Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 3 de 3
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Bauru; s.n; 2002. 103 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-557729

RESUMO

Avaliou-se a resistência à corrosão pelos testes de perda em imersão alternada (solução-ar) e as consequentes alterações produzidas nas superficies dos três materiais restauradores (os amálgamas Dispersalloy e Tytin Plus, ambos de alto conteúdo de cobre, respectivamente do tipo fase dispersa e do tipo partícula única, assim como liga á base de gálio Galloy), não ou associados a dois sistemas adesivos (All-Bond 2 e PAAMA-2), observadas através da medição da rugosidade de superficie. Confeccionou-se dez corpos-de-prova, para cada condição específica, a partir de uma matriz metálica de aço inoxidável contendo cinco cavidades cilíndricas, com 10,7 mm de diâmetro por 3,0 mm de altura cada uma. Após o polimento, como é feito no caso de análises metalográficas, os espécimes foram pesados e levados ao rugosímetro para realizar as medições imediatamente. Estes foram submetidos à imersão alternada, na solução de sulfeto de sódio a 5%, por um período de 24 horas e novamente foi realizada a pesagem e obtidos os valores de perda de peso. Depois da pesagem, os corpos- de prova foram levados novamente ao rugosímetro para obtenção dos valores médios de rugosidade de superficie. Os resultados foram rgistrados e submetidos à análise de variânvcia, a dois criterios, e ao teste de contrastes de Tukey-Kramer. Dos resultados obtidos, concluiu-se que todos os espécimes perderam peso e tiveram sua rugosidade de superfície aumentada após a imersão em solução corrosiva, a liga Galloy mostrou valores maiores, tanto no método de perda como no de rugosidade de superfície, quando comparada aos dois amálgamas; a liga Tytin Plus alcançou os melhores resultados, houve diferença estatisticamente significante entre os materiais restauradores, mas não houve entre os sistemas adesivos utilizados, mostrando comportamentos diferentes dependendo da combinação desses fatores.


The resistance to the corrosion was evaluated through weight loss to an alternated immersion ( solution-air) and its consequent changes on the surface of three restoring materials (them amalgams Dispersalloy and Tytin Plus, both with high copper content, respectively dispersion phase and unique particle, as well as the alloy gallium base Galloy), associated or not to two adhesive systems (All-bond 2 and PAAMA-20, observed by measuring the surface roughness. Ten bodies-of-test were made, for each specific condition, in a metallic matrix of stainless steel with five cylindrical cavitie, measuring 10,7 mm in diameter and 3,0 mm thickness each one. After polishing, as in the metalographic analysis, the specimens were weighed and submitted to the rugosimeter to measuring initial. These were submitted to an alternated immersion in 5% sodium sulfide solution, for 24 hours and then the second weighting was performed and obtained the average values of weight loss. A second measure of the surface roughness was then peformed. The results were registered and submitted to the variance analysis, to two approaches, and to the test of contrasts of Tukey-Kramer. From the obtained results, it was concluded that all specimens lost weight and there was an increasing roughness surface after immersion in corrosive solution; Galloy showed higher values, both weight loss test and the roughness surface, compared to two amalgams; the alloy Tytin Plus obtained better resukts; there was significant statistical difference among the restoring materials, but not among adhesive systems, showing different behaviors according to arrangement of these factors.


Assuntos
Amálgama Dentário/química , Gálio/química , Restauração Dentária Permanente/métodos , Análise de Variância , Corrosão , Ligas Dentárias/química , Teste de Materiais , Oxidação , Sulfetos , Propriedades de Superfície , Sódio/química
2.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 42(5): 311-3, set.-out. 1988. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-70853

RESUMO

A avaliaçäo da emissäo de vapor de Hg, dos corpos de prova de amálgama, pela técnica do sulfeto de selênio, é possível graças a reaçäo destas substâncias, resultando num manchamento, devido a precipitaçäo do sulfeto de mercúrio. Verificamos que o exame visual é puramente subjetivo e procuramos entäo relacionar a proporçäo de Hg utilizado e a área do halo, através de equaçäo matemática, tornando o exame da mancha objetivo e, portanto, o método mais constante.


Assuntos
Amálgama Dentário , Mercúrio , Sulfetos , Ligas Dentárias
3.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 42(4): 256-9, jul.-ago. 1988. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-80499

RESUMO

Pela revista de literatura, verificamos a importância da quantidade de mercúrio, quer seja em relaçäo as propriedades mecânicas do amálgama, quer também em relaçäo a toxidez provocada pelo contato direto ou pela inalaçäo do vapor de mercúrio. Vários säo os métodos para sua detecçäo. Neste trabalho, utilizando a técnica do sulfeto de selênio, verificamos a concordância entre a avaliaçäo visual dos examinadores e concluímos ser este um método subjetivo e, portanto sujeito a influência do estado físico-emocional do indivíduo, explicando os diferentes resultados obtidos


Assuntos
Amálgama Dentário/metabolismo , Mercúrio/metabolismo , Sulfetos/metabolismo
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA