Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 8 de 8
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Rio de Janeiro; s.n; 2018. 44 p. ilus, tab.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-1007083

RESUMO

A maioria das calcificações em tecido mole na região de cabeça e pescoço são achados radiográficos. Com o crescente uso da tomografia computadorizada de feixe cônico há um aumento do número desses achados, em decorrência da melhor visualização das estruturas em três dimensões e da ausência de sobreposição de imagens. O objetivo desse estudo foi avaliar a frequência de calcificações em tecidos moles na região bucomaxilofacial, visualizadas por meio de exames de tomografia computadorizada de feixe cônico. Foram avaliados 549 exames, em todas as reconstruções multiplanares, e as calcificações encontradas tabuladas para posterior análise descritiva dos dados no software SPSS 18®. Foram diagnosticadas 663 calcificações, com maior prevalência em indivíduos acima dos 40 anos e localizadas bilateralmente (67%). Muitas delas eram múltiplas, sendo possível mensurar 1367 calcificações. O tipo mais prevalente foi a calcificação do ligamento estilohioideo (42,9%), com maior prevalência bilateral (80,6%) e em mulheres (60,7%), seguido pelos tonsilolitos, ateromas de carótida, antrolitos, nódulos calcificados, acnes, sialolitos e flebólitos. O ateroma carotídeo, em sua maioria, foi encontrado no gênero feminino (60%), unilateral (67,5%) e em indivíduos acima dos 70 anos (40%). Concluiu-se que a frequência de calcificações em tecidos moles foi bastante elevada, especialmente em mulheres acima dos 40 anos, sendo a calcificação do ligamento estilohioideo o tipo mais prevalente diagnosticado. (AU)


Most soft tissue calcifications in the head and neck region are radiographic findings. With the increasing use of CT images, there is an increase in the number of these findings, due to the better visualization of the structures in three dimensions and the absence of overlapping images. The objective of this study was to evaluate the frequency of soft tissue calcifications in the buccomaxillofacial region, visualized by means of cone beam computed tomography. A total of 549 examinations were performed in all multiplanar reconstructions and the calcifications found tabulated for further descriptive analysis of the data in the SPSS 18® software. A total of 663 calcifications were diagnosed, with a higher prevalence in individuals over 40 years old and located bilaterally (67%). Many of them were multiple, and it was possible to measure 1367 calcifications. The most prevalent type was calcification of the stylohyoid ligament (42.9%), with a greater bilateral prevalence (80.6%) and in women (60.7%), followed by tonsilolites, carotid atheromas, antrolites, calcified nodules, acnes, sialolites and phlebolites. Carotid atheroma was found mostly in the female gender (60%), unilateral (67.5%) and in individuals over 70 years (40%). It was concluded that the frequency of soft tissue calcifications was quite high, especially in women over 40 years of age, with stylohyoid ligament calcification being the most prevalent type diagnosed. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Calcificação Fisiológica , Calcinose/epidemiologia , Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico , Calcinose/diagnóstico por imagem , Prevalência , Distribuição por Idade e Sexo , Mucosa Bucal/patologia
3.
Rev. odontol. Univ. Cid. São Paulo (Online) ; 22(1): 50-55, jan.-abr. 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-858479

RESUMO

A radiografia panorâmica é um dos exames radiográficos mais utilizados na rotina odontológica, existindo grande possibilidade do cirurgião-dentista se deparar com achados radiográficos. Dentre estes, destacam-se as calcificações patológicas encontradas na região de ramo mandibular, tais como sialolito, tonsilolito, calcificações de linfonodos e de vasos sanguíneos. As calcificações patológicas podem possuir aspecto radiográfico semelhante em uma radiografia panorâmica, sendo necessária a complementação com outras técnicas radiográficas a fim de auxiliar no diagnóstico diferencial. Neste trabalho é apresentada uma revisão da literatura a respeito das características radiográficas das calcificações de tecidos moles mais comuns da clínica odontológica. Além disso, é demonstrada a aplicação de técnicas radiográficas no diagnóstico diferencial de tonsilolitos. Diante do exposto, concluiu-se que a associação de técnicas extrabucais é uma importante ferramenta para o preciso diagnóstico de sialolitos, escleroses ósseas e tonsilolitos.


Assuntos
Calcinose/diagnóstico , Dor Facial/diagnóstico , Glândulas Salivares/fisiologia , Radiografia Panorâmica/métodos
4.
Odontol. clín.-cient ; 9(1): 25-32, jan.-mar. 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873890

RESUMO

Radiopacidades em tecidos moles da região bucomaxilofacial são comuns e aparecem geralmente nos exames radiográficos de rotina. Verifica-se, no entanto, a dificuldade do cirurgião-dentista na identificação dessas imagens. As mais frequentes calcificações descritas na literatura são os ateromas de artéria carótida, os flebolitos, os sialolitos, as calcificações de nódulos linfáticos, os tonsilolitos, os antrolitos e os rinolitos e as calcificações do complexo estilohioideo. Realizou-se uma revisão sistemática de literatura das características radiográficas das calcificações em tecidos moles da região de cabeça e pescoço com o objetivo de auxiliar o profissional na identificação de tais condições patológicas. Outros exames imaginológicos, como a tomografia computadorizada, a ultrassonografia e a ressonância magnética, também são importantes para o diagnóstico, porém não são imprescindíveis. Grande parte dos artigos encontrados são relatos de caso clínico. Concluiu-se que os profissionais devem estar atentos à presença dessas radiopacidades nas radiografias odontológicas e basear-se, também, em dados clínicos para um correto diagnóstico dessas alterações.


Ordiinary radiographic examinations of soft tissues in the maxilofacial region usually show radiopacities. It is remarkable, however, the difficult of the dentist about these images identification. The most frequent calcifications descript on literature are the carotid atheromas, the phleboliths, the sialoliths, cervical node calcifications, the tonsiloliths, the abtroliths and the rinoliths and stylohyoid complex calcifications. A systematic review on literature about head and neck soft tissues calcifications radiological characteristics was made with the objective of helping on the identification of such pathological conditions. Other imaginologics exams like computed tomography, ultrasound and the magnetic resonance are also important for diagnosis but not necessary. Most of the articles found are clinical reports. The conclusion is that the dentist must be aware to the presence of these radiopacities on odontological radiographics and also be based on clinical data for a correct diagnosis of these alterations.


Assuntos
Calcinose , Lesões dos Tecidos Moles , Ossificação Heterotópica
5.
Odontol. clín.-cient ; 9(1)jan.-mar. 2010. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-541603

RESUMO

Radiopacidades em tecidos moles da região bucomaxilofacial são comuns e aparecem geralmente nos exames radiográficos de rotina. Verifica-se, no entanto, a dificuldade do cirurgião-dentista na identificação dessas imagens. As mais frequentes calcificações descritas na literatura são os ateromas de artéria carótida, os flebolitos, os sialolitos, as calcificações de nódulos linfáticos, os tonsilolitos, os antrolitos e os rinolitos e as calcificações do complexo estilohioideo. Realizou-se uma revisão sistemática de literatura das características radiográficas das calcificações em tecidos moles da região de cabeça e pescoço com o objetivo de auxiliar o profissional na identificação de tais condições patológicas. Outros exames imaginológicos, como a tomografia computadorizada, a ultrassonografia e a ressonância magnética, também são importantes para o diagnóstico, porém não são imprescindíveis. Grande parte dos artigos encontrados são relatos de caso clínico. Concluiu-se que os profissionais devem estar atentos à presença dessas radiopacidades nas radiografias odontológicas e basear-se, também, em dados clínicos para um correto diagnóstico dessas alterações.


Ordiinary radiographic examinations of soft tissues in the maxilofacial region usually show radiopacities. It is remarkable, however, the difficult of the dentist about these images identification. The most frequent calcifications descript on literature are the carotid atheromas, the phleboliths, the sialoliths, cervical node calcifications, the tonsiloliths, the abtroliths and the rinoliths and stylohyoid complex calcifications. A systematic review on literature about head and neck soft tissues calcifications radiological characteristics was made with the objective of helping on the identification of such pathological conditions. Other imaginologics exams like computed tomography, ultrasound and the magnetic resonance are also important for diagnosis but not necessary. Most of the articles found are clinical reports. The conclusion is that the dentist must be aware to the presence of these radiopacities on odontological radiographics and also be based on clinical data for a correct diagnosis of these alterations.


Assuntos
Calcinose , Lesões dos Tecidos Moles , Ossificação Heterotópica
6.
Odontol. clín.-cient ; 8(2): 196-173, abr.-jun.2009.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-520593

RESUMO

A Síndrome de Eagle (SE) é caracterizada pelo alongamento do processo estilóide ou calcificação do ligamento estilohioídeo, causando limitação dos movimentos cervicais e dores intensas na região. Os autores relatam cinco casos, apresentando sinais e sintomas diversos, tais quais dor, limitação de movimentos do pescoço, limitação de abertura bucal, dificuldade de se alimentar, dentre outros. Foram solicitados exames de imagem, onde se observou em todos os casos o excessivo aumento do processo estilóide, em graus maiores e menores e, juntamente com os sinais clínicos diversos supracitados, foi fechado o diagnóstico de Síndrome de Eagle. Como tratamento foi optada pela não intervenção cirúrgica em nenhum dos cinco casos, uma vez que o processo estilóide alongado, mesmo em um tamanho bem acima dos padrões de normalidade, não provocava nos mesmos dores intensas e não limitavam em nenhuma hipótese suas atividades diárias. Foi então optado pelo tratamento conservador, com a prescrição de relaxantes musculares, antiinflamatórios e analgásicos, conseguindo-se atenuação do quadro sintomatológico em todos os casos. A SE é uma patologia rara, que deve obedecer regras criteriosas de tratamento, levando-se em consideração o custo-benefício da morbidade do procedimento cirúrgico e o grau de comprometimento das atividades diárias do pacientes pela sintomatologia.


The Eagle's Syndrome (ES) is characterized by the styloid process elongation or its calcification, causing neck movements limitation and intense neck pain. The authors report four cases, presenting a few signs and sysptoms, such as pain, neck movements limitation, mouth opening limitation, dysphagia. It were requested image exams, in which were observed in all cases the excessive styloid process elongation, in higher and lower degrees and, with the other clinical signs already mentioned, it was established the diagnosis of Eagle's syndrome. As treatment, it was chosen not to operate the patientis in neither of four cases, once elongated styloid process, although in an Iincreased size, it didn't cause intense pain norlimitated their daily activities. It was chosen the conservative treament, prescribing muscular relaxants, anti-inflammatories, and analgesics, and it was obtained the pain attenuation in all cases. The ES is a rare pathology that must obey some treatment criteria, considering the cost/benefit about the surgical procedure morbidity, and the patient's symptomatology complaints.


Assuntos
Calcinose , Osteogênese
7.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 57(6): 429-433, nov.-dez. 2003. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-393010

RESUMO

A radiografia panorâmica é um dos exames radiográficos mais utilizados na rotina odontológica, na qual há grande possibilidade de o cirurgião-dentista se deparar com achados radiográficos. Dentre esses, destacam-se as calcificações patológicas encontradas na região cervical. Este trabalho aborda a importância do conhecimento, do diagnóstico diferencial e da detecção das calcificações patológicas cervicais em exames radiográficos panorâmicos de rotina


Assuntos
Arteriosclerose , Calcinose , Dor Facial , Radiografia Panorâmica , Glândulas Salivares
8.
Rev. Cons. Reg. Odontol. Pernamb. ; 2(2): 126-30, out. 1999. ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-856257

RESUMO

A síndrome de Eagle é caracterizada pela calcificação do ligamento estilohioídeo, causando limitação dos movimentos cervicais e dores intensas na região. Normalmente é confundida clinicamente com distúrbios de outra ordem, tais como as alterações das articulações temporomandibulares. O diagnóstico dessa entidade é basicamente clínico e radiográfico. Neste trabalho, relatamos um caso da síndrome, bem como uma breve revisão da literatura, ressaltando a importância do diagnóstico dessa entidade incomum, com o objetivo de fornecer aos profissionais maiores informações no que diz respeito ao diagnóstico diferencial e, conseqüentemente ao tratamento correto das dores orofaciais


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Calcinose , Doenças das Artérias Carótidas/diagnóstico , Doenças das Artérias Carótidas , Doenças das Artérias Carótidas/reabilitação , Dor Facial , Hiperostose/etiologia , Ligamentos Articulares/patologia , Transtornos da Articulação Temporomandibular
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA