto, Durante o tratamento foi um grande desafio promover o fechamento do ápice que fora paralisado após o trauma. Portanto, foi preciso realizar várias sessões de medicação intracanal com hidróxido de cálcio que é o material mais indicado para induzir a formação de barreira calcificada para fechamento completo do ápice(AU)


The dental trauma occurs frequently, having a higher prevalence in central incisors, and can occur in several ways, affecting the hard tissue and the tooth support tissue. The severity of the trauma can cause a degenerative process or an irreversible lesion until the mortification of the pulp, so the stage of development of the tooth must be observed for correct therapy in the presence of complete or incomplete rhizogenesis. Pulp necrosis in a tooth with an incomplete apex paralyzes its development process, which makes it necessary to perform the inoculation. The objective of this present work is to report a clinical case of trauma in a tooth with incomplete rhizogenesis and the therapeutic conduct instituted to promote the apicification of the same. However, during the treatment it was a great challenge to promote the closure of the apex that had been paralyzed after the trauma. Therefore, it was necessary to perform several intracanal medication sessions with calcium hydroxide, which is the most suitable material to induce the formation of a calcified barrier for complete closure of the apex(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Traumatismos Dentários , Necrose da Polpa Dentária , Ápice Dentário/cirurgia
2.
Dent. press endod ; 9(1): 65-71, jan.-mar. 2019. Ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1024252

RESUMO

Objetivo: este estudo reporta um caso clínico de reabsorção radicular interna em um dente com necrose pulpar que foi submetido ao tratamento endodôntico no qual, na fase de preparo químico-mecânico, foi utilizada uma técnica suplementar de irrigação com o instrumento XP-Endo Finisher. Métodos: após radiografia para diagnóstico e realização dos testes semiotécnicos, fez-se a instrumentação com sistema Protaper Universal, ativação da substância irrigadora utilizada (digluconato de clorexidina a 2%), com o sistema XP-Endo Finisher, remoção da smear layer, com EDTA a 17% ativada com o mesmo sistema, inserção de medicação intracanal Calen, com paramonoclorofenol, e selamento provisório da coroa dentária, com coltosol. Na segunda sessão, realizou-se a obturação utilizando a técnica de Schilder associada à técnica híbrida de Tagger. Conclusão: o sistema XP-Endo Finisher se mostrou eficaz como técnica suplementar de irrigação, capaz de favorecer a limpeza do sistema de canais radiculares (AU)..


Objective: This study presented a case of internal root resorption in a tooth with pulp necrosis that was submitted to endodontic treatment. In this treatment, an additional irrigation technique with a XP-Endo Finisher instrument was used during the chemical-mechanical preparation. Methods: After radiographic diagnostics and semi-technique tests, instrumentation was performed with Protaper universal system, activation of irrigation solutions, 2% chlorhexidine digluconate with the XP-Endo Finisher file, removal of the smear layer with EDTA 17% activated with the same system, intracanal medication Calen with paramonochlorophenol, temporary sealing of the tooth crown with Coltosol. In the second session, an obturation procedure was performed using the Schilder technique associated with the Tagger hybrid technique. Conclusions: The XP-Endo Finisher system was effective as supplementary irrigation technique and it facilitated the cleaning of the root canal system (AU).


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Tratamento do Canal Radicular , Reabsorção de Dente , Necrose da Polpa Dentária , Radiografia Dentária
3.
Arch. Health Invest ; 8(2): 94-101, fev. 2019. ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-1006760

RESUMO

Introdução: Após fratura decorrente de trauma e consequente tratamento endodôntico, os dentes têm sua resistência mecânica reduzida, sendo necessária, em alguns casos, a utilização de um retentor intrarradicular. Objetivo: Descrever um caso clínico de reabilitação de um dente anterior que apresentava fratura decorrente de trauma, de um paciente adolescente. Relato do caso: Paciente do sexo masculino, 15 anos de idade, apresentou-se com a queixa da aparência estética do dente 32. Na anamnese o paciente relatou que há cerca de 1 ano havia fraturado o referido dente enquanto brincava, e que sentiu dor apenas nas primeiras horas após o acidente, não se queixando mais de qualquer sintomatologia dolorosa desde então. Ao exame radiográfico, observou-se fratura do dente 32, além da presença de imagem radiolúcida na região periapical do mesmo dente. Assim, baseado na avaliação radiográfica e após criteriosos exames com recursos semiotécnicos empregados na Endodontia, confirmou-se o diagnóstico de necrose pulpar no referido dente. Foi instituído o tratamento endodôntico previamente ao tratamento restaurador. A reabilitação consistiu inicialmente pelo tratamento endodôntico. Na sequência optou-se pela instalação de um pino de fibra de vidro (PFV). Por fim, a reconstrução coronária foi realizada de forma direta, em resina composta e com o auxílio de uma coroa de cloreto de polivinila (PVC). Conclusão: Através do resultado final obtido, concluiu-se que esta é uma alternativa rápida e viável para casos como o apresentado, proporcionando não somente o restabelecimento funcional e estético do dente, mas também satisfação e elevação da autoestima de pacientes hebiátricos(AU)


Introduction: After fracture resulting from trauma and consequent endodontic treatment, the teeth have reduced mechanical resistance, and in some cases, the use of an intraradicular retainer is necessary. Objective: To describe a case report of rehabilitation of anterior tooth who presented a fracture due to trauma of a hebiatric patient. Case report: A 15-year-old male presented with the complaint of the aesthetic appearance of the tooth 32. During the anamnesis, the patient reported that about 1 year had fractured said tooth while playing, and who felt pain only in the first few hours after the accident, not complaining any more of any painful symptomatology ever since. Radiographic examination revealed a fracture of the tooth 32, besides the presence of a radiolucent image in the periapical region of the same tooth. Thus, based on the radiographic evaluation and after careful examinations with semiotechnical resources used in Endodontics, the diagnosis of pulp necrosis in this tooth was confirmed. Endodontic treatment was instituted prior to restorative treatment. The rehabilitation initially consisted of endodontic treatment. In the sequence, a fiberglass pin (FGP) was installed. Finally, the direct coronary reconstruction was performed, in a composite resin and with the aid of a crown of polyvinyl chloride (CPC). Conclusion: Through the final result obtained, it was concluded that this is a fast and viable alternative for cases such as the one presented, providing not only the functional and aesthetic restoration of the dental element, but also satisfaction and elevation of self-esteem of hebiatric patients(AU)


Introducción: Después de la fractura resultante de trauma y consecuente tratamiento endodóntico, los dientes tienen su resistencia mecánica reducida, siendo necesaria, en algunos casos, la utilización de un retén intrarradicular. Objetivo: Describir un caso clínico de rehabilitación de un diente anterior que presentaba fractura resultante de trauma, de un paciente adolescente. Relato del caso: Paciente del sexo masculino, 15 años de edad, se presentó con la queja de la apariencia estética del diente 32. En el anamnesis, el paciente relató que hace cerca de 1 año, había fracturado el referido diente mientras jugaba, y, en el caso de la mujer, que sintió dolor sólo en las primeras horas después del accidente, no se quejó más de cualquier sintomatología dolorosa desde entonces. En el examen radiográfico, se observó fractura del diente 32, además de la presencia de imagen radiolúcida en la región periapical del mismo diente. Así, basado en la evaluación radiográfica y después de criteriosos exámenes con recursos semiotécnicos empleados en la Endodoncia, se confirmó el diagnóstico de necrosis pulpar en el referido diente. Se ha instituido el tratamiento endodóntico previamente al tratamiento restaurador. La rehabilitación consistió inicialmente en el tratamiento endodóntico. En la secuencia se optó por la instalación de un pasador de fibra de vidrio (PFV). Por último, la reconstrucción coronaria fue realizada de forma directa, en resina compuesta y con el auxilio de una corona de cloruro de polivinilo (PVC). Conclusión: A través del resultado final obtenido, se concluyó que esta es una alternativa rápida y viable para casos como el presentado, proporcionando no sólo el restablecimiento funcional y estético del diente, sino también satisfacción y elevación de la autoestima de pacientes hebiátricos(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Traumatismos Dentários , Dente não Vital , Restauração Dentária Permanente , Necrose da Polpa Dentária , Estética Dentária , Reabilitação Bucal
4.
Araçatuba; s.n; 2019. 84 p. tab, graf.
Tese em Inglês | BBO - Odontologia | ID: biblio-1052052

RESUMO

Este estudo teve como objetivo comparar quantitativamente a diferença de expressão proteica na progressão da patogênese pulpar, bem como correlacionar as funções biológicas das proteínas identificadas no tecido pulpar normal, inflamado ou necrótico. As amostras foram obtidas de pacientes atendidos na Clínica Endodôntica da Faculdade de Odontologia de Araçatuba para tratamento endodôntico, sendo divididos em três grupos: grupo de polpa normal, com amostras do tecido pulpar obtidas a partir de dentes extraídos por indicação ortodôntica (n = 2); grupo de polpa inflamada, com amostras obtidas de pacientes com diagnóstico de pulpite irreversível (n = 2) e grupo de polpa necrótica, cujas amostras foram obtidas de pacientes com diagnóstico de periodontite apical crônica (n = 2). Após o preparo proteômico prévio, as amostras de polpa dentária foram processadas para análise proteômica quantitativa livre de marcadores em um sistema nanoACQUITY UPLC-Xevo QTof MS. A diferença na expressão entre os grupos de polpa normal e inflamada e grupos de polpa inflamada e necrótica foi calculada com o software Protein Lynx Global Service, usando o algoritmo Monte-Carlo, e expressa como p <0,05 para proteínas presentes em menor abundância e 1-p> 0,95 para proteínas presentes em maior abundância. Um total de 465 proteínas humanas foram identificadas em todos os grupos. Nos grupos normal, inflamado e necrótico, foram encontradas 241, 240 e 124 proteínas, respectivamente. Na análise quantitativa, as proteínas mais expressas foram hemoglobinas, peroxirredoxinas e imunoglobulinas, enquanto as menos expressas foram as tubulinas no grupo de polpa inflamada em relação ao grupo de polpa normal. Já, no grupo de polpa necrótica em relação ao de polpa normal, foram encontradas em expressão aumentada as albuminas, imunoglobulinas e alpha-2- macroglobulina, enquanto as menos expressas foram hemoglobinas e actinas. Quanto a análise qualitativa, as proteínas identificadas no grupo pulpar normal estavam envolvidas nas vias metabólicas e energéticas. No grupo de polpa inflamado, as funções proteicas mais prevalentes foram: comunicação celular e transdução de sinal; e regulação e reparo de DNA/RNA, enquanto no grupo da polpa necrótica prevaleceram proteínas associadas à resposta imune. Sendo assim, a análise proteômica mostrou diferenças quantitativas na expressão proteica em diferentes tipos de condições pulpares e revelou que a inflamação pulpar induz à maior expressão de proteínas relacionadas a comunicação e transdução de sinal. No entanto, com o avanço para a necrose pulpar as proteínas estavam associadas à resposta imunológica(AU)


This study aimed to quantitatively compare the difference in protein expression in the progression of pulp pathogenesis, as well as to correlate the biological functions of proteins identified in normal, inflamed or necrotic pulp tissue. The samples were obtained from patients treated at the Endodontic Clinic of the Araçatuba Dental School for endodontic treatment, and were divided into three groups: normal pulp group with pulp tissue samples obtained from orthodontic teeth (n = 2) ; inflamed pulp group, whose samples were obtained from patients diagnosed with irreversible pulpitis (n = 2) and necrotic pulp group, whose samples were obtained from patients diagnosed with chronic apical periodontitis (n = 2). After previous proteomic preparation, dental pulp samples were processed for label-free quantitative proteomic analysis in a nanoACQUITY UPLC-Xevo QTof MS system. The difference in expression between the normal and inflamed pulp groups and groups of inflamed and necrotic pulp was calculated using the Protein Lynx Global Service software using the Monte Carlo algorithm and expressed as p <0.05 for proteins present in lower abundance and 1-p> 0.95 for proteins present in greater abundance. A total of 465 human proteins were identified in all groups. In the normal, inflamed and necrotic groups, 241, 240 and 124 proteins were found, respectively. In the quantitative analysis, the most expressed proteins were hemoglobin, peroxiredoxins and immunoglobulins, whereas the less expressed were the tubulins in the inflamed pulp group in relation to the normal pulp group. Expression of albumins, immunoglobulins and alpha-2-macroglobulin were increased in the necrotic pulp group when compared to normal pulp, whereas hemoglobin and actin were less expressed. As for the qualitative analysis, the proteins identified in the normal pulp group were involved in the metabolic and energetic pathways. In the inflamed group the most prevalent protein functions were: cellular communication and signal transduction; and regulation and repair of DNA / RNA, while in the necrotic pulp group proteins associated with the immune response prevailed. Thus, proteomic analysis showed quantitative differences in protein expression in different types of pulp conditions, and revealed that pulp inflammation induced increased expression of proteins related to cellular communication and signal transduction. Nevertheless, with the progression to pulp necrosis, the proteins were associated with immune response(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pulpite , Necrose da Polpa Dentária , Proteômica , Polpa Dentária , Endodontia
5.
Periodontia ; 28(3): 53-58, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-946554

RESUMO

O objetivo dessa revisão de literatura é apresentar aspectos clínicos e radiográficos das lesões endo-periodontais. Por meio de busca na plataforma PUBMED, foi selecionando artigos de 2008 até 12/2017, em língua inglesa, com os termos: "clinical aspect endo-periodontal" E/OU "lesion endo-periodontal" E/OU "radiology". Características de cada tipo de lesão: 1. Lesão endodôntica primária: polpa necrótica, abcesso periapical, drenagem pelo ligamento periodontal, destruição óssea é geralmente estreita e sem amplitude. 2. Lesão endodôntica primária com envolvimento periodontal secundário: endodôntica primeiramente se não tratada leva um envolvimento secundário periodontal; bactérias na região gengival, cálculo, progressão de periodontites, presença de pinos soltos ou perfurações, dor, pus e inchaço; aspecto radiográfico é radiolucência periapical e lateral. 3. Lesão periodontal primária: não se restringe à um dente, é generalizada, vitalidade pulpar, lesão progressiva no sentido do apical, mais larga na margem gengival do que apical, trauma oclusal ou não, progressão de periodontites em direção apical; radiologicamente, apresenta anomalias periodontais podendo chegar até o ápice. 4. Havendo retro-infecção do tecido pulpar, com forte dor que será uma lesão periodontal primária com envolvimento endodôntico secundário: envolvimento pulpar, periodontites, bactérias específicas associada à lesão periodontal; radiograficamente pode haver a presença de calculo nos canais lateriais/ forame apical. 5. Lesões combinadas verdadeiras: lesões periodontais e endodônticas que se comunicam, presença de biofilme; radiograficamente presença de lesão periapical e defeito ósseo regular na superfície radicular, aspecto de fratura vertical. Portanto, lesões endo-periodontais necessitam de conhecimento clínico e radiográfico para se estabelecer um adequado diagnóstico e tratamento (AU)


The objective of this literature review is to present clinical and radiographic aspects of the endo-periodontal lesions. By means of means of search in the PUBMED platform, articles from 2008 to 12/2017, in english, were selected with the terms: "clinical aspect endo-periodontal" AND/OR "endoperiodontal lesion" AND/OR "radiology". Characteristics of each type of lesion: 1. Primary endodontic lesion: necrotic pulp, periapical abscess, drainage by periodontal ligament, bone destruction and generally narrow and without amplitude. 2. Primary endodontic lesion with secondary periodontal involvement: first untreated endodontic leads to secondary periodontal involvement; bacteria in the gingival region, calculus, progression of periodontitis, presence of loose pins or perforations, pain, pus and swelling; radiographic appearance and periapical and lateral radiolucency. 3. Primary periodontal lesion: it is not restricted to a tooth, it is generalized, pulp vitality, progressive lesion towards the apical, wider at the gingival margin than apical, occlusal trauma or not, progression of periodontites towards the apical; radiologically, it presents periodontal anomalies and can reach the apex. 4. There being retro-infection of the pulp tissue, with severe pain that will be a primary periodontal disease with secondary endodontic involvement: pulp involvement, periodontitis, specific bacteria associated with periodontal lesion; radiographically there mays be a presence of calculus in the lateral channels/ apical foramen. 5. True combined lesions: periodontal and endodontic lesions that communicate, presence of biofilm; radiographically presence of periapical lesion and regular bone defect on the root surface, aspect of vertical fracture. Thus, endo-periodontals require clinical and radiographic knowledge to establish a diagnosis and treatment. (AU)


Assuntos
Necrose da Polpa Dentária , Pulpite , Radiografia , Traumatismos Dentários
6.
Belo Horizonte; s.n; 2018. 75 p. ilus, graf, tab.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-912474

RESUMO

A progressão e desenvolvimento de patologias pulpares e periapicais estão intimamente relacionados à presença de microrganismos e seus subprodutos nos sistema de canais radiculares (SCR), que induzem uma resposta de defesa adjacente ao ápice radicular. A angiogênese é apontada como fator essencial na patogênese das alterações periapicais crônicas, estando relacionada ao seu estabelecimento e manutenção, por ser fonte constante de citocinas, quimiocinas e proteases. A angiogênse também está relacionada ao reparo tecidual que segue à resolução das alterações perirradiculares após a realização da terapia endodôntica. Neste estudo, avaliou-se a expressão de fatores pró-angiogêncios e citocinas relacionadas, em amostras coletadas de pacientes (n=20) com dentes portadores de Periodontite Apical Crônica imediatamente após a instrumentação dos SCR e 7 dias após os procedimentos de desinfecção. As amostras foram analisadas por meio de reação em cadeia da polimerase em tempo real (PCR-RT). Verificou-se a expressão gênica de fatores pró-angiogênicos e citocinas Angiopoetina-1 (AGT1), Fator de crescimento endotelial vascular-A (VEGF-A), Fator de crescimento fibroblástico básico (FGF-ß), Proteína quimiotática de monócitos (CCL2/MCP-1), Proteína inflamatória de macrófagos-1ß (CCL4), C-X-C Receptor de quimiocina tipo 4 (CXCR4), C-C Receptor de quimiocina tipo 6 (CCR6), TNF-α, IFN-γ, IL-17, IL-10, IL6, RANK-L e MMP-9. A expressão do mRNA dos mediadores avaliados revelou aumento significativo nos níveis de AGT1, CCL2/MCP-1, CCL4, CCR6, TNF-α, IFN- γ, IL-10, RANK-L e MMP-9 no dia 7 quando comparado com o dia 0 (P <0,05). Para VEGF-A, FGF-ß, CXCR4, IL-17 e IL-6 as expressões de mRNA foram semelhantes em ambos tempos mensurados (P> 0,05). Pode-se concluir que, após desinfecção do SCR, houve aumento nos níveis de expressão de mRNA de importantes mediadores envolvidos nos fenômenos angioproliferativos e osteogênicos.(AU)


The progression and development of pulpal and periapical pathologies are closely related to the presence of microorganisms and their by-products in the infected root canal system (RCS), which induces a defense response adjacent to the root apex. Angiogenesis has been identified as an essential factor in the pathogenesis of chronic periapical alterations, being related to its establishment and maintenance, being a constant source of cytokines, chemokines and proteases. Angiogenesis is also related to the tissue repair that follows the resolution of the periradicular alterations after the implementation of endodontic therapy. In this study, was evaluated the expression of pro-angiogenic factors and correlated cytokines in samples collected from patients (n = 20) on teeth with Chronic Apical Periodontitis immediately after RCS instrumentation and 7 days after disinfection procedures. Samples were analyzed by real-time polymerase chain reaction (RT-PCR). The gene expression of pro-angiogenic factors and cytokines Angiopoetin-1 (AGT1), Vascular endothelial growth factor-A (VEGF-A), Basic fibroblast growth factor (FGF-ß), Monocyte Chemoattractant Protein-1 (CCL2/MCP-1), Macrophage inflammatory protein-1ß (CCL4), C-X-C chemokine receptor motif 4 (CXCR4), C-C chemokine receptor motif 6 (CCR6), TNF-α, IFN-γ, IL-17, IL-10, IL-6, RANK-L and MMP-9. The mRNA expression of the mediators evaluated revealed a significant increase in levels of AGT1, CCL2/MCP-1, CCL4, CCR6, TNF-α, IFN-γ, IL-10, RANK-L and MMP-9 on day 7 when compared to day 0 (P <0.05). As for VEGF-A, FGF-ß, CXCR4, IL-17 and IL-6 their mRNA expressions was similar at both observed times (P> 0.05). In conclusion, after cleaning and shaping procedures of the RCS, there was an increase in mRNA expression levels of important mediators involved in angioproliferative and osteogenic phenomenon.(AU)


Assuntos
Humanos , Indutores da Angiogênese , Citocinas , Necrose da Polpa Dentária , Expressão Gênica , Pulpite , Receptores de Quimiocinas , Endodontia , Doenças Periapicais
7.
Araçatuba; s.n; 2018. 39 p. tab.
Tese em Inglês | BBO - Odontologia | ID: biblio-1051712

RESUMO

O objetivo deste estudo clínico foi avaliar a eficácia de dois sistemas rotatórios: HyFlex CM e ProTaper Next na remoção de bactérias cultiváveis e endotoxinas de canais radiculares infectados. Vinte e quatro canais radiculares de molares e pré-molares com necrose pulpar e lesão periapical foram selecionados e divididos aleatoriamente em 2 grupos: HyFlex CM (n = 12); e ProTaper Next (n = 12). As amostras foram coletadas antes e após o preparo biomecânico e inoculadas em frascos específicos. A irrigação foi realizada com hipoclorito de sódio a 2,5%. Um teste turbidimétrico LAL (Pyrogent 5000 ­ Lonza, Walkersville, MD, EUA) foi utilizado para quantificar endotoxinas. Cultura microbiológica foi utilizada para determinar a contagem de unidades formadoras de colônias bacterianas (UFC/mL). Os dados coletados foram analisados estatisticamente usando SigmaPlot 12.0 para Windows (Systat Software Inc., San Jose, CA). Foi realizado o teste estatístico de Two-Way ANOVA e o nível de significância foi de 5%. Nas coletas antes do preparo biomecânico, bactérias cultiváveis e endotoxinas foram evidenciadas em 100% das amostras. A análise de cultura revelou que não houve uma diferença estatisticamente significativa na redução bacteriana entre os dois sistemas de instrumentação. As endotoxinas estavam presentes em 100% dos canais após a instrumentação e não houve diferença estatística entre os dois sistemas na redução de endotoxinas. Assim, concluímos que ambos os sistemas de instrumentação foram eficazes na redução de bactérias e endotoxinas de canais radiculares com infecção endodôntica primária e que não houve diferença estatística entre eles. Contudo, nenhum sistema foi capaz de eliminar 100% das bactérias e seus subprodutos(AU)


The aim of this clinical study was to compare the effectiveness of two rotary systems: HyFlex CM and ProTaper Next on the removal of cultivable bacteria and endotoxins from primarily infected root canals. Twenty-four root canals of molars and premolars with pulp necrosis were selected and randomly divided into 2 groups: HyFlex CM (n = 12); and ProTaper Next (n = 12). Samples were collected before and after the biomechanical preparation and inoculated in specific flasks. Irrigation was performed using 2.5% sodium hypochlorite. A kinetic turbidimetric lysate assay of limulus amoebocytes was used to quantify endotoxins. Microbiological culture was used to determine the count of bacterial colony forming units (CFU/mL). Data collected were statistically analyzed using SigmaPlot 12.0 for Windows (Systat Software Inc, San Jose, CA). The TwoWay ANOVA statistical test was performed and the level of significance was 5%. In the samples before the biomechanical preparation, cultivable bacteria and endotoxins were evidenced in 100% of the cases. The culture analysis revealed that there was no statistically significant difference in the bacterial reduction between the two instrumentation systems. Endotoxins were present in 100% of the canals after instrumentation, and there was no statistical difference between the two systems in endotoxin reduction. Thus, it was concluded that both instrumentation systems were effective in reducing root canal bacteria and endotoxins with primary endodontic infection and that there was no statistical difference between them. However, no system was able to eliminate 100% of the bacteria and their by-products(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Tratamento do Canal Radicular , Bactérias , Desinfecção , Endotoxinas , Doenças Periapicais , Pulpite , Necrose da Polpa Dentária
8.
Rev. odontol. Univ. Cid. São Paulo (Online) ; 29(1): 90-99, Jan.-Abr. 2017.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-859317

RESUMO

O objetivo deste trabalho é apresentar um relato de caso clínico de uma paciente com necessidade de tratamento endodôntico no elemento 41, com necropulpectomia decorrente de trauma de luxação. Paciente de 12 anos, gênero feminino, leucoderma, procurou atendimento na Clínica Universitária para tratar o dente traumatizado. Em exames clínicos e radiográficos, observou-se necrose e escurecimento coronário do elemento 41. Foi realizado tratamento endodôntico em duas sessões. O elemento foi instrumentado com sistema manual de limas até a K#50, irrigando-se com hipoclorito de sódio a 1% alternadamente com cada lima. Após o procedimento, foi realizada a irrigação final com ácido etilenodiamino tetra-acético a 17% e hipoclorito de sódio a 1%, e a secagem com pontas de papel estéreis. A obturação foi feita pela técnica de compactação lateral mais McSppaden (Ténica Híbrida de Tagger), utilizando-se cones de guta percha e cimento de óxido de zinco e eugenol. O caso está sendo proservado há 8 meses, sem sintomatologia, apresentando repleção endodôntica do conduto radicular com normalidade em região apical e redução do escurecimento coronário, segundo imagem periapical e acompanhamento radiográfico.


The aim of this study is to present a case report of a patient in need of endodontic treatment in the element 41, with necropulpectomy due to trauma. The patient was 12 years old, female, white skin, and she sought treatment at the University Odontologic Service to treat a traumatized tooth. In clinical and radiographic examination, there was necrosis and coronary darkening of the element 41. Endodontic treatment was conducted in two sessions. The element was instrumented with manual files system until K # 50, irrigating the canal with sodium hypochlorite 1% alternating with each file. After the procedure, the final irrigation was performed with ethylenediamine tetraacetic acid 17% and 1% sodium hypochlorite and drying with sterile paper points. The obturation was made by lateral compaction technique more McSppaden (Tagger Hybrid Technique), using gutta percha points and cement zinc oxide and eugenol. The case is being following 8 months without symptoms, with repletion of the endodontic root canal, normally in the apical region and reduction in coronary darkening, according periapical image and radiographic follow-up.


Assuntos
Humanos , Feminino , Criança , Cavidade Pulpar , Necrose da Polpa Dentária , Tratamento do Canal Radicular , Traumatismos Dentários
9.
Belo Horizonte; s.n; 2017. 131 p. ilus, tab, graf.
Tese em Inglês, Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-908672

RESUMO

A doença periapical inflamatória é uma sequela da infecção e necrose pulpar. Ela representa a resposta de defesa do hospedeiro à agressão proveniente do canal radicular. Assim, lesões periapicais crônicas se desenvolvem como resposta à manutenção da inflamação e à reabsorção óssea. As células T reguladoras (Treg) e células T helper (Th) 17 (Th17) têm papel fundamental na regulação da resposta imunológica. Forkhead box P3 (FoxP3) é o fator de transcrição para as células Treg, mas a diferenciação e maturação das células T naive em Treg ou Th17 depende também de citocinas específicas como o fator transformador de crescimento ß (TGF-ß), interleucina 10 (IL-10), interleucina 17 (IL-17), interleucina 6 (IL-6) e interleucina 21 (IL-21). Outras citocinas participam na modulação da atividade de Treg e Th17 como as quimiocinas CCL4 e CCL20 com função de recrutamento destas células para atuação no processo inflamatório. O papel de Treg e Th17 tem sido muito estudado em doenças autoimunes, mas ainda pouco avaliado na patogenia das lesões inflamatórias periapicais crônicas. Para este estudo foram utilizadas oitenta e sete amostras de tecido periapical humano para realização de análises morfológicas e dosagem de citocinas por meio de ensaio imunoenzimático (ELISA) (TGF-ß, IL10, IL-17, CCL4, CCL20). As amostras de tecido periapical foram coletadas de três grupos: grupo controle (dentes hígidos), grupo de dentes com necrose pulpar e lesão periapical e grupo de dentes com necrose pulpar sem lesão periapical. Observamos alta expressão de CCL4 e TGF-ß no grupo com lesão periapical quando comparado com os grupos sem lesão e uma correlação positiva entre CCL20 e IL-17, além de um aumento na expressão de CCL20 no grupo com lesão periapical quando comparado ao controle. Nossas observações implicam que essas duas características, tanto pró-inflamatórias quanto imunossupressoras, estão presentes na lesão periapical crônica, ocorrendo de maneira simultânea e com características de co-estimulação, como resultado do intenso trabalho da resposta imunológica do hospedeiro contra o processo inflamatório proveniente das bactérias intracanais e seus subprodutos.(AU)


Inflammatory periapical disease is a sequel of the infection and pulp necrosis. It represents the host defense response to aggression from the root canal. Chronic periapical lesions are developed in response to the maintenance of inflammation and bone resorption. Regulatory T cells (Tregs) and Th17 cells play a key role in regulating the immune response with opposite functions. Forkhead box P3 (FoxP3) is the master transcription factor for Treg cells, but differentiation and maturation of naive T cells in Treg or Th17 also depend on specific cytokines such as transforming growth factor ß (TGFß), interleukin 10 (IL -10), interleukin17 (IL-17), interleukin-6 (IL-6) and interleukin-21 (IL-21). Other cytokines participate in the modulation of the Treg and Th17 activity, as the chemokines CCL4 and CCL20 with function of recruitment of these cells to act in the inflammatory process. The role of Treg and Th17 has been better studied in autoimmune diseases, but sparsely evaluated in the pathogenesis of chronic periapical inflammatory lesions. Eighty-six human samples were used to perform histologic analysis and the cytokine dosage by enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) (TGF-ß, IL-10, IL-17, CCL4, CCL20) in the periapical tissue of three groups: control group, group of teeth with pulp necrosis and periapical lesion and group of teeth with necrosis without periapical lesion. We observed high expression of CCL4 and TGF-ß in the group with periapical lesion in comparison with the groups without lesion and demonstrated increased expression of CCL20 in the group with periapical lesion when compared to control. Our findings imply that these two characteristics, pro-inflammatory and immunosuppressive, are present in the chronic periapical lesion, occurring simultaneously and with co-stimulation characteristics, as a result of the intense actionof the host's immune response against the inflammatory process coming from intracanal bacteria and their by-products.(AU)


Assuntos
Quimiocinas , Citocinas , Doenças Periapicais , Periodontite Periapical , Tecido Periapical , Células Th17 , Necrose da Polpa Dentária
10.
Belo Horizonte; s.n; 2017. 47 p. ilus, tab.
Tese em Inglês, Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-883247

RESUMO

Este estudo tem como objeitvo Identificar a expressão gênica de um novo grupo de linfócitos T, as células Th9, caracteristicamente responsável por produzirem a IL-9 nos tecidos perirradiculares de indivíduos portadores de infecções endodônticas submetidos à terapia endodôntica de rotina, na presença e ausência de infecção assim como as citocinas TNF-α, IL-1. IL-9, INF-É£ e IL-10 e das quimiocinas CCL-2/MCP-1 e CCR-6 no fluido intersticial periapical de infecções de canais radiculares humanas. As amostras foram coletadas imediatamente após os procedimentos de limpeza e formatação e 7 dias mais tarde (após redução da carga microbiana intracanal) para caracterizar a expressão destes genes. A reação em cadeia da polimerase em tempo real demonstrou níveis significativamente maiores de marcadores de IL-1, IL-9, INF-É£, TNFα e IL-10 no dia 7 quando comparado com ao dia 0. Por sua vez, as quimiocinas CCL2/MCP-1 e CCR-6 e a citocina IL-17A não apresentaram diferenças significativas na expressão de mRNA entre os 2 períodos analisados. Ao analisar a variação clínica pós terapia endodôntica sobre a condição imune periapical, este estudo demonstrou que a resposta pró-inflamatória mediada por citocinas e quimiocinas parece ser modulada de forma IL-10/IL-9 dependente.


This study aims to identify the gene expression of a new group of T lymphocytes, Th9 cells, characteristically responsible for producing IL-9 in the periradicular tissues of individuals with endodontic infections submitted to routine endodontic therapy, in the presence and absence of infection as well as the cytokines TNF-α, IL-1. IL-9, INF-γ and IL-10 and CCL-2 / MCP-1 and CCR-6 chemokines in the periapical interstitial fluid of human root canal infections. Samples were collected immediately after cleaning and formatting procedures and 7 days later (after reduction of intracanal microbial load) to characterize the expression of these genes. Real-time polymerase chain reaction demonstrated significantly higher levels of IL-1, IL-9, INF-É£, TNF-α and IL-10 markers at day 7 compared to day 0. In turn, the CCL-2 / MCP-1 and CCR-6 chemokines and IL17A cytokine showed no significant differences in mRNA expression between the 2 periods analyzed. In analyzing the clinical variation after endodontic therapy on periapical immune status, this study demonstrated that the cytokine and chemokinemediated proinflammatory response appears to be modulated in a IL-10 / IL-9 dependent manner.


Assuntos
Periodontite Periapical , Linfócitos T , Expressão Gênica , Citocinas , Interleucina-9 , Quimiocinas , Necrose da Polpa Dentária
11.
Perionews ; 8(2): 124-130, mar.-abr. 2014. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-713836

RESUMO

A regeneração tecidual guiada (RTG) é utilizada na Periodontia com o objetivo de aumentar a inserção do periodonto de dentes gravemente comprometidos e diminuir a profundidade da bolsa, facilitando a manutenção destes. Para isto, a RTG se baseia na criação de um espaço físico onde possa haver a formação tecidual, espaço este livre de células indesejáveis, epitélio e onde haja proteção do coágulo sanguíneo, favorecendo a vascularização e, por consequência, a regeneração. Em agosto de 2011, paciente do gênero masculino, 48 anos, compareceu ao ambulatório da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, encaminhado por um cirurgião-dentista para avaliação periodontal. Após exame clínico completo, constatou-se que o paciente possuía periodontite crônica severa, com comprometimento endodôntico das unidades 24 e 25. Foi instituída terapia periodontal inicial, com raspagem e alisamento radicular e orientação de higiene oral, além do tratamento endodôntico. Em abril de 2012, devido à extensa perda de inserção nestas unidades com presença de defeitos infraósseos na mesial do 24 e distal do 25, optou-se pela realização de RTG, preenchendo-os com osso autógeno e protegendo a região de penetração de epitélio com membrana de colágeno. Após um ano, as unidades não apresentam mobilidade, sem sangramento a sondagem e com bom prognóstico. O objetivo deste trabalho foi mostrar que a RTG, quando bem indicada, pode melhorar a condição periodontal e favorecer a manutenção de um dente saudável.


Assuntos
Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Periodontite Crônica , Necrose da Polpa Dentária , Diagnóstico Diferencial , Endodontia/métodos , Regeneração Tecidual Guiada Periodontal , Periodontia , Tratamento do Canal Radicular
13.
Full dent. sci ; 4(16): 637-641, out. 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-695740

RESUMO

Na Endodontia, em algumas situações, o diagnóstico é bastante subjetivo. Apesar dos fenômenos necróticos e degenerativos estarem presentes na necrose parcial pulpar, ainda podem ser observados filetes nervosos em algumas partes do tecido pulpar. Embora seja necessário o acompanhamento da vitalidade pulpar dos dentes submetidos ao tratamento ortodôntico, deve-se considerar a subjetividade do teste de vitalidade e o diagnóstico só será concluído quando do acesso a câmara pulpar. O objetivo deste estudo é relatar um caso de necrose pulpar parcial ocasionada por uma cárie profunda associada ao emprego de forças excessivas durante o tratamento ortodôntico.


In some situations diagnosis in Endodontic is a very subjective procedure. Despite the presence of necrosis and degenerative phenomena are present in partial pulp necrosis, nerve fibers can still be observed in some parts of the pulp tissue. While it is necessary to monitor the pulp vitality of the teeth subjected to orthodontic treatment, one should take into account the subjectivity of the vitality test and the diagnosis must be completed only when the pulp chamber is opened. The objective of this study was to report a case of partial pulp necrosis caused by deep tooth decay associated to excessive force during orthodontic treatment.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto Jovem , Cárie Dentária/patologia , Necrose da Polpa Dentária/terapia , Preparo de Canal Radicular/instrumentação , Preparo de Canal Radicular , Radiografia Dentária/métodos , Radiografia Dentária , Endodontia/métodos , Hidróxido de Cálcio/uso terapêutico , Técnicas de Movimentação Dentária/métodos , Técnicas de Movimentação Dentária
14.
Dent. press endod ; 3(3): 55-61, sep.-dec. 2013.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-707992

RESUMO

Dentes permanentes com rizogênese incompleta são um dos grandes desafios na prática endodôntica, necessitando de um tratamento diferenciado dos tratamentos endodônticos convencionais. As causas que comumente interrompem a maturação radicular são traumatismos dentários ou mesmo cáries dentárias profundas, que podem causar a necrose pulpar. Sendo assim, os dentes que apresentam raiz incompletamente formada e necrose pulpar geralmente eram tratados pelo método de apicificação, ou seja, múltiplas sessões e trocas de medicação intracanal à base de hidróxido de cálcio ou mesmo a confecção de um plug apical de MTA, a fim de conseguir a formação de uma barreira apical. Porém, através desse método, as raízes continuam com as paredes dentinárias finas e fragilizadas. Assim, a revascularização surge como uma nova forma de tratamento com a finalidade de promover o término do desenvolvimento radicular, com invaginação de um novo tecido conjuntivo para o interior do espaço da cavidade pulpar. Dessa maneira, o presente trabalho apresenta uma revisão da literatura e faz comparações de alguns relatos de casos clínicos para se obter a revascularização pulpar em dentes permanentes imaturos com necrose pulpar. Com base nessa revisão, pode-se concluir que a revascularização pulpar é um método viável quando se deseja obter a maturação radicular com espessamento e, consequentemente, fortalecimento das paredes radiculares em dentes permanentes jovens.


Assuntos
Coagulação Sanguínea , Necrose da Polpa Dentária , Endodontia , Tratamento do Canal Radicular , Ápice Dentário , Traumatismos Dentários
15.
Dent. press endod ; 3(2): 52-58, maio-ago. 2013.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-850732

RESUMO

O tratamento endodôntico é de fundamental importância para abolir a infecção nos dentes com necrose pulpar. O sucesso desse tratamento depende: da eliminação eficiente da infecção no sistema de canais radiculares (SCR) e do correto selamento pela obturação dos canais radiculares. Devido à complexidade anatômica do SCR, certas áreas podem ser inacessíveis ao preparo biomecânico (PBM), portanto, o emprego de uma medicação intracanal potencializa a redução dos microrganismos (MO) e seus produtos tóxicos no SCR. Mesmo com o avanço técnico e científico da Endodontia, há MO que ainda sobrevivem ao PBM, sendo os principais responsáveis pela manutenção infecção endodôntica. Assim, novos tratamentos devem ser pesquisados. Com o advento dos aparelhos de laser e LED, surgiram alternativas de tratamentos na área da saúde, como a terapia fotodinâmica (TFD), que é um conjunto de procedimentos físicos, químicos e biológicos, que ocorrem após a administração de um agente fotossensibilizador (FS) ativado por meio de uma luz visível de comprimento de onda específico (laser ou LED) para destruir a célula-alvo, ou auxiliar no combate das infecções. Na Endodontia, foram demonstrados em estudos in vitro e in vivo que o emprego da TFD atua como um coadjuvante e potencializa a desinfecção do SCR, além de ser de fácil aplicação e não promover resistência microbiana. O objetivo da presente revisão é apresentar o estado atual da terapia fotodinâmica em Endodontia


Assuntos
Necrose da Polpa Dentária , Endodontia , Fotoquimioterapia/métodos , Terapia a Laser , Fármacos Fotossensibilizantes , Tratamento do Canal Radicular
16.
Dent. press endod ; 3(2): 84-89, maio-ago. 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-850738

RESUMO

Objetivo: apresentar um caso clínico de apicificação de dentes traumatizados por meio de dois diferentes protocolos de tratamento. Métodos: paciente do sexo masculino, 11 anos de idade, compareceu ao Serviço de Trauma Dental da FOP-UNICAMP, tendo sofrido fratura de esmalte e dentina, e subluxação nos dentes 11 e 21 há três anos, após sofrer um acidente ciclístico. Radiograficamente, verificou-se que os dentes apresentavam rizogênese incompleta. Após o diagnóstico de necrose pulpar, o plano de tratamento consistiu na utilização de uma pasta que associa hidróxido de cálcio, clorexidina gel a 2% e óxido de zinco, sem trocas periódicas, no dente 11, e na confecção de um plug apical de MTA no dente 21. Resultados: após o período de acompanhamento de oito meses, o fechamento apical de ambos os dentes foi observado. Após cinco anos de acompanhamento clínico e radiográfico, verificou-se que os dentes não apresentavam sintomatologia e que as lesões periapicais foram reparadas. Conclusão: concluiu-se que os dois protocolos utilizados diminuem o número de sessões e podem fornecer sucesso clínico e conforto ao paciente


Assuntos
Humanos , Masculino , Criança , Apexificação , Hidróxido de Cálcio , Ciclismo/lesões , Necrose da Polpa Dentária , Endodontia , Ápice Dentário , Avulsão Dentária , Traumatismos Dentários , Raiz Dentária
17.
Dent. press endod ; 3(1): 78-83, 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-688938

RESUMO

Introdução: paciente do sexo masculino, 37 anos de idade. Após a anamnese, foi constatado que o dente 11 apresentava abertura coronária e presença de hidróxido de cálcio com histórico de trauma dentário nesse dente. Radiograficamente, o dente 11 apresentava formação radicular incompleta, paredes dentinárias finas e frágeis, com divergência foraminal associada a imagem radiolúcida periapical. Objetivo: relatar um caso clínico de apicificação, realizado com trocas de curativo de hidróxido de cálcio. Métodos: o tratamento de escolha foi a apicificação, a qual teve início na segunda sessão, após 15 dias, por meio de desbridamento químico-mecânico de todo o canal radicular, com limas tipo K e irrigação com uma solução de hipoclorito de sódio a 2,5%. Em seguida, pasta de hidróxido de cálcio (hidróxido de cálcio, iodofórmio e propilenoglicol) foi aplicada e trocada de 15 em 15 dias, durante 4 meses. O exame radiográfico foi novamente realizado e demonstrou o fechamento completo da abertura foraminal e regressão da radiolucência periapical. O canal radicular foi obturado utilizando-se um cone confeccionado a partir da união de três cones #60 e pela técnica de condensação lateral com Sealapex. Resultados: seis meses após a obturação, exames revelaram teci-dos periapicais normais e ausência de sintomas. Conclusão: concluiu-se que o tratamento do traumatismo dentário associado à necrose do tecido pulpar e à lesão periapical, com trocas sucessivas de pasta de hidróxido de cálcio, foi adequado para se obter a regressão da lesão periapical, formação de barreira mineralizada e promoção de saúde ao paciente.


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Apexificação , Apicectomia , Necrose da Polpa Dentária , Hidróxido de Cálcio/uso terapêutico , Obturação do Canal Radicular , Tratamento do Canal Radicular , Traumatismos Dentários , Tecido Periapical/lesões
18.
Dent. press endod ; 3(1): 88-93, 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-688940

RESUMO

Introdução: apesar do traumatismo dentário ser uma das principais causas de perda de dentes permanentes, fraturas radiculares são relativamente incomuns nessas situações. Objetivo: esse trabalho tem por objetivo relatar um caso clínico de fratura radicular horizontal decorrente de traumatismo dentário e discutir suas implicações clínicas. Métodos: a fratura radicular horizontal ocorreu no terço médio do incisivo central superior com afastamento dos fragmentos. O dente foi diagnosticado com necrose pulpar, sendo, então, realizado o tratamento endodôntico. Resultados: após dois anos de proservação, por meio de tomadas radiográficas e tomográficas, não foram constatadas complicações radiculares, ou sintomatologia dolorosa, demonstrando a importância de um diagnóstico correto, que resulte num bom prognóstico, preservando a estética e a integridade psicológica do paciente.


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Necrose da Polpa Dentária , Endodontia , Incisivo/lesões , Tratamento do Canal Radicular , Raiz Dentária/lesões , Fraturas dos Dentes , Traumatismos Dentários
19.
Rev. dental press estét ; 9(3): 128-133, Jul-Dec.2012. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-857641

RESUMO

O objetivo deste trabalho é chamar a atenção dos clínicos para que avaliem imaginologicamente os dentes hígisos escurecidos antes de serem clareados externamente. O traumatismo dentário do tipo concussão pode induzir, de forma assintomática, a Metamorfose Cálcica da Polpa e/ou a Necrose Pulpar Asséptica, porvocando seu escurecimento. Quando não são diagnosticadas antes da clareação externa, podem, depois, ser equivocadamente atribuídas ao porcedimento executado. Mas como provar que preexistiam e que não foram causadas pela clareação externa? Apesar da literatura ser clara quando à impossibilidade dessas duas alterações pulpares serem induzidas pela clareação dentária externa, o porfissional pode, então, ser acusado de negligência pela falta de diagnóstico prévio no planejamento do procedimento


The objective of this work is to draw attention of clinicians to assess, by means of image exams, darkened healthy teeth before submitting them to external bleaching. The concussion type of dental traumatism may induce, without symptomatology, Calcific Metamorphosis of the Pulp and Aseptic Pulp Necrosis, causing tooth darkening. When they are not diagnosed before the external bleaching, they may after be erroneously assigned to the performed procedure. But how to prove they pre-existed and were not caused by external bleaching? Although the literature is clear on the impossibility of both this pulp changes be induced by external dental bleaching, the professional still can be accused of negligence due to not diagnosing them when planning the procedure.


Assuntos
Humanos , Calcificações da Polpa Dentária , Necrose da Polpa Dentária , Estética Dentária , Clareamento Dental
20.
Dent. press implantol ; 6(4): 22-37, oct.-dec. 2012. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-698310

RESUMO

As imagens oferecem uma linguagem que revela o dinamismo tecidual ósseo. A densidade óssea e a configuração espacial variam em suas estruturas e indicam uma menor ou maior reação e capacidade de adaptação às demandas funcionais, como cargas mastigatórias nos dentes naturais ou nos implantes osseointegrados. No planejamento de um tratamento reabilitador, é fundamental planejar a distribuição de carga e avaliar as condições dos dentes remanescentes e sua relação com o osso vizinho. Detectar a resposta óssea ao trauma oclusal preexistente pode favorecer uma avaliação mais precisa das condições mastigatórias e dos vícios parafuncionais: uma verdadeira história prévia funcional dos dentes remanescentes. Ressalta-se que as interferências e sobrecargas oclusais demoram meses, ou anos, para induzir os sinais e sintomas clássicos do trauma oclusal enquanto entidade clínica. Quando o dente apresenta-se com necrose pulpar e com sinais de trauma oclusal, o ideal será direcionar a anamnese e exames para um diagnóstico de traumatismo dentário superposto, mesmo em dentes posteriores. Não há fundamentação científica segura para afirmar-se que interferências ou sobrecargas oclusais provocam necrose pulpar. Um questionamento muito comum: até que ponto as forças ortodônticas de ancoragem podem ser aplicadas nos implantes osseointegrados? As forças ortodônticas não superam, em qualquer situação, a intensidade, amplitude e variabilidade das forças oclusais. Se um implante pode receber cargas mastigatórias, o mesmo pode se aplicar às forças ortodônticas de ancoragem.


Images provide a language to describe the dynamics of bone and tissue. Bone density and space distributionvary and indicate greater or lower reaction and adaptation to functional demands, such as masticatory loads,on natural teeth or osseointegrated implants. In rehabilitation, load distributions have to be planned, and theremaining teeth and their relation with neighboring bone should be evaluated. The detection of bone responsesto pre-existing occlusal trauma may provide a more accurate evaluation of masticatory conditions and parafunctionalhabits, that is, a true functional history of remaining teeth. Occlusal interference and overloads takemonths or years to induce classical signs and symptoms of occlusal trauma as a clinical entity. When a toothhas pulp necrosis and signs of occlusal trauma, the evaluation of history, as well as all tests, should be directedto the diagnosis of superposed dental trauma even when posterior teeth are affected. There is no scientific basisto confirm that occlusal interferences and overloads lead to pulp necrosis. A frequent question: Up to whatpoint should orthodontic forces be applied to osseointegrated implants? Orthodontic forces are not greater, inany situation, than occlusal forces in terms of intensity, amplitude and variability. If an implant can bear masticatory loads, it may also receive orthodontic forces resulting from anchorage.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Retração Gengival , Oclusão Dentária Traumática/diagnóstico , Desgaste dos Dentes , Processo Alveolar , Força de Mordida , Necrose da Polpa Dentária , Técnicas de Movimentação Dentária , Oclusão Dentária Traumática , Ligamento Periodontal
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA