Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 30
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. j. oral sci ; 18: e191208, jan.-dez. 2019. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1094898

RESUMO

Aim: The aim of present study was to evaluate if the cross-section and the number of use have influence in cyclic fatigue resistance of rotary files. Methods: K3 Endo (group K) and EndoSequence (group E) files, 25/.04, 25 mm, were subdivided into 3 subgroups (n=12) according to the number of uses, 1, 3 and 5 uses, totalizing 72 files. The files were submitted to dynamic assays device moved by an electric engine, using 300 rpm of speed that permitted the reproduction of pecking motion. The files run within a temperate steel ring's groove, simulating an instrumentation of a curved root canal with 40-degrees and 5-mm of curvature radius. The fracture of file was detected by sensor of device and the time and the number of cycles was acquired. The data were analyzed statistically by two-way ANOVA (p<0.05). Results: There were no statistical significant differences in regard to the number of uses (p>0.05). K3 Endo files showed greater resistance to cyclic fatigue than EndoSequence instruments (p<0.01). Conclusion: It may be concluded that the cross-section of instruments presented significant influence in cyclic fatigue resistance and the number of uses up to 5 times had no influence in cyclic fatigue resistance in both NiTi rotation systems evaluated


Assuntos
Titânio , Instrumentos Odontológicos , Fadiga , Níquel
2.
São José dos Campos; s.n; 2019. 101 p. il., tab., graf..
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-970461

RESUMO

Este estudo avalia a influência da presença e tipo de pinos e núcleos na sobrevivência à fadiga de incisivos centrais restaurados com coroas totais. As coroas de 69 incisivos bovinos foram cortadas e as raízes tratadas endodonticamente. As raízes foram distribuídas aleatoriamente em três grupos (n = 23): núcleo de resina composta (NRC), núcleo de resina composta retido por pino de fibra de vidro (PFV) e núcleo metálico fundido (NMF). Todos receberam preparo de coroa total com férula de 2 mm, e então, uma coroa de cerâmica reforçada com leucita foi adesivamente cimentada. Três amostras de cada grupo foram testadas para determinação da carga máxima até a falha. As amostras restantes foram carregadas pelo teste acelerado de fadiga stepwise stress até a fratura ou suspensão após o término de 1,5 x 106 ciclos. A carga e o degrau em que cada espécime falhou foram analisadas pela estatística de Kaplan-Meier e Mantel-Cox (Log Rank test), seguidas por comparação múltipla aos pares, com nível de significância de 5%. O modo de falha foi analisado com estéreomicrocópio. Não houve diferença estatística entre os tratamentos quanto à carga (Mantel-Cox Log-Rank test for trend, X2=0,015, df=1, p=0,901), nem para o número de ciclos (Mantel-Cox Log-Rank test for trend, X2 =3,171, df=1, p=0,995). O modo de falha predominante foi a trinca da coroa. Fratura obliqua da raiz só foi observado nos grupos retidos por pinos. Nos incisivos tratados endodonticamente com férula de 2 mm, a presença e o tipo de pino e núcleo não influenciaram na sobrevida em fadiga. Fraturas não restauráveis ocorreram somente em dentes restaurados com pinos(AU)


This study evaluates the influence of presence and type of post-and-core systems on fatigue survival of non-vital central incisors restored with all-ceramic crowns. The crowns of 69 bovine incisors were cut and endodontically treated. The roots were randomly assigned into three groups (n=23): composite resin build-up (NRC), glass fiber post-retained-composite build-up (PFV) and cast post-and-core (NMF). All specimens received crown preparation with a 2 mm ferrule, and then a leucite-reinforced ceramic crown was adhesively cemented. Three samples from each group were tested for the determination of the maximum load to failure. The remaining samples were loaded by the accelerated fatigue stepwise stress test until fracture or suspension after the end of 1.5 x 106 cycles. The load and the step on which each specimen failed were analyzed by the Kaplan-Meier and Mantel-Cox (Log Rank test) statistics, followed by multiple paired comparisons, with a significance level of 5%. The failure mode was analyzed with stereomicroscope. There was no statistically significant difference between the treatments (Mantel-Cox Log-Rank test for trend, X2=0.015, df=1, p=0.901), nor for the number of cycles (Mantel-Cox Log-Rank test for trend, X2=3.171, df=1, p=0.995). The predominant failure mode was the crown crack. Oblique root fracture was observed only in groups retained by posts. The presence and type of post system did not influence the fatigue survival of the endodontically treated incisors with a 2 mm ferrule. Non-restorable fractures only occurred on teeth restored with post(AU)


Assuntos
Humanos , Fadiga , Técnica para Retentor Intrarradicular/efeitos adversos , Dente não Vital/prevenção & controle , Coroas/estatística & dados numéricos
3.
Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr ; 18(1): 4070, 15/01/2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-966891

RESUMO

Objective: To determine the association of the stress level, fatigue symptoms, and sleep quality with oral health behavior of preclinical pharmacy students. Material and Methods: Observational analytic study surveyed the students of the Faculty of Pharmacy of Hasanuddin University. From the total 205 sample of pharmacy students, 77 students drawn from the 2017 year of study, 68 students from the 2016 year of study, and 60 students from the 2015 year of study. The study consisted of 4 questionnaires, which are Perceived Stress Scale, Fatigue Assessment Scale, Karolinska Sleep Questionnaire and questions that assess oral health behaviors reported per individual. Data were collected and analyzed statistically using Chi-square test and Fisher's exact test. The level of significance was set at 5%. Results: The percentage of oral health behaviors in terms of the frequency of tooth brushing, use of dental floss, use of tongue cleaner and use of mouthwash increase as the year of study. In contrast to the percentage of stress level, awakening difficulties symptoms, sleep disturbance symptoms, daytime sleepiness symptoms and fatigue symptoms tended to decrease according to the year of study. Significant associations found among students who are under stress with the frequency of dental floss (p<0.05). However, no significant association was found between the fatigue symptoms, awakening difficulties symptoms, sleep disturbance symptoms, and daytime sleepiness symptoms with oral health behavior (p>0.05). Conclusion: There is an association between stress levels with the use of dental floss.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Estresse Psicológico , Estudantes de Farmácia , Comportamentos Relacionados com a Saúde , Higiene do Sono , Indonésia , Distribuição de Qui-Quadrado , Saúde Bucal , Inquéritos e Questionários , Dispositivos para o Cuidado Bucal Domiciliar , Fadiga , Estudo Observacional
4.
São José dos Campos; s.n; 2018. 73 p. il., tab., graf..
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-970494

RESUMO

Essa pesquisa avaliou o comportamento mecânico e físico das repetidas queimas provenientes das técnicas de caracterização extrínseca do dissilicato de lítio (DL). Duzentos e setenta discos de DL foram fabricados de acordo com a ISO 6872/2008 e distribuídos nos diferentes grupos (n=30). Controles (CO), nos quais não foram realizados caracterização extrínseca. Caracterizados nos quais as queimas de cristalização e do glaze foram realizadas em passo único com IPS e.max CAD Crystall e Glaze Paste (Ivoclar Vivadent) (CR). E caracterizados nos quais as cerâmicas foram primeiramente cristalizadas, seguido da aplicação do IPS e.max Ceram Shades e do Glaze Paste (Ivoclar Vivadent) (CE). Cada tipo de caracterização teve suas amostras submetidas a duas, quatro ou seis queimas: COII, COIV, COVI, CRII, CRIV, CRVI, CEII, CEIV e CEVI. Análises de cor e translucidez foram realizadas com espectrofotômetro colorimétrico após as diversas queimas (n=20). Espectroscopia de raios X por dispersão em energia (EDS), difração de raios-X (DRX) e Raman foram utilizadas para análise de elementos químicos. A rugosidade Ra e a nanodureza Vickers também foram aferidas. Testes de flexão biaxial (n = 10, 1000 kgf, 1 mm/min) e de fadiga ­ staircase (n = 20, 5x104 ciclos, 5Hz, tensão inicial ­ 50% e incremento 5% da carga inicial de fadiga) foram realizados. Análises microscópicas da superfície das amostras (estereomicroscopia, mapping e MEV) também foram feitas. ANOVA um fator e Tukey foram os testes estatísticos utilizados (α=0,05). Para o CE e CO6X-2X, os valores de ΔE00 foram demonstrativos de alterações inaceitáveis de cor (ΔE00 > 1,8). Grupo CO demostrou alterações significativas de translucidez (p = 0,02), já para CE (p = 0,09) e CR (p = 0,26) os valores aumentaram significativamente. Os valores Ra indicaram diferenças significativas devido ao tipo de caracterização (p < 0,000) e número de queimas, porém desse último fator somente para os grupos CO (p = 0,001) e CE (p = 0,008). O EDS e o DRX revelaram uma maior quantidade de conteúdo amorfo para CE e CR. Os valores de nanodureza dentre os grupos testados foram estatisticamente similares. O fator quantidade de queimas não foi capaz de influenciar a resistência máxima das cerâmicas, no entanto, o tipo de caracterização reduziu significativamente essa propriedade mecânica (p = 0,001). A fadiga reduziu a resistência do DL em todos os grupos, mas os grupos CR mantiveram resistência semelhantes (CRII e CRIV) ou até superiores (CRVI) aos grupos controles. As interfaces entre material utilizado para caracterização e o DL mostraram apenas sobreposição de materiais para os grupos CE, já para os CR sugere-se que a maquiagem consegue se inter-relacionar com a cerâmica(AU)


The objective of this research was to evaluate the mechanical and physical behavior of repeated firings from the aesthetic characterization of lithium disilicate (LD). Two hundred and seventy LD discs were manufactured according to ISO 6872/2008 and distributed in different groups (n = 30): controls (CO), in which no aesthetic characterization was made; characterized in which the crystallization and glaze firings were performed in a single step with IPS e.max CAD Crystall and Glaze Paste (Ivoclar Vivadent) (CR); and characterized in which the ceramics were first crystallized, followed by the IPS e.max Ceram Shade and Glaze Paste (Ivoclar Vivadent) application (CE). Each type of characterization had samples submitted to two, four or six firings: COII, COIV, COVI, CRII, CRIV, CRVI, CEII, CEIV and CEVI. Color and translucency analyzes were performed with a colorimetric spectrophotometer after the burnings (n = 20). X-ray dispersive energy spectroscopy (EDS), X-ray diffraction (XRD) and Raman spectroscopy were used to analyze chemical elements. Roughness (Ra) and Vickers nano-hardness were also measured. Biaxial flexion tests (n = 10, 1000 kgf, 1 mm/min) and fatigue - staircase (n = 20, 5x104 cycles, 5 Hz, initial tension - 50% and 5% increment of initial fatigue load) . Microscopic analysis of sample surfaces (stereomicroscopy, mapping and scanning electron microscope - SEM) were also performed. One-way ANOVA and Tukey were the statistical tests used (α = 0.05). For CE and CO6X-2X, values of ΔE00 were demonstrative of unacceptable color changes (ΔE00> 1.8). Group CO showed significant changes of translucency (p = 0.02); for CE (p = 0.09) and CR (p = 0.26) the values increased significantly. The values of nano-hardness among the nine groups were statistically similar (p> 0.05). However, Ra values indicated significant differences due to the type of characterization (p < 0.01) and number of firings, but this last factor affected only the CO and CE (p < 0.01) groups. EDS and DRX revealed a greater amount of amorphous content for EC and CR. The number of firings was not able to influence the maximum strength of the ceramics, however, the characterization type significantly reduced this mechanical property (p = 0.001). Fatigue reduced LD strength in all groups, but CR groups maintained similar values (CRII and CRIV) or even higher (CRVI) that the control groups. The interfaces between the material used for characterization and the DL showed only an overlap of materials for the CE groups, whereas for the CR it is suggested that this aesthetic characterization can interrelate with the LD ceramics(AU)


Assuntos
Humanos , Fadiga/classificação , Cerâmica/efeitos adversos , Cor
5.
São José dos Campos; s.n; 2017. 82 p. il., tab., graf..
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-906486

RESUMO

O objetivo deste estudo foi avaliar a distribuição de tensão, resistência, confiabilidade e vida útil de diferentes configurações cerâmicas dispostas em multicamadas, compostas por materiais cerâmicos de módulos de elasticidade distintos, comparando-as a modelos monocamadas. Para o delineamento dos modelos teórico e experimental, foram utilizadas as cerâmicas usinadas, com respectivos módulos elásticos: Feldspática (F): 64 GPa; dissilicato de lítio (L): 95 GPa; Zircônia tetragonal policristalina parcialmente estabilizada por ítrio (Y): 209,3 GPa. No estudo teórico foi utilizada a análise de elementos finitos, e foram desenhados dois modelos em 3D de um primeiro molar superior num software CAD para simular uma restauração monolítica (espessura: 1,5 mm) e uma restauração multicamadas (3 camadas cerâmicas de 0,4 mm + 2 camadas de cimento de 0,15 mm, totalizando de 1,5 mm de espessura). Foram preconizados 3 grupos monolíticos: F, L e Y; e 5 grupos multicamadas: FLY (F + L + Y), FFY (F + F + Y), LLY (L + L + Y), LFY (L + F + Y); YLF (Y + L + F), correspondente ao modelo bioinspirado. Foi aplicada uma carga de 150 N em três áreas de contato na fossa central e a tensão máxima principal (MPS) foi calculada em cada camada. O pico de tensão obtido (MPa) em cada camada de cada grupo foi: F: 10,55; Y: 18,48; L: 12,26; LFY: 25,58/3,96/26,82; LLY: 22,07/7,18/24,04; FFY: 22,58/6,26/28,99; FLY: 20,11/9,68/24,98; YLF: 39,44/7,18/5,42. Desta forma, foi possível constatar que a gradação do módulo elástico, com maior E externamente e menor E na região mais interna, proporcionou menor tensão nas camadas internas da restauração. Com o objetivo de validar os achados, foi proposto o modelo experimental simplificado, no qual foram utilizados discos cerâmicos de espessuras 0,3 mm e 1,5 mm. Os discos de 0,3 mm foram dispostos em 4 camadas, cimentados com cimento químico (Multilink N), e os discos de 1,5 mm não receberam nenhum tratamento, de modo que a espessura final dos espécimes fossem 1,5 mm (±0,15 mm). Foram obtidos 6 grupos: F (F: monolítico de 1,5 mm); L (L: monolítico de 1,5 mm); LLFF (L + L + F + F); FFLL (F + F + L + L); YLFF (Y + L + F + F); YLLF (Y + L + L + F). A carga para a fratura foi obtida através do ensaio de flexão biaxial (n=10; 1000 kgf, velocidade 1,0 mm/min) até a ocorrência de falha. Os dados foram analisados através de ANOVA-1 fator e comparações múltiplas de Tukey (5%). O ensaio de flexão biaxial foi também simulado através da análise de elementos finitos para identificar a tensão de tração gerada em cada camada dos grupos. O limite de fadiga (100.000 ciclos; 20 Hz) foi determinado através do método de escada (staircase). A análise de fratura foi realizada através de estereomicroscópio e microscopia eletrônica de varredura. Os resultados mostraram valores de carga para a fratura (N) seguindo a ordem: L (592,88 ± 73,78)D > FFLL (319,78 ± 43,59)C > YLLF (246,75 ± 24,89)B > F (167,13 ± 9,84)A > YLFF (166,51 ± 15,24) A > LLFF (165,46 ± 22,75)A ; e limite de resistência à fadiga (N): L (310,92 ± 26.73)F > FFLL (190,17 ± 8.32)E > F (106,21 ± 2.81)D > YLLF (96,48 ± 5.73)C > YLFF (89,56 ± 2.38)B > LLFF (77,23 ± 6.33)A . Ocorreram falhas em todos os grupos, sendo o local de origem na superfície de tração, coincidente com o local de maior tensão de tração analisado pelo método dos elementos finitos. Desta forma, concluiu-se que o modelo teórico evidenciou melhor desempenho de restaurações bioinspiradas, entretanto, no modelo experimental, a resistência do conjunto foi guiada pelo material na região de tração e a interface adesiva foi um fator limitante, com necessidade de se desenvolver uma estrutura bioinspirada de forma homogênea para validar os achados do modelo teórico(AU)


The aim of this study was to evaluate the strength, reliability and useful life of different ceramic configurations arranged in multilayers, composed of ceramic materials with different elastic moduli, comparing them to monolayer models. For the design of the theoretical and experimental models, machined ceramics were used, with respective elastic modulus: feldspathic (F), 64 GPa; lithium disilicate (L), 95 GPa; and Yttrium-partially stabilized tetragonal zirconia (Y-TZP) (Y), 209.3 GPa. In the theoretical study it was used the Finite Element Analyses, Two 3D upper first molar models were generated in CAD software in order to simulate monolayer (1.5 mm thickness) and multilayer restorations (3 ceramic layers of 0.4 mm + 2 cement layers of 0.15 mm, with a final thickness of 1.5 mm. The following groups were obtained: Monolithic groups: F, L and Y; Multilayer groups: FLY (F + L + Y), FFY (F + F + Y), LLY (L + L + Y), LFY (L + F + Y); and a Bioinspired Multilayer group: YLF (Y + L + F). Maximum principal stress (MPS) was calculated on each layer through a load of 150 N in three contact areas in the central fossa. The tensile strength peaks (MPa) were F: 10.55, Y: 18.48, L: 12.26, LFY: 25.58/3.96/26.82, LLY: 22.07/7.18/24.04, FFY: 22.58/6.26/28.99, FLY: 20.11/9.68/24.98 and YLF: 39.44/7.18/5.42. F and L ceramics did not prevent stress dissipation in the inner layers, and Y provided a decrease in tensile stress in the inner layers when used in the outermost layer in ZLF group. Multilayer ceramics with a larger external E modulus and a smaller internal modulus provided less stress in the innermost layers of the restoration. To validate these findings an experimental simplified model was preconized in order to obtain discs of 0.3 mm and 1.5 mm thickness. The 0.3 mm discs were arranged in 4 layers cemented with chemical cement (Multilink N), and the 1.5 mm discs were not treated, in such a way that the final thickness of all specimens was 1.5 mm (± 0.15 mm). The following 6 groups were obtained: F (F: monolithic); L (L: monolithic); LLFF (L + L + F + F); FFLL (F + F + L + L); YLFF (Y + L + F + F); YLLF (Y + L + L + F). The loads to fracture were obtained using the biaxial flexure strength test (1000 kgf, 1 mm/min) until failure and data were analyzed using ANOVA-1 way and Tukey's multiple comparisons (5%). The biaxial bending test was also simulated through finite element analysis (FEA) to identify the tensile stress generated at each layer of the groups. Mean flexural fatigue limits (100,000 cycles; 20 Hz) were determined under stair case approach. The fracture analysis was performed by stereomicroscope and scanning electron microscopy. The load to fracture (N) were obtained as follow L (592,88 ± 73,78)D > FFLL (319,78 ± 43,59)C > YLLF (246,75 ± 24,89)B > F (167,13 ± 9,84)A > YLFF (166,51 ± 15,24)A > LLFF (165,46 ± 22,75)A ; and the fatigue limit (N): L (310,92 ± 26.73)F > FFLL (190,17 ± 8.32)E > F (106,21 ± 2.81)D > YLLF (96,48 ± 5.73)C > YLFF (89,56 ± 2.38)B > LLFF (77,23 ± 6.33)A . All the groups presented failures and the origin were located at the tension region of the discs, as encountered in FEA. Thus, it was concluded that the theoretical model showed better performance of bioinspired restorations, however, in the experimental model the material under tension was mandatory for the resistance of the restoration, the adhesive interface negatively influenced the biomechanical behavior of the multilayer structures and there is a need to develop a homogeneous bio-inspired structure to validate the findings of the theoretical model(AU)


Assuntos
Humanos , Materiais Dentários , Cerâmica , Restauração Dentária Permanente/métodos , Fadiga , Análise de Elementos Finitos/estatística & dados numéricos
6.
Dent. press endod ; 6(2): 28-33, May-Aug. 2016. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-846970

RESUMO

Objetivo: avaliar a composição semiquantitativa, a exibilidade e a microdureza de instrumentos endodônticos de ligas com NiTi convencional e com memória controlada (CM). E também avaliar a in uência da rotação contínua e do movimento reciprocante na resistência dos instrumentos submetidos à fadiga cíclica. Métodos: os instrumentos Hy ex CM 40/0.04 e RaCe 40/0.04 foram submetidos aos testes de exibilidade, EDS e microdureza. A fadiga cíclica estática foi avaliada em rotação contínua, 150° horá- rio/30° anti-horário; 75° horário/15° anti-horário. Resultados: o Hy ex CM é mais exível que o RaCe (p < 0,05), mas não houve diferença signi cativa quanto à microdureza (p>0,05). O RaCe tem 55,7%wt Ni e 44,3%wt Ti, enquanto o Hy ex CM tem 50,81%wt Ni e 42,28%wt Ti. O movimento reciprocante aumentou signi cativamente a resistência à fadiga cíclica dos instrumentos avaliados, quando comparado à rotação contínua (p < 0,05). O Hy ex CM foi signi cativamente mais resistente no movimento reciprocante de menor ângulo, quando comparado com o de maior ângulo (p<0,05), enquanto não houve diferença para o RaCe (p > 0,05). O Hy ex CM apresentou maior resistência à fadiga do que o RaCe, em todos os movimentos avaliados (p < 0,05). Conclusão: o Hy ex CM tem maior exibilidade e menor percentual de Ni quando comparado ao RaCe, mas ambas apresentaram microdureza similar. O Hy ex CM teve resistência à fadiga cíclica maior do que o RaCe, em todos os movimentos. Os dois instrumentos tiveram maior resistência à fadiga no movimento reciprocante do que na rotação contínua. A menor angulação do movimento reciprocante promoveu maior resistência à fadiga, quando comparada com a de maior amplitude.


Assuntos
Humanos , Fadiga , Microscopia Eletrônica de Varredura , Níquel , Propriedades Físicas e Químicas , Rotação , Titânio
7.
São José dos Campos; s.n; 2016. 50 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867730

RESUMO

Este estudo avaliou o crescimento subcrítico de trincas de uma cerâmica à base de dissilicato de lítio, levando em consideração dois tipos de tratamento de superfície. Blocos de dissilicato de lítio parcialmente cristalizados, foram usinados até obter um cilindro com 12 mm de diâmetro. Após este processo, os cilindros foram cortados de forma a obter discos com espessura de 1,2 mm ± 0,2 mm, segundo norma ISO 6872/2008. Em seguida, 160 discos foram divididos em 2 grupos de estudo, de acordo com o tratamento de superfície: jateamento (Jateamento com partículas de 30 µm de alumina modificadas por sílica); e Ácido (Ácido Fluorídrico 5% por 20 segundos). As superfícies tratadas dos discos de todos os grupos receberam aplicação do agente de união silano, e foram submetidos ao tratamento térmico em um forno sob a temperatura de 100ºC durante 2 min. Todos os grupos receberam uma camada de cimento resinoso Panavia F. Vinte amostras de ambos os grupos foram submetidas ao ensaio mecânico de compressão, para a determinação da resistência à flexão biaxial, e vinte e cinco amostras de cada grupo foram submetidas ao ensaio de compressão para obtenção da resistência inerte. Trinta e cinco amostras de cada grupo foram submetidas ao teste de crescimento subcrítico de trinca. Este ensaio foi realizado em cinco taxas de tensão: 10-2 , 10-1 , 100 , 101 e 102 MPa/s. Valores obtidos pelo ensaio mecânico de compressão: Jateamento (257,53 ± 21,22 MPa) e Ácido (279,44 ± 31,42 MPa). Valores obtidos pela resistência inerte: Jateamento (235,70 ± 28,63 MPa) e Ácido (343,30 ± 47,93 MPa). Os dados do coeficiente de crescimento subcrítico de trincas (n), parâmetro do CST (D), resistência característica (σc) e módulo de Weibull (m), com base no teste de crescimento lento de trincas foram: Jateamento (n=18 ± 1,7; D=205,38 ± 0,02;σc=246,72 / 236,86-256,99 MPa; m=10,46) e Ácido (n=15 ± 1,5; D=222,88 ± 0,02; σc=362,72 / 345,38-380,93 MPa; m=8,48). Pode-se concluir que o tratamento de superfície ...


This study evaluated the fatigue behavior of a lithium dissilicate ceramic regarding different surface treatments. Partially cristalized lithium dissilicate blocks (IPS e.max CAD) were shaped into cilynders (12 mm in diameter). Cylinders were sectioned into disc shaped specimens with 1.2 mm in thickness (± 0.2 mm), according to ISO 6872/2008. Half of the specimens were sandblasted with 30 µm silica particles (Rocatec soft system) and received a layer of silane + resin cement (Pavavia F). The other half of the specimens was etched with hydrofluoric acid (HF 5%, 20 s) and alsoreceived a layer of silane + resin cement (Pavavia F). Previously to resin cement application, the silane was heat treated at 100°C. The biaxial flexural strength was determined for each surface treatment (n=20), as the subcritical crack growth behavior at 5 stress levels: 10-2 , 10-1 , 100 , 101 and 102 MPa/s. The fatigue limit will be determined with the stair case approach. Values obtained for the biaxial flexural strength teste were: Sandblasting (257.53 ± 21.22 MPa) and Acid (279.44 ± 31.42 MPa). values obtained by inert strength were: Sandblasting (235,70 ± 28,63 MPa) and Acid (343,30 ± 47,93 MPa). Slow crack growth behavior parameter (n), and CST (D), characteristic strength (σc) and Weibull modulus (m) were: sandblasting (n=18 ± 1.7; D=205.38 ± 0.02; σc=246.72 / 236.86-256.99 MPa; m=10.46) and Acid (n=15 ± 1.5; D=222.88 ± 0.02; σc=362.72 / 345.38-380.93 MPa; m=8.48). It can be concluded that the surface treatment with 5% hydrofluoric acid, lithium disilicate become more susceptible to subcritical crack growth than with the sandblasting aluminum oxide coated silica


Assuntos
Cerâmica , Fadiga , Resistência de Materiais
8.
São José dos Campos; s.n; 2016. 50 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-871398

RESUMO

Este estudo avaliou o crescimento subcrítico de trincas de uma cerâmica à base de dissilicato de lítio, levando em consideração dois tipos de tratamento de superfície. Blocos de dissilicato de lítio parcialmente cristalizados, foram usinados até obter um cilindro com 12 mm de diâmetro. Após este processo, os cilindros foram cortados de forma a obter discos com espessura de 1,2 mm ± 0,2 mm, segundo norma ISO 6872/2008. Em seguida, 160 discos foram divididos em 2 grupos de estudo, de acordo com o tratamento de superfície: jateamento (Jateamento com partículas de 30 µm de alumina modificadas por sílica); e Ácido (Ácido Fluorídrico 5% por 20 segundos). As superfícies tratadas dos discos de todos os grupos receberam aplicação do agente de união silano, e foram submetidos ao tratamento térmico em um forno sob a temperatura de 100ºC durante 2 min. Todos os grupos receberam uma camada de cimento resinoso Panavia F. Vinte amostras de ambos os grupos foram submetidas ao ensaio mecânico de compressão, para a determinação da resistência à flexão biaxial, e vinte e cinco amostras de cada grupo foram submetidas ao ensaio de compressão para obtenção da resistência inerte. Trinta e cinco amostras de cada grupo foram submetidas ao teste de crescimento subcrítico de trinca. Este ensaio foi realizado em cinco taxas de tensão: 10-2 , 10-1 , 100 , 101 e 102 MPa/s. Valores obtidos pelo ensaio mecânico de compressão: Jateamento (257,53 ± 21,22 MPa) e Ácido (279,44 ± 31,42 MPa). Valores obtidos pela resistência inerte: Jateamento (235,70 ± 28,63 MPa) e Ácido (343,30 ± 47,93 MPa). Os dados do coeficiente de crescimento subcrítico de trincas (n), parâmetro do CST (D), resistência característica (σc) e módulo de Weibull (m), com base no teste de crescimento lento de trincas foram: Jateamento (n=18 ± 1,7; D=205,38 ± 0,02;σc=246,72 / 236,86-256,99 MPa; m=10,46) e Ácido (n=15 ± 1,5; D=222,88 ± 0,02; σc=362,72 / 345,38-380,93 MPa; m=8,48). Pode-se concluir que o tratamento de superfície...


This study evaluated the fatigue behavior of a lithium dissilicate ceramic regarding different surface treatments. Partially cristalized lithium dissilicate blocks (IPS e.max CAD) were shaped into cilynders (12 mm in diameter). Cylinders were sectioned into disc shaped specimens with 1.2 mm in thickness (± 0.2 mm), according to ISO 6872/2008. Half of the specimens were sandblasted with 30 µm silica particles (Rocatec soft system) and received a layer of silane + resin cement (Pavavia F). The other half of the specimens was etched with hydrofluoric acid (HF 5%, 20 s) and alsoreceived a layer of silane + resin cement (Pavavia F). Previously to resin cement application, the silane was heat treated at 100°C. The biaxial flexural strength was determined for each surface treatment (n=20), as the subcritical crack growth behavior at 5 stress levels: 10-2 , 10-1 , 100 , 101 and 102 MPa/s. The fatigue limit will be determined with the stair case approach. Values obtained for the biaxial flexural strength teste were: Sandblasting (257.53 ± 21.22 MPa) and Acid (279.44 ± 31.42 MPa). values obtained by inert strength were: Sandblasting (235,70 ± 28,63 MPa) and Acid (343,30 ± 47,93 MPa). Slow crack growth behavior parameter (n), and CST (D), characteristic strength (σc) and Weibull modulus (m) were: sandblasting (n=18 ± 1.7; D=205.38 ± 0.02; σc=246.72 / 236.86-256.99 MPa; m=10.46) and Acid (n=15 ± 1.5; D=222.88 ± 0.02; σc=362.72 / 345.38-380.93 MPa; m=8.48). It can be concluded that the surface treatment with 5% hydrofluoric acid, lithium disilicate become more susceptible to subcritical crack growth than with the sandblasting aluminum oxide coated silica.


Assuntos
Cerâmica , Fadiga , Resistência de Materiais
9.
São José dos Campos; s.n; 2016. 78 p. ^ctab. graf.78 il..
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-848127

RESUMO

O objetivo do estudo foi avaliar o comportamento mecânico de uma cerâmica, à base de dissilicato de lítio, em ensaio de flexão com as extremidades fixas. Este estudo particular tem similaridade com caso real de aplicação de prótese em pacientes, o que melhora a avaliação do material quando comparado a ensaios convecionais como o ensaio de flexão em três pontos, com viga simplesmente apoiada. Para isso os corpos de prova foram submetidos à três tipos de envelhecimento: ciclagem mecânica, ciclagem termomecânica, ambas de acordo com os protocolos utilizados na literatura, e ciclagem intrabucal. A ciclagem intrabucal foi realizada por meio da utilização de um dispositivo intrabucal semelhante a uma placa oclusal, na qual foram instalados os corpos de prova, por meio de um dispositivo metálico próprio. Estas placas foram utilizadas em dez voluntários por oito horas, durante o período noturno. As amostras foram posteriormente submetidas ao ensaio mecânico de flexão de três pontos com as extremidades engastadas, para avaliação da resistência residual. Os resultados de resistência residual foram submetidos à análise estatística descritiva (média e desvio padrão) e inferencial, mediante o teste paramétrico de análise de variância (ANOVA) um fator e o teste de Tukey ( = 0,05). As amostras representativas de cada grupo foram observadas em microscópio eletrônico de varredura para análise fractográfica. O tipo de ciclagem influenciou no comportamento mecânico da cerâmica, apresentando significância estatística (p = 0,000) e o grupo de ciclagem intrabucal mostrou a menor resistência à flexão. A origem da fratura foi na zona de tração, porém observou-se uma origem secundária localizada em zona de torção. Pode-se concluir que os tipos de ciclagens influenciaram no comportamento mecânico da cerâmica de dissilicato de lítio. As ciclagens mecânica, termomecânica e intrabucal reduziram a resistência à flexão do material. A ciclagem intrabucal foi a que mais reduziu a resistência residual em flexão deste tipo de cerâmica(AU)


This study aimed to evaluate the behavior of lithium disilicate ceramic in similar condition to a partial fixed prosthesis of three elements by subjecting to three types of aging (n=10): mechanical cycling, thermomechanical cycling, both according to the protocols used in the literature, and intraoral cycling. The intraoral cycling was accomplished by using an intraoral device, which is similar to an occlusal splint. They were installed with the samples (CP) by means of a metallic device that was fixed in balanced contact condition with the remainder of the occlusal surface of the plate. These plates were used in ten volunteers for eight hours during the evening. After fatigue, the samples were subjected to three-point bending tests with clamped ends to evaluate the residual strength. The residual strength results were submitted to descriptive statistics (mean and standard deviation) and inferential by the parametric analysis of variance (ANOVA), with one factor and Tukey test ( = 0.05). In addition, representative samples of each group were observed in a scanning electron microscope (SEM) for fractographic analysis. The cycling condition influenced the mechanical behavior of ceramic with statistical significance of (p = 0,000), and the intraoral cycling group showed the lowest residual flexural strength. In fractographic analysis, they showed that the origin of fracture was in the tensile zone, but there was a secondary fracture origin represented by a twisted zone. Therefore, all types of cycling influenced the flexural strength of the material(AU)


Assuntos
Humanos , Prótese Parcial Fixa , Fadiga
10.
Rev. Odontol. Araçatuba (Online) ; 36(2): 19-22, jul.-dez. 2015.
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-857016

RESUMO

Nove são os aminoácidos considerados essenciais ao organismo, ou seja, necessitam ser adquiridos através da dieta. Dentre eles a Isoleucina, Leucina e Valina são consideradas de cadeia ramificada (ACR). Supõe-se que esses aminoácidos estejam envolvidos no processo de fadiga central, aumentando a performance do indivíduo. O presente estudo tem como objetivo identificar os efeitos da suplementação de Branched Chained Amino Acids (BCAA) sobre o estado de fadiga em exercícios de endurance. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica a partir dos artigos publicados junto ao banco de dados Bireme, Lilacs, Scielo, Google Acadêmico e livros. Conclui-se que não há evidências científicas que comprovam os efeitos dos ACR na diminuição da fadiga central em exercícios de endurance, apenas na diminuição da incidência de lesão muscular


Nine amino acids are considered essential to the organism, so, need to be acquired from the diet. Among them Isoleucine, Leucine and Valine are considered branched-chain (BCAA). It is assumed that these amino acids are involved in the central fatigue process, increasing the performance of the individual. This study aims to identify the effects of supplementation of Branched Chained Amino Acids (BCAA) on the state of fatigue in endurance exercise. A literature search from articles published was carried out by the Bireme database, Lilacs, Scielo, Google Scholar and books. We conclude that there is no scientific evidence to prove the effects of BCAA in decreased central fatigue in endurance exercise, only in reducing the incidence of muscle injury


Assuntos
Aminoácidos de Cadeia Ramificada , Fadiga , Esforço Físico , Isoleucina , Leucina , Valina
11.
São José dos Campos; s.n; 2014. 96 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867579

RESUMO

O objetivo deste trabalho é avaliar o efeito de dois diferentes métodos de deposição de sílica na superfície de uma cerâmica a base de zircônia estabilizada por ítria na adesão a um cimento resinoso e no limite de fadiga do material. A hipótese testada é que ambos os tratamentos de superfície promoverão aumento da adesão entre zircônia e cimento resinoso, e de que a adição de uma camada de sílica reduzirá a resistência à flexão biaxial de discos Y-TZP, antes e após ciclagem mecânica; já o jateamento aumentará a resistência da cerâmica nas duas condições, seguindo o mesmo padrão para o limite de fadiga. Para o teste de adesão, 45 barras receberam um dos seguintes tratamentos de superfície (n = 15): controle: grupo controle, sem tratamento adicional após sinterização; silicatização: jateamento com partículas de SiO2 30 μm (Rocatec Soft, 3M ESPE); glaze: aplicação de uma única camada de vidro amorfo (Glaze Vita Akzent – Vita Zanhfabrik) e condicionamento com HF por 1 min. As amostras foram cimentadas (cimentação resinosa) à secções de cerâmica de dissilicato de lítio e, após 2500 ciclos térmicos, o teste de resistência adesiva à tração foi executado. Para avaliação das propriedades mecânicas, corpos de prova em forma de disco da cerâmica VITA In-Ceram 2000 YZ cubes for InLab foram confeccionados de acordo com as normas do ensaio de flexão biaxial. Os tratamentos de superfície avaliados são: controle; silicatização; e Glaze/HF. Os corpos de prova foram submetidos a flexão biaxial antes e após ciclagem mecânica (2 x 106 ciclos, 100 N, biaxial, imersão em água 37 ºC, 4 Hz). O método de escada foi utilizado para determinação do limite de fadiga dos corpos de prova, com 102, 103, 104 e 105 ciclos. A resistência adesiva foi maior para o grupo silicatização, seguido pelo grupo Glaze/HF e por ultimo o grupo controle, o qual não resistiu à ciclagem térmica. A ciclagem mecânica não exerceu influência sobre a resistência a flexão biaxial; já o tratamento de superfície ...


The aim of this study is to evaluate the effect of different silica deposition methods on the surface of a zirconia ceramic on the adhesion to a resin cement and on the fatigue limit of the materials. The tested hypothesis is that surface treatments enhance the adhesion of resin cement to zirconia, and that the application of a silica layer reduces the flexural strength of zirconia discs, before and after mechanical cycling, and that air abrasion enhance the strength in both situations, following this patter also to fatigue limits. For the adhesive test, 45 bars received the following surface treatments (n = 15): control: without surface treatment after sintering; air-abrasion: 30 μm SiO2 particles (Rocated Soft, 3M ESPE); glaze: application of a thin layer of glaze (Glaze Vita Akzent – Vita Zanhfabrik), HF etching during 1 min plus silane. Samples were resin cemented to lithium dissilicate slices, and after 2,500 cycles of thermocycling, the tensile test was performed. Disc-shaped specimens were used for the evaluation of mechanical properties. The same surface treatments were performed on the tensile side of the samples. Specimens were submitted to biaxial flexural strength before and after mechanical cycling (2 x 106 cycles, 100 N, water immersion 37 ºC, 4 Hz). Stair case method was used to determine the fatigue limit of samples at 102, 103, 104 and 105 cycles. Adhesive strength was higher for air abraded group, compared to glaze group; control group did not survived thermocycling. Mechanical cycling had no effect on flexural strength. Air abrasion presented the highest values of flexural strength. Weibull analysis showed the highest m value for air abraded group without mechanical cycling, and the highest value was presented by glazed and mechanical cycled group. In stair case analysis, all groups presented a decrease in fatigue limit according to increase in number of cycles; air abraded group presented higher values in any number of cycles applied,...


Assuntos
Humanos , Cerâmica , Propriedades de Superfície , Fadiga
12.
São José dos Campos; s.n; 2014. 96 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-870191

RESUMO

O objetivo deste trabalho é avaliar o efeito de dois diferentes métodos de deposição de sílica na superfície de uma cerâmica a base de zircônia estabilizada por ítria na adesão a um cimento resinoso e no limite de fadiga do material. A hipótese testada é que ambos os tratamentos de superfície promoverão aumento da adesão entre zircônia e cimento resinoso, e de que a adição de uma camada de sílica reduzirá a resistência à flexão biaxial de discos Y-TZP, antes e após ciclagem mecânica; já o jateamento aumentará a resistência da cerâmica nas duas condições, seguindo o mesmo padrão para o limite de fadiga. Para o teste de adesão, 45 barras receberam um dos seguintes tratamentos de superfície (n = 15): controle: grupo controle, sem tratamento adicional após sinterização; silicatização: jateamento com partículas de SiO2 30 μm (Rocatec Soft, 3M ESPE); glaze: aplicação de uma única camada de vidro amorfo (Glaze Vita Akzent – Vita Zanhfabrik) e condicionamento com HF por 1 min. As amostras foram cimentadas (cimentação resinosa) à secções de cerâmica de dissilicato de lítio e, após 2500 ciclos térmicos, o teste de resistência adesiva à tração foi executado. Para avaliação das propriedades mecânicas, corpos de prova em forma de disco da cerâmica VITA In-Ceram 2000 YZ cubes for InLab foram confeccionados de acordo com as normas do ensaio de flexão biaxial. Os tratamentos de superfície avaliados são: controle; silicatização; e Glaze/HF. Os corpos de prova foram submetidos a flexão biaxial antes e após ciclagem mecânica (2 x 106 ciclos, 100 N, biaxial, imersão em água 37 ºC, 4 Hz). O método de escada foi utilizado para determinação do limite de fadiga dos corpos de prova, com 102, 103, 104 e 105 ciclos. A resistência adesiva foi maior para o grupo silicatização, seguido pelo grupo Glaze/HF e por ultimo o grupo controle, o qual não resistiu à ciclagem térmica. A ciclagem mecânica não exerceu influência sobre a resistência a flexão biaxial; já o tratamento de superfície...


The aim of this study is to evaluate the effect of different silica deposition methods on the surface of a zirconia ceramic on the adhesion to a resin cement and on the fatigue limit of the materials. The tested hypothesis is that surface treatments enhance the adhesion of resin cement to zirconia, and that the application of a silica layer reduces the flexural strength of zirconia discs, before and after mechanical cycling, and that air abrasion enhance the strength in both situations, following this patter also to fatigue limits. For the adhesive test, 45 bars received the following surface treatments (n = 15): control: without surface treatment after sintering; air-abrasion: 30 μm SiO2 particles (Rocated Soft, 3M ESPE); glaze: application of a thin layer of glaze (Glaze Vita Akzent – Vita Zanhfabrik), HF etching during 1 min plus silane. Samples were resin cemented to lithium dissilicate slices, and after 2,500 cycles of thermocycling, the tensile test was performed. Disc-shaped specimens were used for the evaluation of mechanical properties. The same surface treatments were performed on the tensile side of the samples. Specimens were submitted to biaxial flexural strength before and after mechanical cycling (2 x 106 cycles, 100 N, water immersion 37 ºC, 4 Hz). Stair case method was used to determine the fatigue limit of samples at 102, 103, 104 and 105 cycles. Adhesive strength was higher for air abraded group, compared to glaze group; control group did not survived thermocycling. Mechanical cycling had no effect on flexural strength. Air abrasion presented the highest values of flexural strength. Weibull analysis showed the highest m value for air abraded group without mechanical cycling, and the highest value was presented by glazed and mechanical cycled group. In stair case analysis, all groups presented a decrease in fatigue limit according to increase in number of cycles; air abraded group presented higher values in any number of cycles applied...


Assuntos
Humanos , Cerâmica , Propriedades de Superfície , Fadiga
13.
São José dos Campos; s.n; 2014. 72 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-867605

RESUMO

O estudo avaliou a vida em fadiga de coroas cerâmicas com infraestrutura em zircônia (Vita In-Ceram® YZ) recobertas com cerâmica feldspática (Vita VM9). Foram utilizados 60 molares hígidos, preparados para coroa total e distribuídos em 3 grupos de acordo com o tratamento de superfície: primer (MDP); silicatização (Jateamento de óxido de alumínio 30 μm revestida por sílica + silano); vitrificação (glaze + ácido fluorídrico 10% + silano). A porcelana foi aplicada sobre os copings de zircônia seguindo a anatomia do primeiro molar superior. As coroas foram tratadas internamente, cimentadas com RelyX ARC e cicladas em máquina de fadiga deslizante (BIOPDI Sliding) na vertente interna da cúspide mésio vestibular. Para fadiga foi utilizada carga de 200 N, a 3 Hz de frequência e um pistão 3,18 mm de diâmetro , até falharem ou até completarem 2x106 ciclos. A cada 500.000 ciclos os espécimes foram inspecionados para verificar a presença de falhas, em estereomicroscópio. Para a determinação da confiabilidade foi feita a análise de Weibull, comum intervalo de confiança bilateral de 95%. As falhas predominantes foram trincas ocorrendo também falhas por lascamento e delaminação. Os parâmetros de Weibull (beta e eta) para os grupos primer, silicatização e vitrificação foram respectivamente: 1,51 e 1,6.106 ciclos; 1,50 e 0,739 .106 ciclos; 1,53 e 0,882. 106 ciclos. A confiabilidade de todas as coroas diminuiu com o tempo, mas as coroas que receberão o tratamento interno com um primer MDP apresentaram as taxas de sobrevivência mais elevadas. Significado Clínico: O uso de um primer MDP antes da cimentação de uma coroa com infraestrutura em zircônia pode aumentar a sua tolerância aos danos


The aim of the present study was to evaluate the fatigue life of zircônia crowns veneered with feldspathic porcelain. Sixty first molars were selected, prepared for full crown and divided into 3 groups according to surface treatment: primer (MDP); tribochemical silica coating (Rocatec Soft + silane); glaze (Vita Akzent + Hydrofluoric acid 10 % + silane). The veneering porcelain was applied respecting the anatomy of upper first molar. The zirconia inner surface was treated according to the group, cemented using resin cement. The specimens were cycled in sliding fatigue machine (200N, 3Hz), using a piston of 3.18 mm diameter, on the inner side of the mesial buccal cusp, until specimens fail or up to 2x106 cycles. Every 500,000 cycles, the specimens were evaluated for the presence of flaws in stereomicroscope (10 ×). To determine the probability of survival (reliability), Weibull analysis was performed, considering a two-sided confidence interval of 95 %. The predominant type of failure was cracking and chipping of the feldsphatic porcelain followed by delamination. Weibull parameters (beta and eta) for primer, silica coating and glaze groups were respectively 1,51 and 1,6.106 cycles; 1,50 and 0,739.106 cycles; 1,53 and 0,882.106 cycles. The reliability of all crowns decreased with time, but the crowns cemented with an MDP primer presented higher survival rates. Clinical Significance: The use on an MDP primer before cementation of a veneered zirconia crown can increase its tolerance to damage


Assuntos
Cerâmica , Porcelana Dentária , Fadiga , Zircônio
14.
Dent. press endod ; 3(1): 49-53, 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-688933

RESUMO

Esse estudo teve por objetivo comparar a resistência à fadiga por torção das seguintes limas de conicidade de 0,02mm: PathFile #13, #16 e #19; ProFile #15 e #20; K3 #15 e #20; Quantec LX #15 e #20; e Liberator #15 e #20. Métodos: foram testados 11 grupos, com 20 limas cada. As limas foram fixadas a um torcímetro e submetidas a rotação até fraturar. O torque máximo e o grau de rotação antes da fratura foram registrados. Limas com tamanhos de ponta semelhante foram comparadas entre si para identificar diferenças significativas. O teste ANOVA de uma via e o teste post hoc de Tukey foram usados para identificar diferenças estatisticamente significativas (p < 0,05) entre os grupos. Resultados: as limas Liberator #15 e #20 tiveram fraturas ao torque significativamente mais baixas do que todas as outras limas semelhantes, enquanto a PathFile #16 teve fratura ao torque significativamente mais alta do que as limas #15 com as quais foi comparada. Conclusão: os resultados do teste de resistência à fadiga por torção das limas Path File foram comparativamente melhores do que os de outras limas pequenas com conicidade de 0,02mm.


Assuntos
Técnica Odontológica de Alta Rotação , Endodontia/instrumentação , Equipamentos Odontológicos de Alta Rotação , Fadiga , Níquel , Resistência de Materiais/análise , Titânio , Tratamento do Canal Radicular/instrumentação
15.
RPG rev. pos-grad ; 19(2): 50-56, abr.-jun. 012. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-688226

RESUMO

Este estudo teve o propósito de investigar as propriedades flexurais de seis marcas comerciais de resinas compostas indiretas e duas resinas compostas para uso direto. Dez espécimes (2 x 2 x 12 mm) de cada material foram confeccionados de acordo com as recomendações dos fabricantes: Grupo I - Signum (Heraeus Kulzer), Grupo 2 - Solidex (Shofu Inc.), Grupo 3 - Resilab (Wilcos), Grupo 4 - Adoro (Ivoclair Vivadent), Grupo 5 - Admira (Voco), Grupo 6 - Sinfony (3M/Espe), Grupo 7 - Filtek Supreme (3M/ESPE) e Grupo 8 - Venus (Heraeus Kulzer). Os espécimes foram armazenados a 37 graus por 24 horas. Em seguida, foram submetidos ao ensaio de miniflexão na máquina de Ensaio Universal EMIC a uma velocidade de 0,75 mm/min, para determinar o módulo de elasticidade e resistência à flexão três pontos para cada compósito estudado.


Assuntos
Resinas Compostas , Módulo de Elasticidade , Fadiga
16.
Araraquara; s.n; 2011. 171 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-866388

RESUMO

As próteses cerâmicas sem metal têm sido cada vez mais utilizadas em função das vantagens apresentadas, como biocompatibilidade, resistência à compressão, estabilidade de cor, radiopacidade e baixa condutibilidade térmica e elétrica. O potencial desses materiais em mimetizar os tecidos dentais também tem contribuído para aumentar sua indicação, atendendo a crescente exigência estética dos pacientes. Apesar dessas características favoráveis, percentuais consideráveis de insucesso clínico têm sido observados, demonstrando que as propriedades mecânicas dos materiais utilizados ainda precisam ser melhoradas. Uma alternativa ainda pouco explorada na odontologia é a utilização de inclusões nanométricas como reforço em matriz também cerâmica, obtendo-se os nanocompósitos cerâmicos. Assim, o objetivo do presente estudo foi avaliar as propriedades de dureza, tenacidade e limite de resistência à fadiga flexural de nanocompósito denso de matriz de alumina com inclusões nanométricas de zircônia, visando sua aplicação em infraestruturas de próteses odontológicas livres de metal. As amostras foram produzidas seguindo metodologia estabelecida em estudos anteriores, que consiste nas seguintes etapas: 1) mistura das matérias primas por meio de desaglomeração da alumina pura e da ZrO2 nanométrica em moinho de bolas convencional; 2) adição da suspensão contendo as partículas nanométricas com a alumina por gotejamento contínuo da suspensão alcóolica de ZrO2 e mistura em moinho de bolas convencional; 3) secagem dos pós no interior do moinho de bolas, sob agitação, em temperatura próxima da ambiente, com auxílio de fluxo de ar perpendicular à abertura do frasco de moagem; 4) preparo das amostras com a mistura obtida, aplicando-se prensagem uniaxial (50 MPa), seguida de prensagem isostática...


Metal free prosthesis became popular because of the advantages presented by the ceramic materials, such as biocompatibility, compressive strength, color stability, radiopacity and low thermal and electrical conductivity. The potential of these materials to mimic the dental tissues and the patient’s demand for aesthetic treatments have also contributed to their increased popularity. Despite these favorable characteristics, considerable percentage of clinical failure has been observed, demonstrating that their mechanical properties still need improvements. An alternative yet little explored in dentistry is the use of nanometric inclusions as reinforcement, resulting in ceramic nanocomposites. Thus, the objective of this study was to evaluate the hardness, toughness and flexural fatigue properties of a nanocomposite comprised of alumina matrix reinforced with nano-inclusions of zirconia, expected to be used as infrastructure for metal-free prosthesis. The samples were produced following the method established in a previous study, which consists of the following steps: 1) mixture of pure alumina and nano-ZrO2 powders in conventional ball mill, 2) addition of the suspension containing the particles with nanometric alumina suspension by continuous drip of ZrO2 and mixing in conventional ball mill, 3) drying the powder inside the ball mill, stirred at ambient temperature, with the aid of air flow perpendicular to the opening of the bottle crushing; 4) sample preparation applying a uniaxial (50 MPa), followed by isostatic pressing (200 MPa). The samples were made in prismatic form (25 X 5 X 2 mm) for flexural fatigue test (n = 30) and disc-shaped (chips) with 10 mm diameter and 5 mm thickness for testing toughness and hardness (n = 10); 5) removal of organic components added during the preparation of powders and...


Assuntos
Materiais Dentários , Porcelana Dentária , Fadiga , Dureza
17.
Full dent. sci ; 1(3): 261-267, abr.-jun. 2010. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-642949

RESUMO

O objetivo deste estudo foi avaliar a resistência a fratura por fadiga de instrumentos rotatórios de níquel titânio, por meio de um ensaio estático de resistência a flexão. Foram avaliados instrumentos F1, F2 e F3 pertencentes ao Sistema ProTaper Universal (Dentisply/Maillerfer). O estudo utilizou 60 instrumentos, divididos em três grupos com 20 instrumentos de cada diâmetro. Todos os instrumentos foram submetidos a um ensaio estático de flexão usando um dispositivo especialmente desenvolvido para este estudo. O dispositivo era composto por um canal radicular artificial com ângulo de curvatura de 45º e raio de 5mm, fabricado com aço inoxidável temperado. Um motor elétrico X-Smart (Dentisply/Maillefer) com um contra-ângulo redutor de 16:1 foi programado para funcionar em velocidade constante de 300rpm e torque de 2N.cm. Cada instrumento ProTaper Universal foi encaixado no contra-ângulo e então introduzido no canal artificial onde girava livremente até ocorrer a fratura. O tempo ocorrido até a fratura estática dos instrumentos foi cronometrado e registrado; o número de rotações foi calculado a partir dessa medida. Os resultados deste estudo não mostraram diferenças significantes no número de rotações até ocorrer a fratura. Instrumentos submetidos a velocidade constante em ensaio estático de resistência a flexão, dentro de canais radiculares curvos artificiais, apresentaram número de ciclos até a fratura semelhantes, independente do diâmetro.


The aim of this study was to evaluate the fracture strength under cyclic fatigue load of Nickel-Titanium rotatory endodontic instruments by means of a static flexure strength test. The F1, F2 and F3 instruments from the ProTaper Universal System (Dentisply/Maillerfer) were evaluated. The study used 60 samples, divided in three groups with 20 samples of each diameter. All instruments were submitted to the flexure strength test using a device specially developed for this study. The device was composed by a 45º sloped artificial root canal, made with tempered stainless steel, with radius of 5mm. An X-Smart (Dentisply/Maillefer) electric engine that had a contra-angle with rotatory reduction of 16:1 was stated to work with a constant speed of 300rpm and with a torque of 2N.cm. Each ProTaper Universal Instrument was individually attached to the contra-angle and then introduced into the artificial root canal where rotate freely until failure. The time elapsed until static fracture of the instruments was chronometrically measured and registered; then, the number of rotations was calculated from this measurement.The results of this study showed no statistically significant differences in the mean number of cycles until failure. Instruments submitted to constant speed in static flexure strength test, inside artificial curved canals, presented the same number of cycles to fracture, no matter the diameter.


Assuntos
Instrumentos Odontológicos , Fadiga , Preparo de Canal Radicular , Técnica Odontológica de Alta Rotação/instrumentação , Titânio/química , Análise de Variância
18.
São Paulo; s.n; 2010. 123 p. ilus, tab, graf. (BR).
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-578252

RESUMO

O objetivo desta pesquisa foi verificar a influência de diferentes tamanhos de partículas de carga na tenacidade à fratura (KIc), nos parâmetros do crescimento subcrítico de trinca (n e f0) e de Weibull (m e 0), na longevidade estimada pelo diagrama tensão-probabilidade-tempo (SPT) e no limite de fadiga cíclica (LFC) de compósitos resinosos experimentais. Quatro compósitos foram preparados contendo 78% em massa (59% em volume) de conteúdo inorgânico, constituído por 67% de pó de vidro com diferentes tamanhos de partículas (d50 = 0,5; 0,9; 1,2 e 1,9 µm) e 11% de sílica pirogênica. Dados de KIc obtidos pelo método single-edge notched beam (25x5x2,8 mm; n=15) foram submetidos a ANOVA/teste de Tukey (p < 0,05). n e f0 foram determinados através do ensaio de fadiga dinâmica (10-2 a 102 MPa/s) utilizando um dispositivo de flexão biaxial (12x1,2 mm; n=10). Para determinar m e 0, mais 20 espécimes de cada compósito foram testados na taxa de 100 MPa/s. Os diagramas SPT foram obtidos a partir dos dados da fadiga dinâmica e análise de Weibull. No ensaio de fadiga cíclica, um dispositivo de flexão biaxial (12x1,2 mm) foi utilizado para se obter a resistência à flexão inicial (RFI; n=14) e o LFC (n=20). LFC foi obtido pelo método escada após 105 ciclos. Para todos os testes, os espécimes foram armazenados em água destilada a 37oC por 24h. Foi realizada a fractografia dos espécimes fraturados nas taxas 10-2 e 10-1 MPa/s da fadiga dinâmica e nos ensaios para determinação da RFI e LFC. Houve relação direta entre d50 e KIc (C0,5: 1,2±0,1b; C0,9: 1,3±0,1ab; C1,2: 1,3±0,1ab; C1,9: 1,4±0,2a, em MPa.m0,5). C0,5 (31,2±6,2a) e C1,9 (34,7±7,4a) apresentaram valores de n superiores a C0,9 (20,3±3,0b) e C1,2 (17,3±1,8b). C1,2 (166,42±0,01a) apresentou o maior valor de f0 (em MPa), seguido pelo C1,9 (159,82±0,02b), C0,9 (159,59±0,02c) e C0,5 (158,40±0,02d). Não houve diferença estatística entre os valores de m (6,6 a 10,6) e 0 (170,6 a 176,4 MPa) dos compósitos...


The aim of this study was to verify the influence of different filler sizes in the fracture toughness (KIc), subcritical crack growth (n e f0) and Weibull (m e 0) parameters, longevity estimated by the strength-probability-time (SPT) diagram and cyclic fatigue limit (CFL) of experimental resin composites. Four composites were prepared, each one containing 78 w% (59 vol%) of inorganic content, in which 67 w% were glass powder with different filler sizes (d50 = 0.5; 0.9; 1.2 e 1.9 µm) and 11 w% were pyrogenic silica. KIc data was obtained by the single-edge notched beam test and submitted to ANOVA/Tukey tests (p < 0.05). n and f0 were determined by the dynamic fatigue test (10-2 a 102 MPa/s) using a biaxial flexural device (12x1.2 mm; n=10). 20 specimens of each composite were tested at 100 MPa/s to determine Weibull parameters. SPT diagrams were constructed using the dynamic fatigue and Weibull data. For the cyclic fatigue test, a biaxial flexural device (12x1.2 mm) was used to obtain the initial flexural strength (IFS; n=14) and CFL (n=20). CFL was determined by staircase method after 105 cycles. For all tests, the specimens were stored in distilled water at 37oC for 24h. It was done the fractography of the fractured specimens that was subjected to the 10-2 e 10-1 MPa/s rates of the dynamic fatigue and to the IFS and CFL tests. There was a direct relation between d50 e KIc (C0.5: 1.2±0.1b; C0.9: 1.3±0.1ab; C1.2: 1.3±0.1ab; C1.9: 1.4±0,2a, in MPa.m0,5). C0.5 (31.2±6.2a) and C1.9 (34.7±7.4a) presented higher n values than C0.9 (20.3±3.0b) and C1.2 (17.3±1.8b). C1.2 (166.42±0.01a) showed the highest f0 value (in MPa), followed by C1.9 (159.82±0.02b), C0.9 (159.59±0.02c) and C0.5 (158.40±0.02d). There were no statistical differences among the m (6.6 to 10.6) and 0 (170.6 to 176.4 MPa) values of the composites...


Assuntos
Resinas Compostas , Materiais Dentários , Fadiga
19.
São Paulo; s.n; 2010. 123 p. ilus, tab, graf. (BR).
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-865287

RESUMO

O objetivo desta pesquisa foi verificar a influência de diferentes tamanhos de partículas de carga na tenacidade à fratura (KIc), nos parâmetros do crescimento subcrítico de trinca (n e f0) e de Weibull (m e 0), na longevidade estimada pelo diagrama tensão-probabilidade-tempo (SPT) e no limite de fadiga cíclica (LFC) de compósitos resinosos experimentais. Quatro compósitos foram preparados contendo 78% em massa (59% em volume) de conteúdo inorgânico, constituído por 67% de pó de vidro com diferentes tamanhos de partículas (d50 = 0,5; 0,9; 1,2 e 1,9 µm) e 11% de sílica pirogênica. Dados de KIc obtidos pelo método single-edge notched beam (25x5x2,8 mm; n=15) foram submetidos a ANOVA/teste de Tukey (p < 0,05). n e f0 foram determinados através do ensaio de fadiga dinâmica (10-2 a 102 MPa/s) utilizando um dispositivo de flexão biaxial (12x1,2 mm; n=10). Para determinar m e 0, mais 20 espécimes de cada compósito foram testados na taxa de 100 MPa/s. Os diagramas SPT foram obtidos a partir dos dados da fadiga dinâmica e análise de Weibull. No ensaio de fadiga cíclica, um dispositivo de flexão biaxial (12x1,2 mm) foi utilizado para se obter a resistência à flexão inicial (RFI; n=14) e o LFC (n=20). LFC foi obtido pelo método escada após 105 ciclos. Para todos os testes, os espécimes foram armazenados em água destilada a 37oC por 24h. Foi realizada a fractografia dos espécimes fraturados nas taxas 10-2 e 10-1 MPa/s da fadiga dinâmica e nos ensaios para determinação da RFI e LFC. Houve relação direta entre d50 e KIc (C0,5: 1,2±0,1b; C0,9: 1,3±0,1ab; C1,2: 1,3±0,1ab; C1,9: 1,4±0,2a, em MPa.m0,5). C0,5 (31,2±6,2a) e C1,9 (34,7±7,4a) apresentaram valores de n superiores a C0,9 (20,3±3,0b) e C1,2 (17,3±1,8b). C1,2 (166,42±0,01a) apresentou o maior valor de f0 (em MPa), seguido pelo C1,9 (159,82±0,02b), C0,9 (159,59±0,02c) e C0,5 (158,40±0,02d). Não houve diferença estatística entre os valores de m (6,6 a 10,6) e 0 (170,6 a 176,4 MPa) dos compósitos


As reduções na tensão de fratura para uma probabilidade de falha de 5% após 10 anos estimadas pelo diagramas SPT foram de aproximadamente 22% para C0,5 e C1,9 e 36% para C0,9 e C1,2. Não houve diferença estatística entre as médias de RFI (155,4 a 170,7 MPa). C0,5 (93,0±18,6a) apresentou o maior LFC (em MPa), seguido pelo C1,2 (91,8±11,1ab), C1,9 (87,2±3,0b) e C0,9 (82,5±8,0c). Defeitos sub-superficiais e superficiais foram as principais origens de fratura. A trinca se propagou pela matriz polimérica ao redor das partículas (deflexão de trinca) e todas as superfícies apresentaram características de fratura frágil. Como conclusão, compósitos com partículas maiores apresentaram maior KIC, enquanto que partículas menores contribuíram para um maior LFC. Compósitos com distribuição granulométrica mais ampla, independentemente do d50, apresentaram maior resistência ao SCG. Nos demais parâmetros e propriedades avaliados (m, 0 e RFI) não houve influência do tamanho das partículas


The aim of this study was to verify the influence of different filler sizes in the fracture toughness (KIc), subcritical crack growth (n e f0) and Weibull (m e 0) parameters, longevity estimated by the strength-probability-time (SPT) diagram and cyclic fatigue limit (CFL) of experimental resin composites. Four composites were prepared, each one containing 78 w% (59 vol%) of inorganic content, in which 67 w% were glass powder with different filler sizes (d50 = 0.5; 0.9; 1.2 e 1.9 µm) and 11 w% were pyrogenic silica. KIc data was obtained by the single-edge notched beam test and submitted to ANOVA/Tukey tests (p < 0.05). n and f0 were determined by the dynamic fatigue test (10-2 a 102 MPa/s) using a biaxial flexural device (12x1.2 mm; n=10). 20 specimens of each composite were tested at 100 MPa/s to determine Weibull parameters. SPT diagrams were constructed using the dynamic fatigue and Weibull data. For the cyclic fatigue test, a biaxial flexural device (12x1.2 mm) was used to obtain the initial flexural strength (IFS; n=14) and CFL (n=20). CFL was determined by staircase method after 105 cycles. For all tests, the specimens were stored in distilled water at 37oC for 24h. It was done the fractography of the fractured specimens that was subjected to the 10-2 e 10-1 MPa/s rates of the dynamic fatigue and to the IFS and CFL tests. There was a direct relation between d50 e KIc (C0.5: 1.2±0.1b; C0.9: 1.3±0.1ab; C1.2: 1.3±0.1ab; C1.9: 1.4±0,2a, in MPa.m0,5). C0.5 (31.2±6.2a) and C1.9 (34.7±7.4a) presented higher n values than C0.9 (20.3±3.0b) and C1.2 (17.3±1.8b). C1.2 (166.42±0.01a) showed the highest f0 value (in MPa), followed by C1.9 (159.82±0.02b), C0.9 (159.59±0.02c) and C0.5 (158.40±0.02d). There were no statistical differences among the m (6.6 to 10.6) and 0 (170.6 to 176.4 MPa) values of the composites


The reductions in fracture stress at 5% failure probability for a lifetime of 10 years estimated by the SPT diagrams were approximately 22% for C0.5 and C1.9 and 36% for C0.9 and C1.2. There were no statistical differences among the IFS means (155.4 to 170.7 MPa). C0.5 (93.0±18.6a) showed the highest CFL (in MPa), followed by C1.2 (91.8±11.1ab), C1.9 (87.2±3.0b) and C0.9 (82.5±8.0c). Near-surface and surface flaws were the main fracture origins. The crack propagated by the polymeric matrix around the fillers (crack deflection) and all the fracture surfaces showed brittle fracture features. As conclusion, composites with large fillers presented the highest KIC, while the small fillers contributed to increase the CFL. Composites with broader granulometric size distribution, regardless of d50, showed higher resistance to SCG. There was no influence of the composites filler sizes in the others parameters and properties evaluated (m, 0 and IFS)


Assuntos
Resinas Compostas , Materiais Dentários , Fadiga
20.
RPG rev. pos-grad ; 16(1): 26-32, jan.-mar. 2009. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-557475

RESUMO

Este estudo teve o propósito de investigar a resistência à flexão e o módulo de flexão de oito marcas comerciais de diferentes compósitos. Utilizou-se uma matriz pré-fabricada de teflon de 12 x 2 x 2 mm para a confecção dos espécimes. Confeccionaram-se 40 espécimes de 8 marcas comerciais de compósitos (n = 5): Grupo 1: Venus (Heraeus Kulzer), Grupo 2: EsthetX (Dentsply), Grupo 3: 4 Seasons (Vivadent), Grupo 4: Filtek Supreme (3M ESPE), Grupo 5: Opallis (FGM), Grupo 6: Charisma (Heraeus Kulzer), Grupo 7: Natural Look (DFL) e Grupo 8: Amaris (VOCO). Os espécimes foram armazenados em recipiente escuro (água destilada 37ºC) por 15 dias. Em seguida, foram submetidos ao ensaio de miniflexão na máquina de Ensaio Universal EMIC a uma velocidade de 0,75 mm/min para determinar o módulo de flexão e a resistência à flexão em 3 pontos. Os dados foram submetidos aos testes ANOVA e Tukey (95%). Houve diferença significativa entre os grupos (p < 0,01). Os valores médios em MPa (± desvio padrão) para a resistência à flexão obtidos foram: Natural Look: 87,03 (±10,20)a, 4 Seasons: 97,16 (±4,49)ab, Opallis: 98,39 (±5,08)ab, Amaris: 99,83 (±2,72)ab, EsthetX: 101,096 (±4,90)ab, Charisma: 102,984 (±5,02)b, Venus; 103,80 (±7,08)b, Filtek Supreme: 169,11 (±13,12)c. Os valores médios em GPa (±desvio padrão) para o módulo flexural foram: Natural Look: 8,46 (±0,37)a, 4 Seasons: 9,05 (±0,19)b, Opallis: 9,10 (±0,21)b, Amaris: 9,16 (±0,11)b, EsthetX: 9,16 (±0,20)b, Charisma: 9,29 (±0,21)b, Vênus: 9,33 (±0,30)b, Filtek Supreme: 12,05 (±0,55)c. O compósito Filtek Supreme apresentou valores de resistência e módulo flexural significativamente maiores do que todos os outros compósitos testados. O compósito Natural Look apresentou a menor média de resistência e módulo flexural dentre os materiais testados, sendo a diferença estatisticamente significativa.


Assuntos
Resinas Compostas , Fadiga , Estresse Mecânico , Análise de Variância , Nanopartículas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA