Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. odontol. Univ. Säo Paulo ; 2(1): 20-4, jan.-mar. 1988.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-80418

RESUMO

Foram utilzados 138 ratos para avaliar a intensidade e a correlaçäo dos efeitos antimitótico e antiflogístico do Imuran e sua associaçäo com o Zyloric e com o Dectancil. O efeito antiflogístico foi avaliado pelos testes edemogênico, contagem global e diferencial dos leucócitos e pelos fluxo de macrófagos em granulomas. O efeito antimitótico foi avaliado pela proliferaçäo das células das glândulas salivares e da medula óssea, estimuladas pelo isoproterenol. Com a associaçäo Imuran/Dectancil, obteve-se acentuado efeito antiflogístico e antimitótico. Conclui-se assim que ambos se correlacionaram no referido esquema terapêutico. O Imuran apresentou-se efetivo como droga antimitótica, e pouco eficiente em relaçäo ao efeito antiproliferativo e da açäo antilogística, de onde se conclui pela existência de uma correlaçäo positiva entre as drogas


Assuntos
Ratos , Animais , Alopurinol/metabolismo , Granuloma , Granuloma/metabolismo , Isoproterenol/metabolismo , Macrófagos/citologia , Mitose/efeitos dos fármacos , Contagem de Leucócitos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA