Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. dent. sci ; 14(3/4): 60-65, 2011. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-727405

RESUMO

A Eletromiografia representa uma metodologia contemporânea a qual permite avaliar o comportamento muscular com alto grau de sensibilidade. A utilização desta metodologia envolve a detecção e registro dos potenciais elétricos das fibras musculares estriadas superficiais para o estudo da função mastigatória dentro de diversos aspectos, tais como: tratamentos restauradores, utilização de próteses totais, o comportamento motor dos músculos mandibulares durante esforço mastigatório máximo; avaliações de dispositivos intra orais, efeito muscular da utilização de próteses parciais fixas sobre implantes, análise de força mastigatória, distúrbios da fala e da deglutição, avaliação da dor em procedimentos cirúrgicos, espasmo muscular (trismo), avaliação do tratamento de disfunções temporomandibulares, análise da eficiência mastigatória, entre outros. A introdução dessa metodologia na Odontologia ocorreu a mais de 40 anos, como ferramenta de auxilio de diagnóstico das Desordens Temporomandibular, distúrbios funcionais do sistema mastigatório com etiologia complexa e multifatorial como: hábitos parafuncionais, estresse e hiperatividade muscular. O registro eletromiográfico que o eletrodo detectar no interior do músculo é o resultante da soma dos potenciais de ação de todas as fibras musculares de uma unidade motora. Por ser uma técnica segura e não invasiva, ela vem ganhando espaço no monitoramento da atividade elétrica proveniente dos músculos mandibulares. Diante disso objetiva-se a divulgação, reflexão e esclarecimento da eletromiografia como método diagnóstico nos mais diversos setores da Odontologia, por meio de uma revisão da literatura do período de 1949 a 2012, utilizando como base de dados o Medline e o Pubmed


The EMG is a contemporary methodology which allows evaluates the muscle behavior with high sensitivity. The use of this methodology involves the detection and recording of electrical potentials of superficial striated muscle fibers to the study of masticatory function in various aspects, such as restorative treatments, use of dentures, the motor behavior of the jaw muscles during mastication effort; Intraoral devices assessments, muscle effect of the use of fixed partial prosthesis, implants, analysis of chewing strength, impaired speech and swallowing, pain assessment in surgical procedures, muscle spasms, evaluation of treatment of temporomandibular disorders, analysis of chewing efficiency, among others. The introduction of this methodology in dentistry occurred more than 40 years, as a tool to aid diagnosis of temporomandibular disorders, functional disorders of the stomatognathic system with complex and multifactorial etiology such as parafunctional habits, stress and muscle hyperactivity. The electromyographic record is the sum of the action potentials of all muscle fibers of a motor unit. Because it is a safe and noninvasive, it has gained importance in monitoring the electrical activity from the jaw muscles. Therefore intends to disseminate, reverberate and elucidate through a literature review the role of electromyography as a diagnostic method in various sectors of Dentistry, using Medline and Pubmed as database in a period between 1949 and 2012


Assuntos
Eletromiografia , Músculo Masseter , Espasmo , Músculo Temporal
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA