Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 17 de 17
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
São Paulo; s.n; 2015. 59 p. ilus, tab. (BR).
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-868006

RESUMO

A intensa exposição ao Sol sujeita o lábio, principalmente o inferior, aos danos provocados pela absorção de radiação ultravioleta (UV). O carcinoma epidermoide é a neoplasia maligna que se desenvolve nos lábios após exposição crônica prolongada aos raios UV e acredita-se que todos os casos sejam precedidos pela desordem potencialmente maligna denominada queilite actínica. Ambas as lesões são causados pelos efeitos nocivos da radiação UV agindo diretamente sobre o DNA, por meio do fenômeno da fotocarcinogênese. Nesse processo, a radiação provoca mutações que são capazes de causar a iniciação, progressão e a promoção de neoplasias. No entanto, é também importante considerar que outros eventos moleculares, além das mutações, estão envolvidos na iniciação e progressão do câncer. Alterações moleculares com ganho ou perda de função de componentes da via de sinalização Notch estão envolvidas em diferentes tipos de cânceres hematológicos e sólidos. Entretanto, a participação da sinalização Notch em câncer de lábio ainda é desconhecida.


Assim, o objetivo desse trabalho foi investigar se a via Notch está relacionada às lesões de queilite actínica e de carcinoma epidermoide de lábio e sua participação na fotocarcinogênese bucal. Para isso, foram utilizados 45 casos de queilite actínica, 15 casos de carcinoma epidermoide de lábio e 05 casos de lábio com aspecto de normalidade, nos quais foi analisada a expressão de Notch1 e Jagged1 por meio da técnica de imuno-histoquímica. Os resultados demonstraram que houve perda da expressão de Notch1 em 40% dos carcinomas epidermoides de lábio, sugerindo que a expressão reduzida de Notch1 pode converter os queratinócitos a um estado ativado e imaturo. Observou-se ainda, diferença nos padrões de marcação de Nocth1 e Jagged1 nas células epiteliais sugerindo que o sinal da via Notch seja transmitido a partir de uma célula apical para uma célula basal devido a localização das células que expressam o receptor e das que expressam o ligante. Concluiu-se, assim, que os resultados imuno-histoquímicos não apontam a uma regulação diferencial da expressão da proteína Notch1 e Jagged1 em lesões UV induzidas.


The intense exposure to the sun subject the lips, particularly the lower, the damage caused by the absorption of ultraviolet (UV) radiation. The squamous cell carcinoma is a malignant tumor that develops on the lips after prolonged chronic exposure to UV rays and it is believed that all cases are preceded by potentially malignant disorder called actinic cheilitis. Both lesions are caused by the harmful effects of UV radiation acting directly on the DNA, through the phenomenon of photocarcinogenesis. In this process, the radiation causes mutations that are capable of causing the initiation, progression and promotion of cancer. However, it is also important to consider that other molecular events, apart from the mutations are involved in the initiation and progression of cancer. Molecular abnormalities with gain or loss of Notch pathway components function are involved in several types of hematological and solid cancer. However,


the participation of Notch signaling in lip cancer is still unknown. The objective of this study was to investigate whether the Notch pathway is related to injuries actinic cheilitis and squamous cell carcinoma of the lip and participation in oral photocarcinogenesis. For this, were used 45 cases of actinic cheilitis, 15 cases of squamous cell carcinoma of the lip and lip 05 cases with normal aspect in which we analyzed the expression of Notch1 and Jagged1 by immunohistochemistry. The results showed loss of Notch1 expression in 40% of squamous cell carcinomas of the lip, suggesting that reduced expression of Notch1 can convert to an activated keratinocytes and immature state. There was also a difference in labeling patterns of Notch 1 and Jagged1 epithelial cells suggesting that the Notch pathway signal is transmitted from an apical cell to a basal cell due to localization of cells expressing the receptor and expressing the ligand. In summary, the immunohistochemical results do not show a differential regulation of Notch 1 and Jagged1 expression in UV induced lesions.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Imuno-Histoquímica/classificação , Imuno-Histoquímica/métodos , Neoplasias Labiais/complicações , Neoplasias Labiais/diagnóstico , Neoplasias Labiais/metabolismo , Neoplasias Labiais/mortalidade , Neoplasias Labiais/prevenção & controle , Raios Ultravioleta/classificação , Raios Ultravioleta/efeitos adversos
2.
Rev. odontol. UNESP (Online) ; 40(1): 1-5, jan.-fev. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-874846

RESUMO

Nanotecnologia, ciência do minúsculo, gera produtos capazes de manipular átomos e moléculas com aplicação no processo de esterilização de instrumentais odontológicos. Objetivo: Avaliar a ação autolimpante e esterilizante do processo de fotocatálise heterogênea desencadeado pela ação da luz UV e branca sobre o recobrimento de instrumentos odontológicos com nanopartículas de TiO2 e Ag. Material e método: Foram realizados testes bacteriológicos em espátulas odontológicas revestidas com nanopartículas de TiO2 e Ag (uma ou três camadas) e contaminadas com 10 mcrl dos microrganismos Enterococcus faecalis e Pseudomonas aeruginosa. Após contaminação, as espátulasforam expostas à luz UV e branca por 120 minutos, transferidas para tubos contendo meio BHI e incubadas a 35-37 °C. Foram feitas leituras em intervalos de 24, 48, 72 e 96 horas para verificação do crescimento das bactérias e testes de controle e recuperação. Resultado: A Pseudomonas aeruginosa foi inativada após exposição de 120 minutos à luz UV, indicando a ocorrência do processo de fotocatálise heterogênea no recobrimento de nanopartículas de TiO2 e Ag das espátulas. A Pseudomonas aeruginosa não foi inativada pela exposição à luz branca e o Enterococcus faecalis não foi inativado pela exposição à luz UV e à branca nas espátulas de cimento odontológico recobertas com nanopartículas de TiO2 e Ag, nas leituras de até 96 horas, ocorrendo o crescimento bacteriano. Conclusão: Não houve influência do revestimento das espátulas com uma ou três camadas de nanopartículas de TiO2 e Agnos resultados. A fotocatálise heterogênea da Pseudomonas aeruginosa foi confirmada pela exposição à luz UV da espátula com revestimento de TiO2 e Ag, mas não pela luz branca. A fotocatálise heterogênea do Enterococcus fecalis não foi confirmada tanto pela exposição do TiO2 e Ag à luz UV como à branca.


Nanotechnology, the science of minuscule, has developed products which are able t o manipulate atoms and molecules that could be applied in the sterilization process of dental instruments. Objetives: The objective of the present study was to evaluate the self-cleaning action of TiO2 and Ag nanoparticles coating on dental instruments by the photocataliys process under UV and visible light irradiation. Material and method: Microbiologic tests were done using dental cement spatulas coated with TiO2 and Ag nanoparticles (one or three layers), and contaminated with 10 mcrl of Pseudomonas aeruginosa and Enterococcus faecalis, respectively. After contamination, they were exposed to ultraviolet light and visible light for 120 minutes. Next, they were transferred to and stored in test tubeswith BHI (Brain Heart Infusion) and incubated in 35 to 37 °C. Checking times for bacterial growth and for control and retrieval tests were done at: 24, 48, 72 and 96 hours. Result: The Pseudomonas aeruginosa was inactive after120 minutes of ultraviolet light irradiation, thus confirming the heterogeneous photocatalytic activity of TiO2 and Ag. The Pseudomonas aeruginosa was not inactivated under visible light irradiation and the Enterococcus faecalis was not inactivated under UV and visible light irradiation of the dental cement spatulas coated with TiO2 and Agnanoparticles in the readings to 96 hours, showing bacterial growth. Conclusion: There were no influence of one or three layers of TiO2 and Ag nanoparticles coating of the spatulas in the results. The heterogeneous photocatalysis activity of TiO2 and Ag under UV light irradiation was confirmed for Pseudomonas aeruginosa but not under visible light. Enterococcus faecalis did not confirmed the photocatalytics activity of TiO2 and Ag under UV light irradiation and visible lights irradiation.


Assuntos
Enterococcus faecalis , Esterilização , Instrumentos Odontológicos , Nanopartículas , Nanotecnologia , Pseudomonas aeruginosa , Raios Ultravioleta
3.
Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr ; 10(3): 499-504, set.-dez. 2010. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-874863

RESUMO

Introdução: Durante as últimas três décadas ocorreu um aumento na epidemia de tumores cutâneos e carcinoma basocelular. Além de medidas preventivas através de educação e promoção de nesta área, a detecção precoce dos tumores por profissionais adequadamente treinados é uma condição sine qua non. Como etapa final, o tratamento cirúrgico dos tumores cutâneos e carcinoma basocelular é a parte mais delicada do processo. Adequados conhecimentos e habilidades em técnicas cirúrgicas de reconstrução dará melhores chances para o tratamento e resultados estéticos e funcionais adequados.Objetivo: Demonstrar que os tumores cutâneos são um problema de saúde pública e mostrar sua complexidade através de fatores etiológicos, o comportamento biológico do tumor por meio de interações com o hospedeiro, morfológica básica e tipos patológicos dos tumores, diagnóstico e tratamento cirúrgico. Na cirurgia de carcinoma basocelular da base alar são usados e diferentes tipos de retalhos, anatomia básica da região alar e base alar e nariz com atenção à fisiologia da região. A despeito das diferentes técnicas reconstrutivas descritas neste trabalho, o retalho bilobado foi discutido para o tratamento do carcinoma basocelular da base alar.Conclusão: Os melhores resultados estéticos e funcionais podem ser obtidos com retalho bilobado na região do nariz, especialmente a parte apical. Mas a sua aplicação em defeitos na região de base alar é incomum e decorre de limitações específicas


Introduction: During the last three decades almost epidemic spread of cutaneous tumors and basocelular carcinoma occurred. Apart from preventive measures trough health education and health promotion in this area, early detection of the tumors by the adequately trained professionals is the conditio sine qua non. As a final step, surgical treatment of the cutaneous tumors and basocelular carcinoma is the most delicate part of the process. Adequate knowledge and skills in reconstructive surgical techniques will give the best chances for treatment and adequate aestetic and functional result.Objective: To point that cutaneous tumors is a public health problem, and to show it’s complexity trough etiologic factors, biologic behaviour of the tumor host interactions, basic morphologic and pathologic types of the tumors, diagnosis and surgical treatment. In surgery of basocelular carcinoma of the allar and allar base it is stress out biomechanics and geometry of different types of the flaps, basic anatomy of the allar and allar base region and nose with accent on the physiology of this region. Apart from different reconstructive techniques described in this paper bilobed flap was discussed for the treatment of the basocelular carcinoma of allar and allar base.Conclusion: The best esthetic and functional results can be achieved with bilobed flap in the region of the nose especially apical part. But it’s application in the region of the allar and allar base defects is unusual and emerged from specific limiting circumstances


Assuntos
Carcinoma Basocelular/cirurgia , Neoplasias Faciais/patologia , Retalhos Cirúrgicos/cirurgia , Estética Dentária , Ligante RANK/imunologia , Raios Ultravioleta/efeitos adversos
4.
Braz. j. oral sci ; 9(3): 393-397, July-Sept. 2010. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-578062

RESUMO

Aim: To evaluate the effect of photochemical activation of hydrogen peroxide (H2O2) bleaching gel with different wavelengths. Methods: In the study, 80 bovine incisors were used, which were stained in 25% soluble coffee and divided in 4 groups. The initial color was measured with the Easy Shade spectrophotometer by CIE Lab. An experimental 35% H2O2 bleaching gel was used,either with or without the presence of titanium dioxide (TiO2) pigment, associated with two light sources: G1 - Transparent Gel (TG) and no activation; G2 - Gel with TiO2 and activation with blue LED (l=470nm)laser (Easy Bleach) appliance; G3 - Gel with TiO2 and activation with ultraviolet(l=345nm - UV); G4 - TG and activation with UV. Three applications of the gels were made for 10min, and in each, 3 activations of 3 min, with interval of 30 s between them. The coloration was evaluated again and the variation in color perception (DE) was calculated. The data were submitted to one-way ANOVA and Tukey’s test at 5% significance level. Results: There were significant differences between G1 and G4. The greatest “E value was observed in G4 (13.37).There was no statistically significant difference (p>0.05) between the groups 2, 3 and 4.Conclusions: The presence of TiO2 particules in the bleaching gel did not interfere at the bleaching results.


Assuntos
Bovinos , Corantes/química , Peróxido de Hidrogênio/efeitos da radiação , Técnicas In Vitro , Titânio/química , Clareamento Dental/métodos , Análise de Variância , Cor , Processos Fotoquímicos , Raios Ultravioleta
5.
Rev. odonto ciênc ; 24(3)July-Sept. 2009. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-531628

RESUMO

Purpose: Ultraviolet radiation is the main etiological agent associated with the development of actinic cheilitis, a premalignant irreversible disease that frequently affects the vermilion border of the lower lip. This paper aimed to describe the case of a patient with actinic cheilitis and treated with scalpel vermilionectomy. Case Description: A male, Caucasian, 66 year-old subject sought dental treatment complaining of "wounds on the lip that not heal" for approximately 15 years. The patient reported that he had worked in farms since the age of 5 year-old and was a frequent user of alcohol and tobacco. Atrophic and erosive areas associated with many ulcers covered with eschars were observed throughout the length of the lip. Based on the patient history and clinical exam, scalpel vermilionectomy was proposed. The histopathological analysis revealed a superficially invasive squamous cell carcinoma with free borders. The patient was monitored for two years with no relapse. Conclusion: Scapel vermilionectomy was chose to treat this case due to its low cost, relatively short time for repair, and possibility of histopathological analysis of the removed tissue.


Objetivo: A radiação ultravioleta é o principal agente etiológico associado ao desenvolvimento da queilite actínica, uma lesão pré-maligna que afeta o lábio inferior. Este trabalho descreveu o caso clínico de um paciente que apresentava várias ulcerações recobertas por crosta no lábio inferior e foi tratado pela técnica da vermelhectomia. Descrição do caso: Um sujeito do sexo masculino, Caucasiano, de 66 anos de idade, procurou tratamento odontológico com queixa de "feridas no lábio que não cicatrizavam" por 15 anos. O paciente relatou que tinha trabalhado em fazendas desde os 5 anos de idade e fazia uso frequente de tabaco e álcool. Áreas erosivas e atróficas associadas a múltiplas úlceras cobertas com escaras foram observadas em todo o lábio. Com base na história do paciente e exame clínico, foi proposto tratamento por vermelhectomia. O diagnóstico histopatológico foi de carcinoma espinocelular superficialmente invasivo, com margens livres, e o paciente foi acompanhado por um período de 2 anos sem recidiva. Conclusão: A técnica da vermelhectomia foi a escolha preferencial de tratamento por ser de baixo custo, ter um tempo cicatricial relativamente curto e, especialmente, permitir que o tecido removido possa ser examinado histopatologicamente.


Assuntos
Humanos , Masculino , Idoso , Transtornos de Fotossensibilidade , Queilite/terapia , Raios Ultravioleta
6.
Rev. odonto ciênc ; 24(3): 319-322, July-Sept. 2009. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873861

RESUMO

Purpose: Ultraviolet radiation is the main etiological agent associated with the development of actinic cheilitis, a premalignant irreversible disease that frequently affects the vermilion border of the lower lip. This paper aimed to describe the case of a patient with actinic cheilitis and treated with scalpel vermilionectomy. Case Description: A male, Caucasian, 66 year-old subject sought dental treatment complaining of "wounds on the lip that not heal" for approximately 15 years. The patient reported that he had worked in farms since the age of 5 year-old and was a frequent user of alcohol and tobacco. Atrophic and erosive areas associated with many ulcers covered with eschars were observed throughout the length of the lip. Based on the patient history and clinical exam, scalpel vermilionectomy was proposed. The histopathological analysis revealed a superficially invasive squamous cell carcinoma with free borders. The patient was monitored for two years with no relapse. Conclusion: Scapel vermilionectomy was chose to treat this case due to its low cost, relatively short time for repair, and possibility of histopathological analysis of the removed tissue.


Objetivo: A radiação ultravioleta é o principal agente etiológico associado ao desenvolvimento da queilite actínica, uma lesão pré-maligna que afeta o lábio inferior. Este trabalho descreveu o caso clínico de um paciente que apresentava várias ulcerações recobertas por crosta no lábio inferior e foi tratado pela técnica da vermelhectomia. Descrição do caso: Um sujeito do sexo masculino, Caucasiano, de 66 anos de idade, procurou tratamento odontológico com queixa de "feridas no lábio que não cicatrizavam" por 15 anos. O paciente relatou que tinha trabalhado em fazendas desde os 5 anos de idade e fazia uso frequente de tabaco e álcool. Áreas erosivas e atróficas associadas a múltiplas úlceras cobertas com escaras foram observadas em todo o lábio. Com base na história do paciente e exame clínico, foi proposto tratamento por vermelhectomia. O diagnóstico histopatológico foi de carcinoma espinocelular superficialmente invasivo, com margens livres, e o paciente foi acompanhado por um período de 2 anos sem recidiva. Conclusão: A técnica da vermelhectomia foi a escolha preferencial de tratamento por ser de baixo custo, ter um tempo cicatricial relativamente curto e, especialmente, permitir que o tecido removido possa ser examinado histopatologicamente.


Assuntos
Humanos , Masculino , Idoso , Transtornos de Fotossensibilidade , Queilite/terapia , Raios Ultravioleta
7.
Araraquara; s.n; 2008. 86 p. ilus.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-865430

RESUMO

A nova fronteira científica - a nanotecnologia - permite a fabricação de produtos com características diferenciadas pela modificação das propriedades dos materiais no nível atômico, manipulando átomos e moléculas com aplicação no processo de esterilização de instrumentos odontológicos. O objetivo deste estudo foi realizar uma avaliação da ação autolimpante e esterilizante do recobrimento de instrumentos odontológicos com nanopartículas de dióxido de titânio (TiO2) e prata Ag desencadeada pelo processo de fotocatálise heterogênea por ação da luz ultravioleta e da luz branca. Testes bacteriológicos foram realizados com espátulas de manipulação de cimento odontológico contaminadas com 10 mcrl para cada microrganismo, Enterococcus faecalis e Pseudomona aeruginosa, e após expostas a luz branca e a luz ultravioleta. A Pseudomona aeruginosa foi inativada após exposição de 120 minutos à luz UV, indicando a ocorrência do processo de fotocatálise heterogênea no recobrimento com nanopartículas de TiO2 e Ag, e não foi inativada pela exposição à luz branca, com a ocorrência de crescimento bacteriano. O Enterococcus faecalis não foi inativado pela exposição à luz UV e à branca. Os testes realizados com Staphylococus aureus, Bacilo Subtilis e com Escherichia coli foram positivos para o crescimento das bactérias, independente do tempo de exposição à luz UV (15, 30 e 60 minutos). Os testes realizados com Micrococcus luteus foram negativos para o crescimento das bactérias independente do tempo de exposição à luz UV (15, 30 e 60 minutos). O processo de fotocatálise é uma tecnologia alternativa que envolve a geração de radicais hidroxilas altamente oxidantes, que podem reagir com grandes variedades de compostos orgânicos, constituindo uma tecnologia limpa e promissora.


This novel scientific development – nanotchenology – has contributed to the creation of products with unique features through the modification on the properties of the materials in relation to their atomic level by manipulating atoms and molecules to be used in the process of dental instruments sterilization. . The objective of this study is to evaluate the self-cleaning action of TiO2 and Ag nanoparticles coating by the photocatalysis process under UV and visible light irradiation. Microbiologic tests were done using dental cement spatulas contaminated with 10 mcrl Pseudomonas aeruginosa and Enterococcus faecalis and exposed to UV and visible light irradiation for 120 min, respectively. Pseudomonas aeruginosa proved inactive under 120 min UV light irradiation time, thus confirming the photocatalytic activity of TiO2 and Ag, which was not confirmed under visible light irradiation. Enterococcus faecalis did not confirm the photocatalytic activity of TiO2 and Ag under UV and visible light irradiation. Tests done with Stafilococcus aureus, Bacillus subtilis and Escherichia coli did not confirm the photocatalytic activity regardless the UV light irradiation time (15, 30 and 60 minutes); however, tests done with Micrococcus luteus confirmed the photocatalytic activity regardless the light irradiation time (15, 30 and 60 minutes). The photocatalysis process is an alternative technology which generates highly oxidizing hydroxyl radicals that react with a wide variety of organic compounds, thus developing a clean and promising technology.


Assuntos
Bactérias , Nanopartículas , Prata , Esterilização , Raios Ultravioleta
8.
Rev. odonto ciênc ; 21(51): 37-42, jan.-mar. 2006. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-495254

RESUMO

São várias as alterações provocadas pela exposição labial continuada e desprotegidas à radiação ultravioleta, com destaque para a Queilite Actínica e o Carcinoma Epidermóide. O objetivo desta pesquisa foi levantar a prevalência de alterações labiais relacionadas à exposição crônica ao sol e estudar a sua relação com outros possíveis fatores etiológicos numa população de pescadores de Florianópolis/SC bem como os dispositivos e métodos de prevenção regularmente utilizados. De uma população de aproximadamente 4000 pescadores filiados a Federação de Pescadores do Estado de Santa Catarina, foram examinados 111 pescadores de 08 comunidades pesqueiras de Florianópolis, no período compreendido entre agosto de 2002 e março de 2003. Todos os participantes voluntßrios da amostra foram entrevistados e examinados em sedes ou associações das colônias de pescadores incluídas na amostra. As alterações labiais diagnosticadas no exame clínico foram registradas em ficha clínica própria. Dentre as patologias labiais diagnosticadas, destacaram-se 48 casos de queilite actínica, 2 casos de queilite actínica aguda, 3 de leucoplasia, 4 de hiperceratose e 4 suspeitas de Carcinoma Epidermóide. Foram realizadas 22 palestras educativas e distribuídos mais de 350 folhetos com orientações bßsicas sobre prevenção do câncer de boca; 16 pacientes foram encaminhados para o atendimento especializado no Ambulatório de Estomatologia do Hospital Universitßrio. O diagnóstico precoce de alterações labiais em pescadores, bem como a conscientização destes sobre os prejuízos da radiação ultra-violeta são fundamentais pelo fato dos mesmos pertencerem a uma população de risco ao desenvolvimento de lesões cancerizáveis e câncer de lábio.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso de 80 Anos ou mais , Carcinoma de Células Escamosas/epidemiologia , Carcinoma de Células Escamosas/etiologia , Carcinoma de Células Escamosas/prevenção & controle , Neoplasias Bucais/epidemiologia , Neoplasias Bucais/etiologia , Neoplasias Bucais/prevenção & controle , Queilite/epidemiologia , Queilite/etiologia , Queilite/prevenção & controle , Raios Ultravioleta/efeitos adversos , Inquéritos e Questionários
9.
São José dos Campos; s.n; 2004. 103 p. ilus, graf.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-865771

RESUMO

Uma desordem inflamatória crônica do lábio, decorrente da ação dos raios solares, é a entidade clínica conhecida internacionalmente por queilite actínica. Esta afecção acomete quase que exclusivamente pessoas brancas que têm atividades em ambientes externos ou que despendem muito tempo no sol. Devido à sua progressão lenta, o paciente relaciona o processo como uma decorrência do envelhecimento, ignorando sua natureza evolutiva e cancerizável, e, portanto, possibilitando sua transformação maligna. A QA é mais comum na forma crônica. No entanto, episódios agudos e subagudos podem acometer o indivíduo desencadeando uma reação inflamatória, caracterizada por edema, ulceração, sangramento e dor. O objetivo deste trabalho foi avaliar o perfil clínico do paciente portador de QA, assim como avaliar os fatores etiológicos envolvidos e comparar histologicamente áreas atróficas e não atróficas quanto à espessura de queratina, considerando: alterações do epitélio de revestimento (atrofia, hiperplasia e acantose), graus de atipias e o comportamento do tecido conjuntivo. Também foi avaliado o grau de acordo interexaminadores. Foram investigados 48 casos de QA. Dentre os aspectos clínicos presentes a alteração da linha de transição da semimucosa dos lábios com a pele se destacou por estar presente em 44 pacientes (91,67%). No nível do tecido conjuntivo, a presença de elastose solar foi notada em 100% dos casos associada a intensidades variadas de infiltrado inflamatório e vasodilatação. A presença de displasia epitelial também foi vista em quase todos os casos, a exceção de um. O grau de acordo interexaminadores através do teste Kappa variou de substancial a perfeito. ...


A chronic inflammatory disorder of the lip, due to long-lasting solar ultra violet exposure, is worldly known as actinic cheilits (AC). This affection is present preponderantly in fairskinned people who have outdoor occupations or activities under prolonged exposure tosunlight. Due to its slow progression, the patient attributes his condition to the ageing process, ignoring its evolutive nature, permitting its malignant transformation. Actinic cheilitis is commonly seen in its chronic form. Nevertheless, acute and sub acuteepisodes may appear, triggering an inflammatory reaction, characterized by edema, ulceration, bleeding and pain. The scope of this study was to evaluate the patient clinical profile and the aetiologic factors involved, to compare histologically atrophic and nonatrophicareas, keratin covering thickness, epithelial changes (atrophy, hyperplasia and acanthosis), degrees of atipia, connective tissue behavior, and inter-observers agreement, as well. Forty eigth cases were studied. Among the clinical features presented, the loss of vermilion-skin demarcation was highlighted in 44 patients (91,67%). In the connective tissue, elastose was found in 100% of the patients with varied degrees of inflammatory infiltrate and vessel dilatation. The presence of dysplasia was also seen in the whole sample, but one. The interobservers agreement degree by Kappa varied from substantial to perfect. We conclude that all AC lesions had multicentric aspect; the actinic radiation had important role in the aetiology of (AC) and habits likeusing tobacco and alcohol, although without scientific comprovation, seem to participate in the development of this condition; non-atrophic areas showed high index of significance (p > 0.01) regarding to the loss of polarity the basal cells when compared to atrophic ones; and solar elastose, inflammatory infiltrate and vessel dilatation frequentlyobserved, although with varied intensity and aspects


Assuntos
Humanos , Queilite , Patologia Bucal , Raios Ultravioleta/efeitos adversos
10.
São José dos Campos; s.n; 2002. 99 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-642740

RESUMO

A pintura da íris em prótese ocular quando mal executada pode resultar em falhas de reprodução que comprometem a estética. O objetivo deste trabalho foi avaliar a estabilidade de cor das tintas utilizadas em pintura de íris. Para o estudo, 150 discos foram confeccionados em resina acrílica fisicamente ativada por temperatura sendo que a metade teve o acréscimo de um filtro bloqueador de radiação ultravioleta. Foram confeccionadas cinco réplicas para cada cor, tinta e resina a serem analisadas: óleo e automotivas à base de laca nitrocelulose e poliéster nas cores preta, marrom, azul, vermelha e branca, perfazendo um total de 150 corpos-de-prova (CP). Cada CP foi constituído de um disco incolor pintado e um disco igual sendo da coloração da esclera. Os discos foram unidos por meio de resina acrílica quimicamente ativada. Os CP foram submetidos a uma câmara de envelhecimento acelerado com condensação. A leitura das alterações foi realizada por um espectrofotômetro de reflexão, sendo compatível com os resultados visualizados. As três tintas avaliadas apresentaram comportamentos estatisticamente diferentes frente ao envelhecimento acelerado. Quanto aos cinco tipos de pigmento avaliados nas tintas, pode-se afirmar que todos sofreram uma alteração de cor significante em aspectos semelhantes, sendo que os pigmentos preto e marrom apresentaram melhor estabilidade frente aos efeitos de degradação da luz ultravioleta S, do que o vermelho e azul que foram semelhantes entre si. O pigmento branco foi o menos resistente. Os CP com filtro ultravioleta apresentaram melhor estabilidade cromática.


Assuntos
Resinas Acrílicas , Olho Artificial , Iris , Cor de Olho , Raios Ultravioleta
11.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 55(3): 200-3, maio-jun. 2001. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-296667

RESUMO

A queilite actínica é uma alteraçäo dos lábios causada pela exposiçäo crônica aos raios solares ultravioleta. É comum em indivíduos idosos de pele clara e que mantêm hábitos ocupacionais ou de lazer ao ar livre, expondo-se à radiaçäo actínica. Este trabalho comenta as características clínicas e a relaçäo com os achados microscópicos, assim como o diagnóstico e as formas de tratamento da queilite actínica. É ressaltada importância de sua detecçäo precoce, da instituiçäo de medidas preventivas e do controle clínico dos pacientes, visando evitar o desenvolvimento de câncer de lábio


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Carcinoma de Células Escamosas , Queilite/etiologia , Lábio/patologia , Raios Ultravioleta/efeitos adversos , Queilite/diagnóstico , Queilite/prevenção & controle
13.
RPG rev. pos-grad ; 3(2): 123-6, abr.-jun. 1996. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-197586

RESUMO

O xeroderma pigmentoso é uma doença causada por um defeito genético que se caracteriza pela perda da capacidade em corrigir defeitos estruturais provocados pelas radiaçöes ultravioletas, que pode levar ao desenvolvimento de câncer cutâneo, alteraçöes oftálmicas, anormalidades neurológicas em idade precoce, além de uma maior freqüência de câncer bucal. Näo há terapêutica específica para a doença, atuando-se principalmente nos aspectos preventivos através da proteçäo contra a luz solar, auto-exame periódico de pele e boca, avaliaçäo clínica com o dermatologista e o estomatologista a cada três meses e tratamento precoce das neoplasias malignas. No caso clínico por nós apresentado, a paciente já era portadora de carcinoma basocelular na face e, no momento atual, notam-se pele senil, lesäo ulcerada na regiäo malar direita e várias lesöes pigmentadas. A semimucosa do lábio inferior apresenta ligeira descamaçäo e lesäo pigmentada, enquanto a mucosa bucal mostra-se com aspecto de normalidade


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Neoplasias Cutâneas , Raios Ultravioleta , Xeroderma Pigmentoso/genética , Carcinoma Basocelular/diagnóstico , Queilite
14.
Rev. bras. odontol ; 51(6): 26-31, nov.-dez. 1994. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-159960

RESUMO

Alicates ortodônticos especificamente contaminados por 3 culturas de microrganismos, foram submetidos à irradiaçäo ultravioleta (U.V.) como teste de controle microbiológico de um aparelho comercialmente lançado como esterilizador. A experiência constou de uma avaliaçäo biológica, na qual os instrumentos previamente contaminados foram colocados em cinco locais selecionados do aparelho submetidos à irradiaçäo U.V. dentro das normas preconizadas pelo fabricante. Foi avaliada a sensibilidade dos microrganismos à açäo da irradiaçäo direta e refletida. Em seguida, através de um dosímetro mediu-se a quantidade de radiaçäo alcançada nos mesmos locais, também de forma direta e refletida. Os resultados evidenciaram näo só uma näo-padronizaçäo da irradiaçäo pelo tempo preconizado. Concluímos que o sistema estudado de irradiaçäo pelo U.V. näo é um método de controle microbiológico confiável


Assuntos
Instrumentos Odontológicos , Esterilização/métodos , Raios Ultravioleta , Ortodontia/instrumentação
15.
Säo Paulo; s.n; 1994. 80 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-143378

RESUMO

O presente estudo avaliou os efeitos danosos sobre a superfície do esmalte humano frente ao emprego do bastäo de neve carbônica, concluindo-se que: 1) as periquimácias observadas, à luz da microscopia ótica, na superfície do esmalte dentário dos dentes testados, näo se alteraram após à aplicaçäo do bastäo de neve carbônica. 2) frente à aplicaçäo do bastäo de neve carbônica, näo foi observada a formaçäo de rachaduras na superfície do esmalte dentário dos dentes testados, tanto ao exame pela microscopia ótica como ao emprego do corante fluorescente penetrante evidenciado pela luz ultra-violeta


Assuntos
Humanos , Esmalte Dentário/efeitos dos fármacos , Esmalte Dentário/ultraestrutura , Gelo-Seco/uso terapêutico , Corantes , Raios Ultravioleta
16.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 42(2): 148-50, mar.-abr. 1988. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-59224

RESUMO

Um estudo comparativo foi feito para verificar a eficiência de polimerizaçäo do sistema de ativaçäo física. As combinaçöes de quatro unidades ativadoras e cinco resinas compostas de ativaçäo por luz visível e uma unidade ativadora e uma resina composta de ativaçäo por luz ultra-violeta foram avaliados em funçäo da espessura (corpos de prova de 1,2 e 3 mm), do tempo de exposiçäo à radiaçäo (20, 40 e 60 seg) e da interposiçäo de uma película de esmalte de um milímetro


Assuntos
Resinas Compostas/efeitos da radiação , Técnicas In Vitro , Luz , Raios Ultravioleta
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA