Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 45
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Dent. press endod ; 8(3): 14-23, set.-dez. 2018. tab, ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-948731

RESUMO

Introdução: a tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) é uma ferramenta auxiliar e complementar de diagnóstico muito presente na prática clínica odontológica; porém, as tecnologias nela envolvidas requerem conhecimento e treinamento do cirurgião-dentista. Objetivo: este artigo aborda os conceitos básicos que regem a TCFC, os artefatos de imagem que comprometem a qualidade do exame, além de elucidar as ferramentas básicas para manipulação das imagens. Métodos: foi realizada uma revisão por meio de busca na base de dados PubMed, que encontrou 19 artigos publicados de 2008 a 2016. Resultados: é apresentada uma maneira otimizada de avaliação de todo o volume da imagem, bem como as principais alterações encontradas em cada região. (AU)


Assuntos
Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Interpretação de Imagem Radiográfica Assistida por Computador , Tecnologia Radiológica , Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico
2.
Bauru; s.n; 2015. 81 p. ilus, tab.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-867246

RESUMO

O diagnóstico de cárie em estágio inicial é ainda um desafio, principalmente nas regiões oclusais de fóssulas e fissuras, que muitas vezes encontram- se pigmentadas gerando dúvida ao clínico quanto à necessidade de intervenção. O objetivo deste trabalho foi avaliar um método adicional clínico de diagnóstico de lesões cariosas de cicatrículas e fissuras através de imagens fotográficas. Este estudo foi realizado in vivo, em 18 indivíduos selecionados dentre os pacientes em atendimento odontológico nas clínicas de Dentística da FOB-USP e que possuiam molares permanentes com sulcos e fissuras pigmentados. Os dentes (n= 62) foram examinados clinicamente e através das imagens fotográficas digitais com aumento de 1:1 por 3 examinadores independentes que determinaram se o dente deveria receber intervenção terapêutica com preparo cavitário e restauração. Um estudo paralelo foi realizado in vitro, com o exame de 60 molares extraídos e fixados em um manequim odontológico, feito pelos mesmo examinadores da etapa in vivo e, também, pelo exame de fotografias digitais. O exame radiográfico digital foi realizado e, em seguida, os dentes foram seccionados em máquina de corte digital ISOMET® 1000, com disco diamantado dupla face Diamond Wafering Blade, perpendicularmente à superfície oclusal em cortes no sentido do sulco principal e novamente analisados pelos 3 avaliadores para a identificação da presença de lesão cariosa. Os dados foram avaliados pela estatística Kappa e pelo teste Qui-Quadrado (p<0,05). Os valores de Kappa interexaminador para as avaliações in vivo foram para análise visual: 0,65-0,55-0,53 e fotográfico: 0,79-0,89-0,89. Para as análises in vitro, os valores para o exame visual foram: 0,85-0,65-0,78 e fotográfico: 1- 0,86-0,86. Para a etapa in vitro o teste Qui-Quadrado demostrou que somente o exame clínico visual apresentou uma leve associação com as fatias (p= 0,036), porém para o exame fotográfico o valor de p foi de (p= 0,918)...


The diagnosis of caries in early stage is still a challenge, especially in pigmentesd pit and fissure surfaces of posterior teeth. The purpose of this study was to evaluate the use of digital photographic images as an additional method to diagnose caries lesion in early stages.This in vivo and in vitro study was realized by examining 62 molars of 18 patients of the Restorative Dentistry Clinic of FOB- USP. The teeth were examined by 3 independent examiners who determined wether the tooth should be or not submitted to a cavity preparation and restoration. The same teeth were photographed and the digital images with 1:1 increase size were blind examined by the same examiners.The decision of the need of intervention was confronted by the two methods. A parallel study "in vitro" was conducted with 60 extracted human molars fixed in a dental manikin for to use of a digital photographic image as a diagnostic additional method for pit and fissure lesions, a study. The same examiners analyzed the oclusal surface and the correspondent digital photographic images. The decision of the need of intervention was confronted by the 2 methods. The extracted teeth were then sectioned in an ISOMET® 1000 digital cutting machine, witch doublé diamond disc face Diamond Wafering Blade, perpendicular to the occlusal surface cuts and examined by the 3 examers to identifying the presence of carious lesions. Kappa intra and inter examiners were for in vivo visual analysis 0.65- 0.55- 0.53 and in vivo photographic analysis: 0.79 -0.89 - 0.89. For in vitro visual analyzes were: 0.85- 0.65- 0.78 and in vitro photographic analysys: 1-0.86- 0.86. Data were evaluated by chi-square test (p < 0.05) showed that only the visual clinical examination showed as light association with the cuts (p = 0.036) and for the photographic examination (p = 0.918). The decision made by the examiners of the need of intervention on the pit and fissure surfaces was confronted with the examination...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto Jovem , Adulto , Cárie Dentária/diagnóstico , Fissuras Dentárias/diagnóstico , Fotografia Dentária/métodos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador/métodos , Variações Dependentes do Observador , Radiografia Dentária Digital , Reprodutibilidade dos Testes
5.
Ortho Sci., Orthod. sci. pract ; 3(12): 320-324, 2010. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-576729

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi testar a hipótese nula de que imagens digitais, para fins ortodônticos, com diferentes resoluções (de 1 a 7 megapixel), possuem o mesmo padrão de qualidade. Foi selecionada uma imagem digital facial do perfil direito de uma paciente que possuía resolução de 7 megapixel (MP) e essa foi comprimida, em software, criando 5 novas imagens com resolução de 5, 4, 3, 2 e 1MP. Posteriormente, as imagens foram processadas para serem visualizadas em papel fotográfico e na tela do computador, e submetidas à avaliação de vinte profissionais, ortodontistas e alunos de pós-graduação em Ortodontia. Para cada imagem avaliada, os examinadores analisaram duas variáveis: (a) definição e nitidez e (b) nota geral, aferindo uma nota de zero a cinco. Os resultados mostraram que não foram constatadas diferenças significativas entre as resoluções utilizadas, independe do método de visualização empregado (p>0,78). Concluiu-se que imagens com baixas resoluções e, consequentemente, ocupando arquivos pequenos (em bytes), encontram-se dentro de padrões aplicáveis para serem utilizadas em Ortodontia.


The purpose of this study was to test the null hypothesis that digital images, for orthodontic purposes with different resolutions (1 to 7 megapixel) have the same quality pattern. One facial profile image was selected with 7 megapixel (MP) and was then compressed with a software to create five new images with different resolutions such as 5, 4, 3, 2 and 1MP. All images were processed to be displayed in photography paper and at a computer screen in order to be evaluated by twenty subjects, orthodontics and orthodontic pros and post-graduated professionals. For each image, judges analyzed two variables: (a) sharpness and definition and (b) general score, rating a score from zero to five. Results revealed no differences among the images studied regardless the displayed method used (p>0,78). It can be concluded that low resolutions images and thus with smaller file sizes (in bytes) indicate that the quality of those images are within the standards required for their application to clinical orthodontics.


Assuntos
Fotografia Dentária/métodos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador
8.
ImplantNews ; 5(6): 697-703, nov.-dez. 2008. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-523897

RESUMO

O tratamento reabilitador da maxila edêntula tem sido discutido de maneira intensa nas publicações científicas atuais, assim como tem sido tema de inúmeras apresentações em congressos específicos na área de Implantodontia nas diversas partes do mundo. Diferentes filosofias e possibilidades terapêuticas têm sido apresentadas, com variados graus de complexidade, morbidade, custos e evidência científica. Os procedimentos reabilitadores da maxila edêntula podem ser divididos em dois grandes grupos: as técnicas de ancoragem, onde podemos destacar os implantes inclinados e as fixações zigomáticas; e as técnicas reconstrutivas que englobam as diversas modalidades de enxerto ósseo. Este artigo tem como finalidade discutir a utilização de programas tridimensionais digitais como auxiliares no planejamento do tratamento reabilitador da maxila edêntula, otimizando as possibilidades clínicas do uso da ancoragem alveolar num número maior de pacientes.


Assuntos
Humanos , Implantação Dentária Endo-Óssea , Implantes Dentários , Planejamento de Prótese Dentária , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Tomografia Computadorizada por Raios X
9.
Rev. bras. odontol ; 65(1): 106-110, jan.-jun. 2008. ilus, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-541709

RESUMO

O objetivo neste trabalho foi avaliar a acurácia de medidas realizadas em imagens de tomografia computadorizada (TC) reconstruídas pelos softwares Dental Scan® e Dental Slice®. Foram utilizadas 16 mandíbulas humanas, das quais foram obtidas imagens axiais de TC, as quais foram reconstruídas pelos dois software avaliados. A altura e espessura óssea das regiões selecionadas foram realizadas e comparadas com os valores reais. Os valores obtidos foram avaliados estatisticamente pelo teste Anova verificando-se que tanto a altura como a espessura óssea mensuradas nas imagens reconstruídas pelo software Dental Scan® e Dental Slice® não apresentaram diferenças estatísticas quando comparados com os valores reais e entre os dois métodos (p>0.05). Concluimos que as mensurações ósseas nas imagens de TC reconstruídas pelos software são precisas e confiáveis.


Assuntos
Humanos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Software/normas , Tomografia Computadorizada por Raios X
10.
São José dos Campos; s.n; 2008. 89 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-642729

RESUMO

O objetivo neste trabalho foi comparar, por meio da técnica de subtração radiográfica digital (SRD), a qualidade do registro a posteriori de 2 programas de computador. Para isso foi utilizada amostra de 294 radiografias periapicais digitais diretas. Essa amostra foi obtida de estudo anterior, no qual foram radiografados 49 dentes de mandíbulas maceradas, das regiões de incisivos centrais, laterais, caninos e pré molares. Cada dente foi radiografado com 6 diferentes ângulos de projeção, sendo: 0° de ângulo horizontal com 0°, 10° e 20° de ângulo vertical, e 10° de ângulo horizontal com 0°, 10° e 20° de ângulo vertical. As imagens radiográficas foram inseridas nos programas EMAGO® e Regeemy para os registros. Em seguida as SRD foram realizadas no programa Image Tool versão 1.27. A qualidade do registro das imagens foi avaliada por meio dos valores do desvio-padrão (DP) dos níveis de cinza das imagens subtraídas, o (DP) dos níveis de cinza serve como parâmetro para determinar o ruído nas imagens subtraídas. Para isso foi utilizado o programa Adobe Photoshop versão 7.0. A comparação dos valores do ruído das imagens subtraídas (desvio-padrão dos níveis de cinza) foi realizada pelo teste t pareado com nível de significância de 5%. Pelos resultados, verificou-se diferença estatisticamente significantes entre os 2 programas para todas as variações de ângulos de projeção estudadas, com valores maiores no DP quando se utilizou o programa EMAGO®. Visto que as imagens registradas pelo programa Regeemy resultaram em imagens subtraídas com menor desvio padrão de tons de cinza, conclui-se que esse programa apresentou melhor performance no registros de imagens para a técnica de subtração.


The aim of this study was to compare the quality of image registration of two computer programs by means of digital subtraction radiography(DSR). The sample comprised 294 direct digital periapical radiographs.This sample was obtained from a previous study in which 49 mandibularteeth (central incisors, laterals incisors, cuspids and bicuspids), wereradiographed with 6 different x-ray beam angles: 0° horizontal with 0°, 10°and 20° vertical, and 10° horizontal with 0°, 10° and 20° vertical. The radiographs were registered with EMAGO and Regeemy. The registered images were subtracted from their respective reference images with Image Tool 1.27. The quality of the registered images was evaluated by the mean values of the standard deviation (SD) of gray levels on the subtracted images, using the histogram tool of Adobe Photoshop 7.0. Paired t-testwas adopted to compare the mean SD for the gray levels between Reegemy and Emago. The results demonstrated statistically significant differences on the quality of image registrations of the programs for allvariations of angle. Higher SD was found for the subtractions obtained with registered images of EMAGO®. The SD for gray levels is the usual parameter for evaluation of image noise on subtracted images. Sincelower SD was observed for the gray levels of subtractions obtained with registered images from Reegemy, we concluded that Regeemy achieved better performance on image registration for the subtraction techinique.


Assuntos
Humanos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Radiografia Dentária Digital , Técnica de Subtração
11.
Ciênc. odontol. bras ; 10(4): 61-69, out.-dez. 2007. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-500862

RESUMO

Verificou-se a densidade óptica de quatro resinas compostas disponíveis atualmente no mercado, bem como a composição desses materiais quanto à presença de elementos químicos responsáveis por sua densidade óptica. As resinas Z250 e Supreme (3M-ESPE), 4Seasons (Ivoclar Vivadent) e EsthetX (Dentsply), foram inseridas em orifícios existentes em 12 placas de acrílico divididas em espessuras de 2 e 4mm. Os incrementos de resina (2mm) foram fotopolimerizados por 40s. Realizaram-se 3 tomadas radiográficas de cada placa com o tempo de exposição de 0,12s. As imagens digitais foram obtidas através do sistema DenOptix. Foram realizadas 3 leituras de cada tomada radiográfica em cada resina no software VixWin, sendo calculada a média dos maiores e menores valores de densidade óptica (em pixels), totalizando 216 leituras. Confeccionaram-se 2 amostras de cada resina para análise dos elementos químicos em Microscopia Eletrônica de Varredura através de Espectroscopia por Dispersão de Energia (EDS). Os resultados foram submetidos ao teste de Shapiro-Wilk, à Análise de Variância, ao teste de Tukey a 1% e Correlação de Pearson. As médias de densidade óptica (pixels) em 2mm e 4mm, respectivamente, foram (valores seguidos de mesma letra não diferem estatisticamente entre si): Z250 = 171,17a e 199,58x; Supreme = 167,78a e 195,30w; 4Seasons =176,32b e 208,50y; EsthetX = 190,85c e 213,56z. Os maiores valores foram obtidos pela resina EsthetX, nas duas espessuras avaliadas. Com base nos resultados encontrados concluiu-se que não houve correlação entre os valores médios de densidade óptica das resinas testadas e o percentual em peso de elementos que lhe conferem esta característica.


Assuntos
Resinas Compostas , Materiais Dentários , Radiografia Dentária Digital , Interpretação de Imagem Assistida por Computador
13.
J. Health Sci. Inst ; 25(2): 165-172, abr.-jun. 2007. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873703

RESUMO

Introdução - O computador tornou-se uma necessidade no mundo em que vivemos, e o ensino representado pela universidade, na missão de preparar o aluno para a carreira profissional, sente a responsabilidade de não fechar os olhos para essa realidade. Atualmente, a presença da informática na didática de ensino representa novas configurações e metodologias para a condução do processo de ensino e aprendizado, bem como a difusão das diferentes formas de conhecimentos. No desenvolvimento da computação, a hipermídia retrata com fidelidade, som, texto, imagem e animação. Aplicados em sala de aula esses recursos caracterizam interatividade e interferência na seqüência de apresentações. Frente a esta nova temática, o presente estudo teve como objetivo a introdução de um CD-ROM como coadjuvante no estudo da Endodontia, especificamente a técnica endodôntica, a fim de verificar os benefícios da hipermídia dentro do contexto educacional. Material e Métodos - A hipermídia em formato de CD-ROM foi desenvolvida a partir da coleta de todo material endodôntico, bem como o tratamento das mídias com auxílio de softwares específicos. Possibilitando assim, a realização de um arquivo auto-executável quando inserido no drive do computador, permitindo uma navegação da hipermídia de forma não linear pelo usuário. Resultados- A avaliação do CD-ROM foi realizada com alunos da disciplina de Endodontia onde foi verificada a sua aplicabilidade. Conclusão - Os resultados estatísticos mostraram que o uso da hipermídia pode ser uma ferramenta motivadora no ensino da Endodontia


Assuntos
CD-ROM , Hipermídia , Instrução por Computador , Endodontia/educação , Faculdades de Odontologia , Interpretação de Imagem Assistida por Computador
15.
Ciênc. odontol. bras ; 9(4): 52-58, out.-dez. 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-462884

RESUMO

Para avaliar a influência da espessura e da posição relativa de materiais simuladores de tecidos moles na densidade óptica de radiografi as periapicais da região posterior da mandíbula, foram realizadas três radiografias padronizadas de peça anatômica antes e após a dissecação dos tecidos moles, da peça óssea com a interposição vestibular de músculo bovino (20mm), cera utilidade, resina acrílica autopolimerizável e parafi na nas espessuras de 20, 25 e 30mm e da peça óssea com interposição do mesmo material nas seguintes combinações: 5+15 e 10+10mm, sendo o primeiro número referente à espessura do simulador localizado por vestibular e o segundo por lingual. As radiografi as foram digitalizadas e então submetidas à análise da densidade óptica de uma área padronizada. As médias e desvios-padrão da densidade óptica de todos os grupos foram comparadas através da análise da variância, complementada pelo teste de Tukey (α=5%). O músculo bovino não reproduziu fielmente os efeitos dos tecidos moles da região posterior da mandíbula na densidade óptica da imagem radiográfica. Quando interposto somente por vestibular, o simulador que mais reproduziu a densidade óptica dos tecidos moles foi a cera, nas espessuras de 25 e 30mm. A posição do material simulador em relação à peça óssea interferiu na densidade óptica resultante. Quando interpostos por vestibular e lingual, o acrlílico em duas lâminas de 10mm de espessura, a parafina e a cera com lâminas de 5 mm por vestibular e 15mm por lingual foram as combinações que resultaram em densidade óptica que não diferiu significativamente daquela da peça com tecidos moles.


Assuntos
Humanos , Masculino , Bovinos , Densidade Óssea , Mandíbula , Radiografia Dentária , Cadáver , Interpretação de Imagem Assistida por Computador
16.
Periodontia ; 16(3): 5-11, set. 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-463287

RESUMO

Em instituições que não dispõem de câmara acoplada ao microscópio, buscam-se alternativas para análises histométricas. Com esse objetivo, compararam-se os resultados de dois métodos histométricos distintos em periodontite de ratos. Após anestesia, posicionou-se um fio de seda em volta do segundo molar superior direito, e aguardaram-se 60 dias para a eutanásia. As peças foram preparadas, coradas e montadas.A análise histométrica utilizada foi a distância entre a junção amelocementária na face mesial do segundo molar até a fibra periodontal inserida (Jac-F) e a crista óssea alveolar (Jac-O). Empregaram-se dois métodos de histometria, imagem digitalizada e retroprojetor de lâminas. A partir da obtenção dos dados, foram realizadas as médias dos grupos e comparadas. Os dados foram submetidos à análise estatística, utilizando o teste T para amostras independentes (p<0,05). Os resultados das médias para Jac-F foram 0,97 mm para imagem digitalizada e l, 13 mm para imagem do retroprojetor; já para Jac-O, foram 3,1 mm para imagem digitalizada e 2,8 mm para imagem do retroprojetor.Não se observaram diferenças significativas (p>0,05) entre os grupos, tanto para Jac-F como Jac-O. Conclui-se que as duas metodologias de avaliação histométrica podem fornecer similaridades nos resultados.


Assuntos
Animais , Ratos , Perda do Osso Alveolar , Diagnóstico por Imagem/métodos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Periodontite/induzido quimicamente , Processamento de Imagem Assistida por Computador/métodos , Técnicas Histológicas
17.
Periodontia ; 16(2): 65-70, jun. 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-510817

RESUMO

Foram utilizados para o presente estudo sete intermediários de titânio para cada grupo de marca comercial, analisados pela técnica de interferometria a laser, a qual é executada através de um perfilômetro a laser, marca UBM, modelo MICROFOCUS EXPERT IV. As leituras realizadas foram subdivididas em áreas planas e inclinadas, de acordo com a anatomia do componente. Os dados obtidos foram processados pelo software DIGITAL SURF MOUNTAIS MAP UNIVERSAL® - Versão 3.1.9, o qual gerou imagens tridimensionais para uma aná-lise qualitativa da topografia superficial. Além disso, foram considerados pelo presente estudo o total de quatro parâmetros de rugosidade para a análise quantitativa. De acordo com os resultados, observouse que os intermediários de titânio analisados não demonstraram uniformidade nas suas características topográficas superficiais quando comparadas as áreas inclinadas e planas de um mesmo componente, independente da marca comercial. Além disso, nenhum dos grupos obteve médias de rugosidade média (Sa) iguais ou inferiores aquelas presentes na literatura científica.


Assuntos
Próteses e Implantes , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Interferometria , Titânio
18.
Periodontia ; 16(02): 65-70, junho 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-853440

RESUMO

Foram utilizados para o presente estudo sete intermediários de titânio para cada grupo de marca comercial, analisados pela técnica de interferometria a laser, a qual é executada através de um perfilômetro a laser, marca UBM, modelo MICROFOCUS EXPERT IV. As leituras realizadas foram subdivididas em áreas planas e inclinadas, de acordo com a anatomia do componente. Os dados obtidos foram processados pelo software DIGITAL SURF MOUNTAIS MAP UNIVERSAL® - Versão 3.1.9, o qual gerou imagens tridimensionais para uma aná-lise qualitativa da topografia superficial. Além disso, foram considerados pelo presente estudo o total de quatro parâmetros de rugosidade para a análise quantitativa. De acordo com os resultados, observouse que os intermediários de titânio analisados não demonstraram uniformidade nas suas características topográficas superficiais quando comparadas as áreas inclinadas e planas de um mesmo componente, independente da marca comercial. Além disso, nenhum dos grupos obteve médias de rugosidade média (Sa) iguais ou inferiores aquelas presentes na literatura científica.


Assuntos
Próteses e Implantes , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Interferometria , Titânio
19.
RPG rev. pos-grad ; 12(4): 466-473, out.-dez. 2005. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-556103

RESUMO

O propósito deste estudo foi avaliar imagens de TC com seções de cortes axiais e coronais e determinar se o tipo de seção pode minimizar o problema dos artefatos metálicos dentários. Foram avaliados 72 exames de tomografia computadorizada (36 imagens axiais e 36 coronais) de 36 pacientes com diagnóstico histopatológico de neoplasias malignas do complexo buco-maxilo-facial com presença de artefatos dentários metálicos na maxila e/ou mandíbula. Esses pacientes foram submetidos à TC espiral. Dois examinadores com experiência prévia em TC analisaram as imagens independentemente, de forma randomizada, e interpretaram as lesões e os possíveis efeitos indesejáveis provocados pelas restaurações metálicas dentárias, estabelecendo graduações para cada imagem. Os resultados não mostraram diferenças significantes entre os cortes axiais e coronais para se chegar ao diagnóstico na presença de artefatos metálicos, assim como houve boa concordância entre os observadores. Concluiu-se que a presença dos artefatos metálicos dentários não foi considerada suficiente para impedir a localização de neoplasias do tecido mole. Não foi detectada uma interferência maior de artefatos dentários metálicos tanto nas imagens axiais como nas coronais com relação a interpretação das lesões. A imagem coronal apresentou uma maior interferência em comparação com a imagem axial.


Assuntos
Artefatos , Neoplasias Maxilares , Tomografia Computadorizada Espiral , Diagnóstico por Imagem/métodos , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Estudos de Avaliação como Assunto , Neoplasias de Tecidos Moles , Tomografia
20.
Rev. bras. patol. oral ; 4(1): 23-26, jan.-abr. 2005. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-415720

RESUMO

Osteomas são tumores osteoblásticos benignos, compostos de osso maduro, compacto ou medular. Possuem etiologia aparentemente desconhecida, apesar de existirem teorias para explicar sua aparição. São essencialmente restritos ao esqueleto craniofacial e raramente encontrados em outros ossos, sendo, geralmente, diagnosticados ao acaso durante tomadas radiográficas de rotina nessa região. Seu crescimento lento e com ausência de sintomatologia dolorosa dificulta ainda mais o diagnóstico precoce. Existem variações entre autores quanto à forma de abordagem e a técnica utilizada para intervenção, contudo, a indicação de tratamento é a remoção cirúrgica. Este trabalho tem como finalidade fazer uma breve revista de literatura e demonstrar algumas imagens de diversos osteomas


Assuntos
Humanos , Doenças Ósseas/etiologia , Doenças Ósseas/patologia , Doenças Ósseas , Neoplasias Ósseas/etiologia , Neoplasias Ósseas/patologia , Neoplasias Ósseas , Osteoma , Osteoma/etiologia , Osteoma , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Tomografia Computadorizada por Raios X
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA